raullins
Penhor da Caixa
river

Proposta orçamentária prevê salário mínimo de R$ 788,06 para 2015

A partir de 1º de janeiro de 2015, o salário mínimo deve ser R$ 788,06, segundo o Projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa) 2015. Um reajuste de 8,8%. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (28) pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior, depois de entregar a proposta ao presidente o Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL). A ministra antecipou que o texto prioriza investimentos em saúde, educação combate à pobreza e infraestrutura.

Pela Constituição, o prazo de entrega do projeto pelo Executivo termina no dia 31 de agosto. Mas, com a expectativa de conclusão da votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que define as metas e prioridades da administração pública federal, só na semana que vem, durante o esforço concentrado, o governo se antecipou. A LDO deveria orientar a elaboração da peça orçamentária.

Coloquei  toda a equipe do Ministério [do Planejamento] à disposição, para os esclarecimentos necessários, para que o Congresso possa fazer uma análise rápida do Orçamento e votá-lo até o fim do ano, prazo que o presidente do Senado [Renam Calheiros], confirmou que é possível fazer”, explicou a ministra.

No projeto de lei, também consta a estimativa para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5%, no próximo ano. O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimentos, o superávit primário vai para R$ 114,7 bilhões, correspondentes a 2% do PIB. (Fonte: Agência Brasil)

 

saae

Presidente nacional do PDT não acredita que Marina ultrapasse os 20%: “Todo furacão acaba em brisa”

carlos-lupi1212“Todo furacão acaba em brisa. Começa forte, destruidor, violento e acaba fragilizado. Acho que ela tem o teto que é o piso. Não acredito que ela vai muito longe dos 20%”, disse Carlos Lupi presidente do PDT em entrevista para Agência Estado.

O dirigente afirmou que Marina representa um “fundamentalismo religioso”. Para Lupi, a ascensão de Marina seguida da morte de Eduardo Campos é uma forma aproveitar-se da desgraça alheia.

“Não podemos dizer que foi providência divina a desgraça de alguém. Providência divina me salvou e por que não salvou o companheiro? É essa a disputa? Alguém está concorrendo para ser papa, pastor, bispo?”, atacou falando sobre comentário da Senadora de houve providência divina no fato da mesma não estar no avião.

Segundo ele, a desconstrução da imagem de Marina será feita nos Estados e por Dilma com base nas propostas que ela deve defender nos próximos dias de campanha.

“O eixo que temos que trabalhar é nas contradições, fazer ela dizer o que pensa e as pessoas escolherem, ou não, por uma questão clara do que ela vai fazer se amanhã for presidente“. (Fonte: Diário de Pernambuco / Agência Estado)

 

Discursos unificados

Zenildo do Alto do Cocardr pérsio_640x360O vereador Zenildo do Alto do Cocar (PSB) certamente ganhou um aliado de peso na bancada de oposição da Casa Plínio Amorim. Crítico ferrenho da saúde pública em Petrolina, ele terá a partir de agora seu colega Dr.Pérsio Antunes (PMDB) para lhe fazer coro.

Justamente Dr.Pérsio, que já travou embates duros com Zenildo quando este batia na administração municipal, e o peemedebista era líder do prefeito Julio Lossio (PMDB) na Casa.

Após o rompimento entre os dois aliados, é Dr.Pérsio quem agora solta o verbo. Na sessão plenária de ontem (27), ele não poupou as obras de algumas AMEs paralisadas. “É dinheiro público jogado fora”, disparou. Coisas da política.

barretus

Estado do São Francisco: Candidato ao governo da Bahia pelo PSOL levanta antigo projeto

Marcos MendesEm visita ao oeste da Bahia, o candidato ao Governo do Estado Marcos Mendes (PSOL), disse que nunca havia concordado com a separação da Bahia com a criação do Estado do São Francisco.

Porém, em visita à região oeste durante esta semana, Mendes, acompanhado do vice, Ronaldo Santos, lembrou que a população do Oeste defende há muito tempo a separação da região do Governo da Bahia.

Com a separação, seria implementada uma federação própria, autônoma e independente da gestão baiana. “Eu sempre fui contra a separação do Oeste do restante do Estado. Entretanto, depois dessa viagem, comecei a ficar a favor do Estado de São Francisco porque presenciamos um quadro de total abandono e descaso com a população mais carente”, explicou.

O candidato visitou assentamentos rurais, comunidades tradicionais e recebeu apoio de lideranças dos municípios de Riachão das Neves, Barreiras e Luís Eduardo Magalhães.

A região Oeste possui uma relação sensível entre as comunidades tradicionais, a exemplo das quilombolas, ribeirinhas e Fundo e Fecho de Pastos e os latifundiários e as Prefeituras Municipais. (Fonte: Ascom Psol Bahia)

Pesquisa: mais de 50% do eleitores baianos não sabem em quem votar para deputado

pesquisa_eleitoralUma pesquisa divulgada pela Bapesp – Bahia Pesquisa Estatística questionou eleitores sobre as opções dos entrevistados para deputado federal e estadual. Mais de mais de 70% dos pesquisados informaram não ter opção ainda.

Já os nulos e brancos somaram 4,7%. A pesquisa foi espontânea, portanto, sem apresentação de eventuais nomes. O presidente do Legislativo estadual, Marcelo Nilo (PDT), que contratou o instituto, não aparece entre os mais citados – dos 2 mil entrevistados apenas seis sinalizaram o nome de Nilo como opção de voto, sendo que 52% do total afirmaram desconhecer o parlamentar.

Nas candidaturas à Câmara Federal, o número de eleitores que informaram não saber qual opção colocará nas urnas no próximo dia 5 de outubro sobe para 79,1%, enquanto brancos e nulos atingem 4,9%.

A pesquisa Bapesp foi realizada entre os dias 21 e 25 de agosto de 2014, com margem de erro de 2,5 pontos percentuais e para menos. Foram ouvidas 2 mil pessoas em 84 municípios da Bahia. A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral é de nº BA-00010/2014. (Bahia Noticias)

Serra Talhada: empolgado com resultado de pesquisa Carlos Evandro prevê virada de Paulo Câmara

A pesquisa Ibope divulgada esta semana apontando um crescimento de 18 pontos para o candidato Paulo Câmara, candidato ao governo de Pernambuco, trouxe um novo ânimo aos militantes do Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Quem também comemorou o resultado foi o ex-prefeito de Serra Talhada, Carlos Evandro, presidente do diretório municipal do PSB. “A gente já esperava esse crescimento. Paulo Câmara tem potencial e o povo já enxerga isso. Vamos reforçar, daqui pra frente, que ele [Câmara] é o candidato do ex-governador Eduardo Campos. Aliás, está acontecendo o que aconteceu com Eduardo em 2006, que começou lá embaixo nas pesquisas e foi eleito governador. Vamos virar este jogo”, reforçou. (fonte:O Farol de Notícias)

Na reta decisiva de campanha, Fernando Filho e Miguel Coelho emplacam apoio de mais de 100 lideranças comunitárias de Petrolina

Almoço 2Quati 2Na reta decisiva da campanha, Fernando Filho (PSB) e Miguel Coelho (PSB) conquistaram o apoio de mais 100 lideranças comunitárias de Petrolina. O acordo foi selado durante um almoço, na tarde desta quarta-feira (27), no Restaurante da Dudu, no bairro Gercino Coelho, zona leste da cidade.

Em seu discurso, Fernando Filho – que tenta o terceiro mandato na Câmara Federal – destacou a importância da parceria. “Ninguém tem um exército tão grande, tão qualificado e nem tão aguerrido quanto o nosso. Nós temos orgulho de andar ao lado de vocês“, exaltou.

Um dos presentes foi o líder comunitário Miguel do Lacen. Ele conta que a decisão de acompanhar os irmã-candidatos já vem da caminhada de longas datas com o pai deles, Fernando Bezerra Coelho (PSB), candidato a senador pela Frente Popular. “Sempre andei ao lado de Fernando Bezerra. Miguel e Fernandinho herdaram do pai a essência e o cuidado com as pessoas. A forma respeitosa de fazer política e a vontade de acertar são evidentes. Faz gosto caminhar com gente que tem compromisso“, comentou.

 Caminhada

Esse apoio aos dois foi visto na última terça no bairro Quati, zona oeste, durante mais uma caminhada no final da tarde. Miguel, que se candidata pela primeira vez à Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), agradeceu as manifestações da comunidade. “É uma alegria enorme saber que o povo petrolinense e pernambucano se alegra e se sente representado com o nosso nome“, disse. (Foto: assessoria/divulgação)

Representante do MPPE e de entidades filantrópicas de Petrolina rebatem vereador Ronaldo Silva

Ronaldo SilvaNuma nota conjunta, o promotor do Ministério Público de Pernambuco (MPPE),Lauriney Reis Lopes, e as presidentes da Fundação Evangélica Vale do São Francisco (Fevasf), Mary Elde Gomes Queiroz, e Fundação Nilo Coelho, Raimunda Laudêmia Nunes, decidiram rebater as críticas feitas na semana passada pelo vereador governista Ronaldo Souza (PSDB/foto).

Ronaldo lamentou a decisão da justiça, motivada por ação do MPPE, que suspendeu temporariamente a concessão de um terreno pertencente à prefeitura, no antigo Colégio Motiva, para uma empresa de call center que pretende se instalar em Petrolina.

Na nota, os três justificam, a venda de parte das áreas pertencentes às respectivas Escolas EMAAF e Eduardo Coelho (antiga Polivalente),colocada em xeque pelo vereador. Confiram a nota abaixo, na íntegra:

NOTA CONJUNTA

Guilherme realiza caminhada nesta quinta no José e Maria e vai a Santa Maria amanhã

guilhermeO candidato a deputado federal, Guilherme Coelho (PSDB) estará nesta quinta-feira no bairro José e Maria, na zona norte, para mais uma caminhada com amigos e militantes de sua campanha. A concentração será ao lado da Mecânica Bahia, a partir das 17h.

Já na sexta-feira (29), Guilherme segue para o município de Santa Maria da Boa Vista, no Sertão do São Francisco, onde visita a feira e o comércio da cidade ao lado de lideranças locais. À tarde, o tucano seguirá para Izacolândia, onde almoça com representantes da comunidade. No mesmo dia o candidato retorna a Petrolina para encerrar a agenda com uma grande caminhada no bairro Cohab VI, zona oeste, também prevista para começar às 17h.

Brasil atinge mais de 200 milhões de habitantes, diz IBGE

populaçãoO Brasil tem 202.768.562 habitantes, estima o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O levantamento foi publicado no “Diário Oficial da União” nesta quinta-feira (28), e a data de referência usada é 1º de julho de 2014.

Segundo o IBGE, desde a última estimativa, de julho de 2013, o Brasil tem mais 1.735.848 habitantes — um aumento de 0,86%. O texto também traz as estimativas populacionais de cada município do país.

Entre as unidades da federação, o estado mais populoso continua sendo São Paulo, que conta com mais de 44 milhões de residentes.

O estado de Minas Gerais tem 20,7 milhões de habitantes e o Rio de Janeiro, 16,46 milhões. A Bahia tem 15,12 milhões e o Rio Grande do Sul, 11,20 milhões. O menos populoso é o estado de Roraima, com 496,9 mil habitantes.

São Paulo lidera o ranking das 10 cidades mais populosas com 11.895.593 habitantes. Em seguida estão Rio de Janeiro (6.453.682), Salvador (2.902,927), Brasília (2.852.372), Fortaleza (2.571.896), Belo Horizonte (2.491.109), Manaus (2.020.301), Curitiba (1.864.416), Recife (1.608.488) e Porto Alegre (1.472.482).

Sem capitais

Quando as capitais são retiradas do ranking de municípios mais populosos, Guarulhos (SP) lidera com 1.312.197 habitantes. Em seguida estão Campinas (SP), com 1.154.617, São Gonçalo (RJ), com 1.031.903, Duque de Caxias (RJ), com 878.402, e São Bernardo do Campo (SP), com 811.489.

Entre as 5 menos populosas estão Serra da Saudade (MG), com 822 moradores, Borá (SP), com 835 habitantes, Araguainha (MT), com 1 mil habitantes, Oliveira de Fátima (TO), com 1.091 habitantes, e Anhanguera (GO), com 1.093 moradores.

A projeção das populações é feita anualmente a pedido do Tribunal de Contas da União (TCU) e serve de base para o repasse de recursos do orçamento aos municípios. (Fonte: G1)

Geraldo da Acerola investe no corpo a corpo para conquistar eleitor

10616640_445168738954811_6933416048007871864_nO vereador Geraldo da Acerola (PT) tem dando um jeito de conciliar as atividades na Casa Plínio Amorim, onde exerce seu primeiro mandato, e sua campanha em busca de uma vaga na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). O  petista não perde tempo e, com a proximidade das eleições, está investindo no corpo a corpo para conquistar o voto do eleitor.

Além de Petrolina, Geraldo tem visitado outros municípios do Sertão como Serra Talhada, Floresta e Triunfo. Segundo a assessoria, o candidato vem cumprindo uma extensa agenda, principalmente nos finais de semana, e já adotou para a sua campanha o roteiro das feiras livres em Petrolina.

Ele agora estenderá esse formato para outras áreas da cidade e demais localidades do estado. Segundo Geraldo, a campanha está em fase de crescimento. “Esse é um momento muito positivo para avaliarmos essa questão. Seguimos ainda mais entusiasmados, porque estamos notando uma adesão muito boa do povo do nosso estado“, afirmou. (Foto/divulgação)

No Jornal Nacional, Marina diz desconhecer irregularidade em compra de jatinho que levava Eduardo

20140827211820232067aA candidata à Presidência pelo PSB, Marina Silva, disse nesta quarta-feira (27) que, enquanto candidata a vice de Eduardo Campos, não tinha informação de qualquer irregularidade envolvendo a contratação da aeronave utilizada na campanha. “Nós tínhamos informação de que era um empréstimo e que seria feito o ressarcimento no prazo legal”, disse, na entrevista ao Jornal Nacional, da TV Globo. Segundo Marina, o ressarcimento seria feito ao fim da campanha, pelo comitê financeiro do então candidato.

Marina afirmou respeitar o trabalho da imprensa, mas disse ter “compromisso com a verdade”. A questão será apurada pelas investigações da Polícia Federal. “O nosso interesse e a nossa determinação é de que essas investigações sejam feitas com todo o rigor para que não se faça injustiça com a memória de Eduardo.”

Pouco antes da entrevista, o Jornal Nacional exibiu uma reportagem que mostrou evidências do suposto uso de empresas de fachada para viabilizar o financiamento do jatinho, usado por Campos na campanha e no qual ele e outras seis pessoas morreram, em 13 de agosto. (Fonte:Diário de PE)

Com críticas a alguns parlamentares, Osinaldo afirma que lutará por geração de empregos e educação de tempo integral

OsinaldoNa série de entrevistas deste Blog com os candidatos a deputado estadual, o ex-vereador Osinaldo Souza (PTB) foi o próximo. Servidor público federal concursado, ele tentará uma vaga à Assembleia Pública de Pernambuco (Alepe) com a mesma disposição de quem concorreu em 2010, a federal, e em 2008, quando se elegeu vereador de Petrolina.

Polêmico, o candidato fez críticas à postura de alguns deputados estaduais da região, apesar de não citar nomes  e enfatizou que os atuais parlamentares que representam o Sertão na Alepe precisam mostrar uma atuação mais eficientes, ao invés de apenas formulares críticas ao governo do estado. O recado, mesmo que indiretamente, foi endereçado a Odacy Amorim (PT) e, principalmente, a Adalberto Cavalcanti (PTB).

Osinaldo ressaltou ainda que sua bandeira, caso seja eleito, é lutar por  uma Zona Industrial. “A zona franca do Vale do São Francisco. Eu quero industrializar essa cidade. Se a família Coelho tem a marca da irrigação, eu quero deixar a marca da indústria em Petrolina”, afirmou.

Confiram:

Blog – O senhor foi candidato a vereador tentando renovar seu mando e não obteve êxito. O que faz pensar que agora o senhor poderá ser eleito para deputado num pleito que exige uma votação maior?

Osinaldo Souza – A eleição de deputado, de vereador tem uma diferença absurda. Na de vereador concorremos com 220 candidatos, agora estamos concorrendo com seis candidatos aqui na nossa região. E na Assembleia Legislativa tem 49 vagas. E dizer também que eu obtive a 12ª maior votação na eleição de vereador, não estou no mandato por conta da coligação, mas tive uma votação extraordinária, e cada vez que lembro, só tenho a agradecer Petrolina. Existem hoje na Câmara (Casa Plinio Amorim), nove vereadores com menos votos que eu, e que estão exercendo seus mandatos.

Blog – Temos um dado aqui para lembrar, o senhor é suplente de deputado federal?

O.S – Eu sou suplente de deputado federal, na eleição de 2010 eu fui o nono suplente da Coligação que elegeu 20 deputados federais, alguns forma chamados, como Ana Arraes, que foi para o TCU. Danilo Cabral foi para a Secretaria, eu devo estar na 5ª posição, até o final do ano o mandato vigora. Se eu fiquei em suplente bem colocado na eleição para federal, acredito que tenho chances para ficar bem colocado na eleição para deputado estadual.

Blog – Osinaldo, porque o senhor quer ser deputado?

O.S – Quando vejo em Pernambuco, as crianças ou nossos adolescentes e jovens estudarem em escolas que não tem ensino integral, eu quero ser deputado. Quando eu passo num terminal rodoviário de Pernambuco, de Petrolina, Recife e vejo a infraestrutura precária, eu preciso ser deputado. Quando eu passo nas delegacias que são sucateadas no estado de Pernambuco, todas elas praticamente, eu preciso ser deputado. Precisamos de deputados que reivindiquem, para que a gente possa ter um Pernambuco melhor.Quando eu vou ao projeto Nilo Coelho, Bebedouro, Maria Tereza, e vejo que não tem água tratada para a população beber. Acho que precisamos de deputados autênticos, capazes, e que não fiquem simplesmente na retaguarda. A Compesa em Petrolina: tanta dificuldade em levar água para nossas casas, e porque quase ninguém fala disso? Só porque é aliado do Governador? Não, nós temos que reivindicar, e com certeza Pernambuco já tem estrutura financeira para atender seus filhos.

Blog – Isso é uma crítica aos deputados que foram votados em Petrolina, eles não estão trabalhando?

O.S – Não quero citar nomes. Mas você vê um deputado estadual dizer que passou três anos sem falar com o Governador. Eu era vereador de Petrolina, e quando ia para Recife, falava com o governador, porque um deputado não falava? Você vê alguns deputados que passam quatro anos falando do mesmo projeto, e nem é algo tão relevante para a sociedade. Acho que os deputados precisam ser mais atuantes, precisam mostra as necessidades de Petrolina. Diversas PEs (estradas) sem estrutura. Viajei recentemente naquela estrada de Floresta, de Ibimirim até Cruzeiro do Nordeste, o ‘rodão’ do carro não presta mais, porque só da pancada que elevou. As rodovias do estado estão sucateadas. E eu não vejo deputado estadual nenhum reclamando ou reivindicando. Eu quero dizer a Petrolina, nossa região e toda Pernambuco: Vocês me conhecem, eu sou diferente, não guardo sujeira debaixo do tapete não. Se existe sujeira ela tem que aparecer.

Blog – O senhor já tem alguns apoios aqui em Petrolina? Quem são os apoios mais expressivos? E fora da cidade?

O.S – Na última eleição em 2010, eu fui votado em 168 municípios pernambucanos. Eu preciso simplesmente dobrar duas vezes e meia a votação, que tive para Deputado Federal e terei o mandato de Estadual garantido. Eu tenho diversos apoios de lideranças, sindicatos, lideranças religiosas, culturais. Não tenho parceria com Deputado Federal, ainda estou analisando. O Deputado Federal que eu vou apoiar vai ter que se comprometer num projeto maior que tenho para Petrolina: a zona franca do Vale do São Francisco. Eu quero industrializar essa cidade. Se a família Coelho tem a marca da irrigação, quero deixar a marca da indústria em Petrolina. Precisamos trazer o que o Governador trouxe com o Presidente Lula e a Presidente Dilma, aquela montadora para Goiânia.

Blog – Como senhor avalia seu mandato como vereador? Você acha que isso lhe respalda para ser deputado? a companhia com Alvorlande ajudou ou atrapalhou?

O.S – Eu fui parceiro de todos os vereadores na Câmara Municipal. Nunca tive um projeto rejeitado, fiz parte de todas as comissões, tive a companhia de todos os amigos ali na Câmara. É bem verdade que pelo fato do vereador Alvorlande ser presidente de comissão e eu secretário, nos tínhamos um trânsito maior nas comissões e precisávamos estar mais perto um do outro, mas ninguém atrapalha ninguém. Acredito que exerci um mandato relevante na legislatura 2009-2012 aqui em Petrolina. Apresentei diversos projetos extraordinários e visionários, e Petrolina vai ver como será beneficiada em 20, 30 anos com os projetos que apresentamos.

Blog – Os números do governador que o senhor apoia estão desfavoráveis pela primeira vez, o senhor acha que Armando vai ganhar a eleição?

Osinaldo – Eu acredito. Ele tem todas as características e atribuições para conseguir esse mandato. A pesquisa de ontem era esperada, um crescimento devido à emoção que Pernambuco esteve desse embate que nós sofremos, devido o amigo Eduardo Campos. Mas Pernambuco vai avaliar os candidatos, qual a vida política de Paulo Câmara e de Armando Monteiro? Qual o perfil de Armando, Armando é capaz de se submeter a isso ou aquilo? Ou Armando tem luz própria?

Blog – Qual sua maior bandeira como deputado? E qual seria então sua primeira ação como parlamentar eleito de Petrolina?

O.S – Cobrar do relator Gonzaga Patriota (deputado federal) a zona franca do Semiárido, que ele estenda até a nossa região, ou pedir a um deputado federal, com quem vou fazer parceria, que apresente novo projeto na Câmara Federal. Precisamos industrializar Petrolina. Essa vai ser minha bandeira: geração de empregos e educação em tempo integral.

Blog – Que apoio o senhor tem efetivamente dos grupos evangélicos?

O.S – Diversos apoios, de diversas lideranças evangélicas, católicas, sou servidor público, de sindicatos rurais, então nos precisamos de 30 mil votos. Estamos lutamos para termos acima de 40 mil.

Blog – Que avaliação o senhor faz do governo municipal da cidade em que mora?

O.S – Eu fiscalizei bem quando vereador. Diversas denúncias nós fizemos no Ministério Público Federal, no Ministério Público Estadual. Petrolina estagnou em algumas áreas e é preciso reagir. Não vou tirar o mérito do que foi feito, ninguém passa quatro anos sem fazer nada. Agora, tem muito que fazer. Agora a eleição é estadual, e não municipal, então não vou entrar nesse mérito.

Durante ato no Recife, Paulo Câmara promete dobrar salário de professores do Estado

Foto Aluísio Moreira_17Em um ato de campanha realizado nesta quarta-feira (27), no Clube Internacional do Recife, o candidato ao governo de Pernambuco pela Frente Popular, Paulo Câmara (PSB), prometeu que, caso seja eleito, irá dobrar o piso dos professores estaduais. Em discurso para mais de 5 mil pessoas, entre docentes, gestores, estudantes, servidores e funcionários da rede de ensino, o socialista assumiu o compromisso.

Avançamos muito na Educação desde 2007, mas ainda é preciso construir muito mais. Precisamos qualificar mais e remunerar melhor os nossos professores. Nos quatro anos do meu mandato, seremos capazes de dobrar a remuneração da categoria“, garantiu.

Além do reajuste, Câmara também declarou que vai aumentar de 1,6 mil para 3 mil o número de alunos que participam anualmente do programa Ganhe o Mundo, onde os estudantes têm a oportunidade de conhecer um país estrangeiro e aprender uma nova língua. A iniciativa também amplia as vagas para que os professores de toda a rede participem de programas de mobilidade acadêmica.

Nos pouco mais de sete anos e meio do Governo Eduardo e João Lyra Neto (PSB), nós mais que dobramos essa remuneração. Isso mostra que esse Governo sabe construir, sabe tirar as coisas do papel. Há espaços fiscais para levantarmos esses recursos porque temos hoje um Estado enxuto. Também construímos as condições para o crescimento e atração de muitos investimentos, o que já acontece, mas que será ampliado bastante nos próximos anos. Isso significa aumento da arrecadação”, explicou.

O candidato também destacou o Programa ‘Nova Escola Integrada de Pernambuco’, que cuidará da formação dos estudantes do Estado, desde a primeira infância até o Ensino Superior. Ele ressaltou, entre as propostas, a universalização das escolas em ensino integral, nas quais serão feitas parcerias com os municípios para que cada um deles tenha pelo menos uma unidade do tipo, garantindo matrícula a todo aluno da rede que quiser uma vaga. Paulo também ressaltou a Rede de Escolas Técnicas do Estado, que terá 40 unidades a partir de 2015, com capacidade para formar até 50 mil alunos, e a criação de uma Faculdade Técnica, para a formação de professores. (Fonte:Assessoria/foto:Aluísio Moreira)

Lossio encontra-se com senador aliado de Armando em Brasília

visitaLossio_CintraO prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB), esteve mais uma vez em Brasília (DF). Na agenda, ele se reuniu com o senador Douglas Cintra (PTB-PE) – do mesmo partido do candidato a governador Armando Monteiro Neto, o qual Lossio apoia.

O gestor municipal buscou, junto a Cintra, incentivos para viabilizar ações e projetos nas áreas de saúde e educação. O senador demonstrou interesse no que se refere à acessibilidade e se dispôs a ajudar Lossio no que for possível. (Foto: Ascom PMP/divulgação)

 

 

Estudantes da Ilha do Massangano participam de oficinas no IF Sertão-PE

DSC03304Estudantes da Escola Municipal Santo Antônio, da Ilha do Massangano, área ribeirinha de Petrolina, participaram de mais uma oficina de produção e postagem de textos, utilizando os recursos da Rede Mundial de Computadores. A iniciativa faz parte do projeto ‘Pertencer – Eu vim da Ilha’, aprovada pelo Fundo de Incentivo à Cultura do Governo. A oficina teve como orientador o professor-mestre Ricardo Bittencourt, que trabalhou com os alunos técnicas de postagens no Facebook, envio e recebimento de e-mails, disponibilidade de conteúdos em blogs e inserção de vídeos.

Esse foi o segundo encontro do docente com os alunos da Ilha do Massangano. Nessa atividade, além de compartilharem informações e habilidades, os alunos puderam digitar e postar conteúdos sobre a comunidade no blog “Ilha do Massangano”, criado durante a oficina. Os textos produzidos também serão publicados num jornal impresso, denominado “A Ilha”, que será editado em outubro.

Para Bittencourt, os alunos demonstraram boa aptidão para manipular as ferramentas da internet, mas é necessário exercitar o uso com maior frequência. “A maioria não dispõe de computadores em casa, contudo o fascínio deles pelas descobertas é flagrante, creio que esse interesse facilita o trabalho dos professores nas diversas disciplinas e áreas do conhecimento e temos que potencializar essa experiência da melhor maneira“, afirmou. As informações são da assessoria.

Afrânio: Festa do Tamarindo de Caboclo receberá caravana técnica do Sebrae-PE

CARTAZ CABOCLO 2014 - ok (2)Uma caravana técnica coordenada pelo Sebrae-PE/Unidade Sertão do São Francisco, estará no povoado de Caboclo, município de Afrânio (PE), neste domingo (31), prestigiando a tradicional Festa do Tamarindo, que acontece neste final de semana.

A caravana vai identificar os atrativos turísticos e elaborar um roteiro com foco no desenvolvimento do turismo sertanejo. A iniciativa é uma parceria com a Comissão de revitalização de Caboclo e a Prefeitura Municipal de Afrânio.

O público alvo são artesãos, guias e gestores de turismo, agentes de viagens e empresários do ramo de restaurantes e hospedaria. Os interessados podem ligar para o telefone: (87) 2101-8909.

Programação:

8h – Saída de Petrolina – Centro de Convenções – Sebrae;
9 – Chegada ao Povoado de Caboclo – Afrânio;

9h15 às 10h – Organização da Feirinha de Artesanato;

10h às 15h

- Concurso de Produtos e derivados do Tamarindo;
- Exposição de Artesanatos;
- Apresentações Culturais.

15h30 às 17h – Visita Técnica ao Município de Afrânio;

17h – Retorno para Petrolina.

Detento do regime semiaberto é preso com revólver e faca nas proximidades do presídio de Petrolina

Um detento que estava em regime semiaberto foi preso ontem (27) com um revólver e uma faca tipo peixeira nas proximidades da Penitenciaria de Petrolina, no bairro Henrique Leite. Segundo informações do boletim do 5ºBatalhão de Polícia Militar (5ºBPM), os policiais foram acionados por populares que informaram que um homem armado estaria em frente a uma lanchonete local.

Ao chegarem ao local os policiais encontraram o suspeito já se deslocando em direção à Penitenciaria. Marcones Xavier dos Santos, 22 anos, foi conduzido à 1ªDelegacia de Polícia Civil, onde foram tomadas as medidas legais cabíveis.