Especialista orienta pais sobre perigo de acidentes com crianças durante período junino

1

fogueiraNo mês de junho, período dos festejos juninos, os pais devem ter mais atenção quanto aos acidentes com fogos de artificio, fogueiras e problemas respiratórios. A médica pediatra do Hospital Dom Malan (HDM)/Imip, Paula Dias, traz algumas dicas de como curtir os festejos de forma responsável, e sem colocar em risco a saúde das crianças.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (SBOP), o número de acidentes provocados por fogos de artifício triplica no mês de junho. As crianças são as maiores vítimas destes acidentes, muitas vezes porque têm acesso a fogos como forma de brincadeira. “Os pais não devem permitir que as crianças entrem em contato direto com este tipo de material e, em caso de acidentes procurar imediatamente um serviço de emergência hospitalar”, afirma a médica.

Ela também orienta que em caso de queimaduras por fogo e também com brasas, a primeira medida é lavar o local afetado com água corrente, não havendo indicação de aplicar nenhum tipo de produto no local (como clara de ovo, pasta de dente ou pó de café).

“Uma atenção especial deve ser dada às crianças portadoras de asma, pois a fumaça oriunda das fogueiras, que nesta época do ano, estão espalhadas por toda cidade podem desencadear crises graves de cansaço. O ideal é que estas crianças não fiquem próximas a locais que aumentem o risco deste contato. Diante dos sintomas de crise (falta de ar, tosse e cansaço progressivos) os pais devem levar a criança para o serviço de emergência mais próximo”, finaliza a especialista. (fonte: Ascom HDM/Imip/foto reprodução)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome