Igreja Católica emite nota oficial sobre aborto após forte repercussão de menina estuprada pelo tio

por Carlos Britto // 20 de agosto de 2020 às 09:49

Foto: reprodução

Os bispos do Conselho Episcopal Regional Nordeste 2 da Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) emitiram ontem (19) uma nota oficial convidando seus fiéis a fazerem uma reflexão sobre o aborto – prática condenada pela Igreja Católica. O assunto voltou à berlinda após o caso da menina de 10 anos, que ficou grávida após ter sido estuprada desde os seis pelo próprio tio.

O documento deverá ser lido em todas as igrejas dos Estados de Alagoas, da Paraíba, de Pernambuco e do Rio Grande do Norte, no final da celebração da Eucaristia, neste domingo (23). A íntegra do documento pode ser acessada no link disponibilizado pelo Blog.

Igreja Católica emite nota oficial sobre aborto após forte repercussão de menina estuprada pelo tio

  1. Defensor da liberdade disse:

    Igreja não é tribunal, que ela excomungue aqueles que praticarem aborto mesmo em casos extremos, é um direito dela como uma comunidade, porém na esfera jurídica o aborto em caso de estupro deve continuar não sendo crime, pois a mulher violentada tem direito sim de não continuar com a gravidez indesejada.

    1. Paulo disse:

      E no caso quem vai defender o direito do bebê de viver?

      1. Defensor da liberdade disse:

        O bebê naquele momento depende da mãe para viver não é? Caso encerrado!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *