UPE não irá adotar novo vestibular este ano

por Carlos Britto // 21 de abril de 2009 às 19:09

O vice-reitor da Universidade de Pernambuco (UPE), Reginaldo Inojosa, declarou na manhã dessa segunda-feira, que a instituição não irá aderir ao vestibular que utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no lugar das provas tradicionais este ano.

O anúncio foi feito durante o 25º Encontro Regional de Pro-reitores da Graduação, que termina nesta terça, no Hotel Dorisol, em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. Segundo Inojosa, a UPE não teria condições de alterar o calendário a tempo de aderir ao sistema, mas espera realizar a mudança no próximo ano.

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) estudam a possibilidade de implantar o novo sistema e ainda discutem detalhes. O anúncio oficial de ambas deve ser feito até a próxima semana. “Estamos com expectativa muito positiva”, afirma o reitor da UFRPE, Valmar Corrêa. Na sexta-feira, a UFPE promoverá um encontro com pais, estudantes, professores e diretores de colégios para discutir as possíveis mudanças.

Se aceitarem utilizar a nota do Enem como substituição ao vestibular tradicional, ambas as instituições devem adotar formas de privilegiar os estudantes pernambucanos. “Inicialmente, planejamos ter algum tipo de incentivo para os alunos do interior”, explica o reitor da UFPE, Amaro Lins. As universidades oferecem bônus de 10% nas notas dos estudantes do interior que prestam vestibular para a região onde vivem. O vice-reitor da UPE defendeu a instalação de cotas para jovens de outros Estados.


Fonte: JC

UPE não irá adotar novo vestibular este ano

  1. Opara disse:

    Essa preocupação tem que existir. Caso contrário, as faculdades do interior servirão apenas para formar pessoas dos centros mais desenvolvidos.

  2. Opara disse:

    É interessante como os comentaristas deste blog só se manifestam sobre política. Dá a entender que “comem” o que a política dá. Ou seja, sobrevivem da politicagem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *