Estudante que perdeu parte do braço em acidente pede ajuda para comprar uma prótese

1

DianaA estudante Diana Sobreira, 25 anos, sofreu um acidente de trânsito no mês de fevereiro deste ano, em frente ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE), campus Salgueiro. Diana teve fratura exposta no braço direito e os médicos que a atenderam optaram por amputar parte do braço com o intuito de salvar a sua vida.

Diante muitas mudanças que aconteceram na vida da estudante, ela e seus familiares pedem ajuda para conseguir comprar uma prótese mioelétrica, que custa cerca de R$ 110 mil, pois a família não possui recursos financeiros para adquirir o equipamento, o qual facilitará Diana a ter uma vida praticamente normal, uma vez que por enquanto necessita do auxílio de outras pessoas para executar algumas tarefas.

Quem desejar ajudar pode efetuar um depósito em qualquer quantia, em nome de Diana Sobreira Menezes (CPF 074056874-40) na agência do Banco do Brasil, n° 11088, conta-corrente 9880-9.

1 COMENTÁRIO

  1. Prezado Carlos Brito,
    As Instituições Federais contam com uma política do Governo Federal chamada de Plano Nacional de Assistência Estudantil-PNAES. Creio que, com base nesse plano (decreto 7.234/10) e com recursos próprios, a própria instituição poderia fornecer o equipamento que a discente está tentando conseguir. Ademais, acredito que essa situação têm como corresponsáveis diversos atores (União, Estado e Município) então, acredito que, por meio do apoio do próprio Instituto essa demanda poderia ser facilmente atendida, caso não for, a discente poderia ingressar com ação ordinária na Justiça Federal Subseção de Petrolina, colocando esses atores como litisconsorte em uma ação ordinária e pleitear judicialmente a prótese que ela está precisando.
    Peço que publique.
    att,
    Dalila C. Marino

Deixe uma resposta para Dalila Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

3 × 5 =