Em seu primeiro discurso como candidata da deputada estadual, Lucinha Mota cobra rigor e trabalho para coibir crimes como o que tirou a vida de Beatriz

9
Lucinha discursa em convenção do PSOL. (Foto: Assessoria/Divulgação)

Em seu primeiro discurso como candidata a deputada estadual pelo PSOL, Lucinha Mota – mãe da menina Beatriz Angélica, assassinada no Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, em Petrolina, no ano de 2015 – cobrou rigor e mais empenho dos governantes pernambucanos para coibir esse tipo de crime.

Quero uma tribuna onde eu possa cobrar atitude do governo, dos políticos e das instituições de segurança no Estado, mais rigor e trabalho para coibir crimes como o que tirou a vida de Beatriz e tantos outros crimes que caem no rol do esquecimento e nas gavetas das delegacias no Estado”, declarou Lucinha, durante convenção do PSOL, no último final de semana.

Ela afirma que a falta de estrutura oferecida às polícias em Pernambuco é gritante, e se coloca como “uma pessoa com coragem” para dizer isso onde for preciso: “Fiquei fragilizada, mas o apoio que recebi dos amigos, da família e de tantas pessoas de bem me deu forças para não deixar essa luta morrer, e não me falta coragem para assumir uma bandeira de luta contra a falta de justiça, que é uma constante e dilacera o coração de tantas famílias no Estado”, finalizou.

9 COMENTÁRIOS

  1. Infelizmente é disso que sempre falo: a utilização de fatos tristes para querer alavancar carreiras políticas.
    Dessa vez; o uso da filha Beatriz.
    Todo aquele silêncio dos dois primeiros meses, enfim, disse à que veio.
    Meu Deus! Acreditar em quem?
    Seita utilizou o sangue da filha e agora ela utiliza a lembrança da filha.
    Triste! Muito triste!
    Tomara que não seja eleita.

  2. Rigor vc esta estruprando suas palavras….A senhora Lucinha esta certa, Agora tem gente ai que sabe que vai perder a vaga pra Ela Lucinha…..Essa gente que fala isso que vc esta falando e porque vc nunca perdeu um ente querido como Lucinha e familia perdeu….Lucinha estara la na Assembleia pra representar varios pais que perderam seu ente. Lucinha nao baixe a cabeça nunca….Pernambuco precisa de Renovaçao…Muda Pernambuco 2018

  3. Ela mora na Bahia mais a filha dela foi morta em Petrolina Pernambuco eu também faria o mesmo independente do partido dela ela tem vontade de lutar e não só por ela a luta dela é de muitos.

  4. Quanta ignorância.
    Todos tem o direito de concorrer a um cargo político.
    Ela está fazendo oq vcs cidadãos de bem,com o cú nos seus sofás n fazem,é lutar por justiça.
    A filha dela foi morta brutalmente,e ela n teve retorno da policia civil,q soluciona apenas 5 por cento dos casos.
    Foi vitima de uma elite(escola)q abafou o caso.

    Vcs são tão cristão e n usam a empatia,n tem amor pelo próximo.

    Cuidado!vcs podem ser vítimas assim como ela é desse sistema fudido!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome