Primeira assembleia do Instituto de Pesquisa Avançada da Uva e do Vinho Tropical será realizada em Lagoa Grande nesta sexta-feira

0

Figeuiredo Secretario de Lagoa GrandeCom o objetivo de se tornar referência mundial na produção de uva e na inauguração de vinho em temperaturas quentes, Lagoa Grande (PE), Sertão do São Francisco, realizará nesta sexta-feira (30) a primeira assembleia de fundação e também a primeira eleição da diretoria do Instituto de Pesquisa Avançada da Uva e do Vinho Tropical (IVT). O evento acontecerá a partir das 9h, na sede da Enoteca Luigi Pérsico, localizada na Avenida Central do distrito de Vermelhos, zona rural do município.

A entidade contará com um Comitê científico de mais de 30 pesquisadores de várias instituições, entre elas Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), Universidade do Estado da Bahia (Uneb), Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina (Facape), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano (IF Sertão-PE), além da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Esporte de Lagoa Grande, José Figueiredo (foto), o IVT será o único no mundo com esse potencial de pesquisa. “Dessa forma, iremos celebrar convênios internacionais com as principais universidades de Enologia do mundo, e buscar recursos com o CNPq e também em editais de pesquisa”, declarou.

Além das pesquisas, o IVT realizará oficinas, palestras, minicursos, sempre focando o desenvolvimento, crescimento, aumento e melhoria da produção. Segundo o secretário, as vinícolas não serão mais os principais atrativos turísticos, pois o Instituto será um misto de ciência, tecnologia, história, entretenimento e cultura. “A nossa cidade será beneficiada, pois o IVT irá atrair pesquisadores de diferentes regiões do mundo e teremos que nos adequar para recebê-los e isso naturalmente trará crescimento e muitas melhorias para Lagoa Grande”, concluiu Figueiredo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome