Anvisa suspende comercialização de produto para tratamento de pele

por Carlos Britto // 01 de junho de 2015 às 19:27

teosyalA Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou hoje (1º) a suspensão da importação, distribuição, comercialização e do uso de todos os produtos fabricados pela empresa Teoxane, localizada na Suíça. Segundo a Anvisa, foram detectadas irregularidades na inspeção para verificação de boas práticas de fabricação.

A Teoxane é fabricante do produto Teosyal, importado pelo laboratório brasileiro Cristália Produtos Químicos e Farmacêuticos, que deverá promover o recolhimento de todo estoque do produto existente no mercado. A linha de produtos Teosyal é feita à base de ácido hialurônico, utilizado em tratamentos para a pele.

O Cristália informou que “por força contratual, solicitou que a fabricante suíça Teoxane se pronuncie sobre a decisão da Anvisa”. O laboratório disse que o produto Teosyal tem distribuição restrita a clínicas e profissionais de saúde.

Não há relato de questionamento quanto à sua eficácia e segurança através do serviço de atendimento ao consumidor. O laboratório atua de acordo com a legislação brasileira e está tomando as providências regulatórias e legais pertinentes ao caso”, informou a empresa, em nota. Assim como o laboratório Cristália, qualquer outro importador deverá suspender a comercialização dos produtos da Teoxane. A resolução da Anvisa foi publicada no Diário Oficial da União.

Anvisa suspende comercialização de produto para tratamento de pele

  1. Arnaldo Simões Junior disse:

    A dificuldade em provar medicamentos e soluções medicamentosas que a ANVISA tem pelo seus deficientes laboratórios de testes , seja pela ineficaz condição física ou pela pouca mão de obra especializada , faz a população sofrer a angustia da duvida se os medicamentos são realmente nocivos ou apenas suspensos pelo medo do não conhecimento na população.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *