Vereadora Maria Elena: “Facape não precisa de intervenção, mas de ajustes”

por Carlos Britto // 12 de maio de 2009 às 13:20

imagem-003Prossegue em clima de muita polêmica a audiência pública na Casa Plínio Amorim sobre os cargos acumulados na Facape.

A vereadora Maria Elena Alencar disse há poucos minutos que a situação da autarquia não é caso para intervenção. “É caso, sim, para ajustes”, ponderou.          

Vereadora Maria Elena: “Facape não precisa de intervenção, mas de ajustes”

  1. Junila Alves disse:

    A Vereadora diz isso porque a diretora da Facape é ligada ao seu grupo politico. Gosto muito do trabalho e da garra da Vereadora mais ela querer negar o escandalo da gestão Clemilda, minimizando seus efeitos e consequencias, não condiz com o seu historico de lulta. Vou computar essa sua posição no “chavão errar é humano”. E a minha opinião é de que Clemilda precisa ser afastada para que o precesso de moralização do serviço público na Facape volte a se estabelecer .

  2. Sofia disse:

    Ajustes sérios, rigorosos e com medidas que levem a nossa Autarquia a crescer com responsabilidade, de maneira limpa e coerente, se faz a muito tempo necessário. Clemilda e sua equipe abusam dos privilégios que seus cargos proporcionam é fundamental colocar rédeas, quiçá na ‘guilhotina’, para haver renovação na esperança de uma Autarquia Melhor.

  3. Jorge Luiz disse:

    Ajuste de Conduta para poupar irregularidades e desvios? me poupe Vereadora. Aliás a ex- diretora Clemilda esta sendo tratada com a mesma regidez com que ela trata as pessoas que não são do mitiê dela, sem complacencia. Agora ela esta provando do próprio veneno. Isso deve servir no mínimo para que ela faça jus a sua origem simples e venha a se tornar uma pessoa mais humana e menos presunçosa. As vezes CLEMILDA, quando não se aprende pelo amor se aprende pela dor. Que essa possa descongelar seu coração e sua alma .

  4. Alexandre disse:

    Realmente seria o ideal, Vereadora. nada como ponderar e apurar melhor os fatos antes de tomar qualquer decisão. Ajustes precisam ser feitos, mas sem precipitações. Sugestão bem cabida.

  5. Viviane Tavares disse:

    Quando a vereadora Maria Elena fala da necessidade de ajustes e não de interveñção , preocupa-se com as injustiças feitas quase que rotineiramente. O caso é de extrema importancia principalmente para os universitarios da Facape , mas será que seria necessário ter ido parar na camara de vereadores. O ditado roupa suja se lava em casa deveria ter sido colocado em pratica. Houve um massacre desnecessário.Respeito é bom e todos gostam.

  6. Mila Freitas disse:

    Vereadora, so agora li essa materia, e quero emitir com muito gosto minha opinião, agradecendo ao blog essa oportunidade. Na última eleição votei em você e Gonzaga Patriota. Pena que ele não ganhou, Mas voce ganhou e foi a mais votada, deixando todos seus eleitores felizes. Atitudes como essa é que fazem valer e justificar uma votação tão exprssiva. Você esta aí fazendo jus a sua biografia de mulher inteligente, aguerrida e forte. Conheço sua história, desde minha epoca de estudante( hoje sou arquiteta) que houvia falar da sua luta e sentia uma ponta de inveja da sua geração por ela ter sido tão destemida e lutado por tantas causas (policas-economicas e sociais) que a geração atual só conhece os resultados mas não sabem da “dor e da delicia” que viveu e sentiu quem, de fato, lá esteve no campo de bataha, enfrentando a ditadura e a repressão da epoca dos AI. Você , também, lá estava e eu tenho uma profunda admiração porisso. Hoje vendo sua luta na Camara de Vereadores de Petrolina me animo a acreditar que nem tudo esta perdido e que vale a pena sonhar o sonho de se viver com liberdade, igualdade e fraternidade. Me lembro agora e vou fazer um plagio dos filmes francesses: A Liberdade é Azul/ A Igualdade é Verde e Fraternidade é Amarela. Forte abraço

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *