Mande sua notícia para o Blog

Empresários de Juazeiro conhecerão potencial do polo de confecções de Pernambuco

A comitiva de gestores do Moda Center Santa Cruz estará nesta quinta-feira (30) em Juazeiro (BA) para divulgar seu potencial a empresários de uma das principais cidades do Nordeste brasileiro. Bastante conhecido por suas dimensões gigantescas, o maior centro atacadista de confecções do país fica em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste pernambucano, e reúne mais de dez mil pontos de venda entre lojas e boxes. O evento será a partir das 19h, na sede da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), no bairro Alagadiço. A entrada é gratuita.

“Estamos focados principalmente nos comerciantes e atacadistas que trabalham com artigos de vestuário e acessórios, alguns dos itens de maior destaque do nosso amplo mix de estilos e peças. Atualmente, já recebemos uma quantidade expressiva de clientes de Salvador, Feira de Santana e outros municípios próximos, mas sabemos da força e da importância do polo econômico do Vale do São Francisco e pretendemos incrementar o fluxo de compradores oriundos da área de abrangência deste importante núcleo urbano do Sertão nordestino, que inclui cidades como Juazeiro, Sobradinho, Curaçá e Casa Nova”, explicou o síndico do condomínio, Allan Carneiro.

De acordo com o gestor, muitos comerciantes e atacadistas do Sertão já podem ter adquirido itens made in Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco sem saber. “Há muitos lojistas de Juazeiro, de Petrolina e da região abastecendo seus estoques em tradicionais destinos de compras como Fortaleza e São Paulo que, por sua vez, já são consumidores do Moda Center Santa Cruz. Nesse caso, os empresários eliminariam etapas e teriam possíveis ganhos maiores se forem diretamente no nosso empreendimento, conseguindo preços melhores e com acesso a uma maior variedade de peças”, acrescentou.

Segundo Carneiro, o público do evento conhecerá o processo histórico que tornou uma humilde feira de rua num parque de números monumentais. “Mostraremos a nossa cultura empreendedora e criativa”, enfatizou. Os participantes ainda terão acesso a um mostruário com peças dos muitos estilos disponibilizados no centro atacadista, desde lingerie até moda infantil, passando pelas linhas praia, fitness, jeans, esportiva e surf e street wear.

A realização do encontro ocorre em parceria com a CDL Juazeiro. Para inscrições e mais informações, o telefone é (74) 3611.7751.

Saiba mais

Referência nacional no setor, o Moda Center Santa Cruz é o maior centro atacadista de confecções do Brasil, reunindo mais de 10 mil pontos comerciais, entre lojas e boxes. Ele oferece um mix de produtos variados, com destaque para roupas e acessórios, comercializados especialmente em grande escala.

Nas segundas e terças ocorrem as chamadas feiras, quando todas as unidades de venda estão funcionando. Na alta temporada, o empreendimento chega a receber uma média semanal de 150 mil clientes vindos de todo o país, com predominância dos estados do Norte e Nordeste e crescimento dos oriundos do Centro-Oeste e Sudeste, a exemplo de Minas Gerais.

O parque disponibiliza seis praças de alimentação, estacionamento gratuito para 6,5 mil veículos e rede própria de hotéis e dormitórios com cerca de dois mil leitos. O local ainda conta com posto ambulatorial, caixas eletrônicos, banheiros, fraldários, carrinhos de compras, sistema de som e TV e circuito interno de segurança. (Foto: Ascom)

Câmara de Petrolina muda mais uma vez dia de sessão ordinária

Pegando carona na pauta das audiência públicas propostas pelos vereadores da atual legislatura de Petrolina, o presidente da Câmara Municipal, vereador Osório Siqueira (PSB), transferiu mais uma vez para sexta, agora no dia 31, a sessão ordinária desta quinta, 30. No ofício encaminhado aos vereadores, população e veículos de comunicação, Osório ressalta que a sessão não sera 9h como nos dias normais de reuniões, mas acontecerá às 19h, dentro da audiência pública sobre segurança proposta pelo vereador Ronaldo Cancão (PTB).

A audiência está marcada para ocorrer no ginásio da Escola José Joaquim André Cavalcante, localizada na Avenida Francisco Coelho de Amorim, S/N. bairro José e Maria, zona norte de Petrolina.

“Na oportunidade será discutido assuntos sobre a Segurança Pública na cidade de Petrolina, no que se refere aos grandes transtornos causado pela falta de segurança”, conclui Osório no ofício sobre a mudança de dia e horário das sessões plenárias da Casa Plínio Amorim.

A primeira mudança das reuniões ordinárias ocorreu no começo do mês quando da realização do debate sobre a reforma da previdência social, pautada pelo vereador Osinaldo Souza (PTB) que também ocorreu numa sexta-feira, tendo junto a reunião ordinária do poder legislativo petrolinense que regimentalmente tem como dias de sessão, terças e quintas-feiras.

Curso sobre exportação está aberto no Sebrae em Petrolina

 

Estão abertas as inscrições para o curso Passaporte para a Exportação, em Petrolina. O curso, que será realizado de 03 a 11 de abril, é voltado para produtores da fruticultura, agroindústrias e empresários de micro e pequenas empresas com potencial para exportação. Realizado pelo Sebrae em Pernambuco, por meio da  Unidade do Sebrae no Sertão do São Francisco, o curso tem o objetivo de capacitar os produtores e empresários interessados em ampliar seus mercados, exportando produtos com qualidade e adaptados as especificidades locais.

A capacitação destaca ainda a importância do planejamento para a internacionalização com sustentabilidade, possibilitando o aumento da competitividade dos produtos das micro e pequenas empresas. Permitindo ao empresário responder a questões como: Porque exportar? Minha empresa está pronta para exportar? O preço do meu produto é competitivo? O participante conhecerá também a documentação necessária, habilidades e formas de pagamento na exportação.

O treinamento é uma oportunidade para os que já exportam e para os que pretendem desenvolver um projeto para exportação. Com carga horária de 45 horas, em 13 encontros, a programação também inclui duas horas de consultorias individuais por empresa participante, e visita técnica ao Terminal de Cargas do Aeroporto de Petrolina – Teca.

Estão sendo oferecidas 20 vagas, e as inscrições podem ser feitas até a manhã do dia 03, na Unidade do Sebrae, localizada na Avenida 31 de Março, no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho, Centro de Petrolina. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (087) 2101-8902/2101-8904/2101-8918. O investimento é de R$160.

Secretária confirma adesão de Petrolina ao programa ‘Criança Feliz’

O município de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, não aparece na lista dos municípios contemplados pelo programa ‘Criança Feliz’, do Governo Federal. A iniciativa promove o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância. O município sertanejo ficou fora da lista devido ao baixo ID-CRAS (Índice de Desenvolvimento dos Centros de Referências da Assistência Social) no ano de 2015.

Para participar do programa, o índice – que mede a qualidade dos serviços prestados nos CRAS, além da quantidade de equipes e da estrutura física dos centros – deve chegar a 3. Petrolina, em 2015, teve a média de 2.33, tornando o município inelegível para participar da iniciativa.

“Mesmo sendo considerada cidade de grande porte, Petrolina ficou fora do programa devido ao ID-CRAS de 2015, que foi bem menor que 3. Municípios menores, como Cabrobó, Parnamirim e Ouricuri, por exemplo, alcançaram o índice de 3.33, enquanto Petrolina ficou abaixo de 2.5”, explicou a secretária de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos de Petrolina, Kátia Carvalho.

A boa notícia é que o prefeito Miguel Coelho conseguiu inserir Petrolina no programa após uma visita, no início deste mês, ao ministro de Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra. Na oportunidade, o gestor se comprometeu a mudar a realidade encontrada nos CRAS do município.

“Já estamos trabalhando na reestruturação física e inserindo a equipe de busca ativa nas unidades. Encontramos centros sem acessibilidade, profissionais insuficientes e até um CRAS que funcionava dentro de uma AME”, destacou.

Programa Criança Feliz

O programa Criança Feliz prioriza gestantes e crianças de até três anos beneficiárias do Bolsa Família, e as de até seis anos e suas famílias beneficiárias do Benefício de Prestação Continuada (BPC). O ponto central da iniciativa é a visitação domiciliar. Técnicos capacitados vão até as casas das famílias para mostrar aos pais a maneira correta de estimular o desenvolvimento dos filhos, principalmente nos primeiros mil dias de vida da criança.

Leitor reclama de carro abandonado que pode provocar acidentes em via que dá acesso ao bairro Park Massangano

O leitor do Blog, Fábio Amorim, escreve indignado. Ele reclama de um carro queimado que encontra-se abandonado, segundo ele, desde o fim de semana, colocando em risco a vida de quem precisa transitar nas proximidades do bairro Park Massangano.
“Esse veículo que incendiou no sábado à noite, encontrar-se na pista que dá acesso ao Park Massangano. Ninguém toma uma providência. Estão esperando acontecer algum acidente para remover essa sucata do local”, desabafou Fábio.

Desenvolvimento Urbano irá atuar com rigor no processo de legalização dos licenciamentos em Petrolina

Em entrevista ao Blog, o secretario de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade de Petrolina, Eduardo Carvalho, disse que a adequação ao licenciamento urbano da cidade, está entre as prioridades da pasta. A intenção, conforme o secretário é adequar imóveis e construções que estarão incluídas na nova legislação aprovada semana passada na Câmara Municipal. Matéria proposta pelo poder executivo, as novas regras buscam regularizar edificações que não atendiam a legislação de obras e posturas e ao próprio Plano Diretor do município.

“Vamos verificar que os processos de licenciamentos urbanos. Reformas, demolição, construções, vinham descumprindo os parâmetros previstos no código de obras do Plano Diretor de 2006 que é o que estar em vigor. Tem construtor construindo 100% do terreno quando o código prevê até 70%. Muitas coisas vinham sendo desrespeitadas”, elencou o secretário.

Essa lei foi um freio de arrumação nessas ilegalidades que vinham ocorrendo, comentou Eduardo. “Construções já concluídas ou em fase de conclusão, não tínhamos mais como embargar, demolir, então foram criados paramentos onerosos para pagar pelo que excedeu e em contrapartida eles ficarão regular perante a Prefeitura”, acrescentou o secretário Eduardo Carvalho.

Fundo

Conforme a lei aprovada na Câmara e sancionada pelo prefeito Miguel Coelho (PSB), será criado um Fundo de Manutenção Urbano que receberá as taxas dos empreendimentos irregulares que irão se adequar. Esses empreendimentos ainda irão contribuir com esse fundo. Os recursos, segundo a lei, serão utilizados em uma série de melhorias urbanas na cidade.

Sindicato dos Bancários de Juazeiro participa de manifestação do 31 de março

Após os atos populares realizados no dia 8 e 15 de março, as centrais sindicais e movimentos sociais se organizam para mais uma manifestação contra os ataques aos direitos trabalhistas promovidos pelo governo de Michel Temer em todo país. A próxima grande mobilização acontecerá na sexta-feira (31) e o Sindicato dos bancários de Juazeiro/BA estará presente. Na noite da última terça-feira (28), a direção da SEEB esteve reunido no auditório do STTR para discutir como se dará essa manifestação.

O ato do dia 31 está sendo organizada pela  Frente Brasil Popular e Frente Povo Sem Medo, entre outras entidades como Central Única dos Trabalhadores (CUT). O objetivo é iniciar a construção de uma greve geral capaz de frear os retrocessos promovidos pelo golpista Temer. Serão realizadas manifestações contra o desmonte da Previdência e a reforma trabalhista, além da terceirização. Greve geral acontecerá dia 28 de abril. Para o presidente do Sindicato dos Bancários de Juazeiro, os manifestos são importantes para as conquistas do povo.

“Na próxima sexta-feira estaremos na rua contra a reforma da Previdência, a Reforma Trabalhistas e contra esse absurdo da aprovação da terceirização. Precisamos estar unidos ainda mais nesse momento de crise política no país“, disse. A terceirização irrestrita já foi aprovada pela Câmara Federal. Para quem não sabe, a prática reduz os salários, aumenta a jornada de trabalho, acaba com direitos, como férias e 13º salário, e enfraquece as categorias. (Foto: Ascom)

Comissão de Agricultura da Alepe promove audiência pública sobre efeitos da transposição em reservatórios de Floresta

Os efeitos do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf) na perenização do Riacho do Navio, em Floresta, sertão de Itaparica, foram discutidos em audiência pública, nesta terça (28), na Câmara de Vereadores do município. O encontro foi solicitado pelo presidente da Comissão de Agricultura, deputado Claudiano Martins Filho (PP). O deputado Rodrigo Novaes (PSD), que comandou o debate, destacou a necessidade de revitalização e modernização da barragem Barra do Juá para que seja receptora da barragem Muquém, também em Floresta. Sofrendo com a seca há seis anos, a população local denunciou não estar sendo beneficiada com a transposição do Velho Chico.

Vamos nos unir pra reivindicar que essa água possa ser usada pelo povo florestano. É preciso haver um volume que torne possível, ao menos, a pesca e a subsistência das pessoas da região”, alertou Novaes, que encomendou laudo técnico ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), para atestar a capacidade de funcionamento de Barra do Juá. Além de se comprometer a averiguar os reparos necessários para a barragem, o coordenador do Dnocs estadual, Marcos Rueda, sugeriu a ampliação do debate. “Que se convoque também o Ministério da Integração, a Codevasf e a Apac”, frisou.

Maria da Guia, vice-presidente da Associação dos Pescadores, relatou alguns problemas enfrentados por pessoas que só viviam da pesca: “Temos mais de 30 famílias sofrendo muito. Elas não têm condições de sair da Barra do Juá e pescar no São Francisco. Estão perdendo seus benefícios junto à Previdência porque estão há anos sem exercer as atividades”.

Ricardo Souza, coordenador do Conselho dos Usuários do Açude Barra do Juá, condenou a possibilidade de os moradores terem de arcar com a água que antes consumiam gratuitamente. Segundo ele, “90% dos produtores de Riacho do Navio são agricultores familiares. Eles deveriam ter algum tipo de concessão para não pagar nada”, pontuou.

Pagar água onde já se vive castigado com a seca é o pior crime que pode acontecer nesse momento”, completou o presidente da Câmara Municipal, o vereador Beto Souza. Sobre o assunto, o representante da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Sérgio Torres, explicou que o “município não tem água, tem terra”. “Se o rio percorre mais de um Estado, o curso d’água pertence à União. No caso de Pernambuco, a gestão vai ter que definir qual operador estadual fará a mediação entre os usuários e a esfera federal. A Compesa é um deles”, observou.

Rodrigo Novaes apoiou a ideia de criar uma tarifa social de irrigação para terrenos de até um hectare. “Vou levar a proposta ao Governo Federal”, enfatizou.

Ainda foi definido na audiência o prazo médio de oito meses para conclusão dos reparos na barragem, contados a partir de agosto deste ano, quando espera-se iniciar a requalificação da estrutura. Após a audiência pública, o deputado Rodrigo Novaes seguiu em comitiva para vistoriar a barragem Barra do Juá.

Projeto da Transposição 

Considerado o maior empreendimento hídrico do País, o Projeto de Integração do Rio São Francisco pretende beneficiar 12 milhões de brasileiros. A construção, que recebeu o investimento de R$ 9,6 bilhões, terá 477 quilômetros de extensão e vai abastecer 390 cidades de Pernambuco, Ceará, Rio Grande do Norte e Paraíba.

 

Vereadores desconversam sobre formação de bancada independente na Casa Plínio Amorim

Os vereadores Gaturiano Cigano (PRB) e Cícero Freire (PR) desconversaram ao serem questionados sobre a possível formação de uma bancada independente na Câmara Municipal de Petrolina. Cícero em dois momentos da sessão realizada nesta terça, 28, teve posicionamentos diferentes.

Quando estava sem o colega, vereador Gaturiano Cigano perto, confirmou que existe sim essa possibilidade, mas momentos depois, na frente de Cigano, ficou mudo, não falou nada. Deixou a imprensa sem resposta e a dúvida no ar.

Já Gaturiano se pronunciou e disse que está tranquilo integrando a bancada governistas, apesar de saber que o prefeito Miguel Coelho (PSB) ainda tem muitas demandas de seus apoiadores na Casa.

“Eu estava junto com Osinaldo e Cícero discutindo o voto na chapa da União dos Vereadores de Pernambuco da qual Cícero faz parte. A discussão era essa. Claro que sabemos que o prefeito Miguel Coelho ainda deve fazer ajustes, ainda existem demandas que ainda não foram atendidas, mas eu estou satisfeito na bancada do prefeito. Tranquilo“, desconversou o vereador Gaturiano Cigano.

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br