Sucatas em via pública do Ouro Preto são retiradas pela fiscalização da prefeitura

por Carlos Britto // 27 de maio de 2022 às 17:05

Foto: Ascom PMP/Seinfra divulgação

Comunitários da Rua Padre Henrique Almeida, no bairro Ouro Preto, Zona Oeste de Petrolina, sentiram-se finalmente aliviados após as equipes de fiscalização de postura e de disciplinamento urbano da prefeitura retirarem várias sucatas e outros objetos que estavam obstruindo a via pública, dificultando a livre circulação de pedestres. A ação aconteceu na manhã desta sexta-feira (27).

Os fiscais da Secretaria Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade (SEDURBHS) já estiveram no local outras vezes e notificaram o proprietário para que fosse retirado o material, porém o mesmo não cumpriu o que determina o código de postura do município e acabou multado. A ação contou com o apoio da Guarda Civil Municipal (GCM) e da Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra).

A ocupação irregular de via pública é proibida por lei. Qualquer cidadão pode efetuar denúncia à Ouvidoria Municipal, pelo número 156. Dessa forma estará contribuindo com a fiscalização do município“, frisou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade, Emicio Júnior.

Sucatas em via pública do Ouro Preto são retiradas pela fiscalização da prefeitura

  1. PCS disse:

    Vejam o disse o Secretário Emicio:

    “A ocupação irregular de via pública é proibida por lei. Qualquer cidadão pode efetuar denúncia à Ouvidoria Municipal, pelo número 156. Dessa forma estará contribuindo com a fiscalização do município“, frisou o secretário de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Sustentabilidade, Emicio Júnior.”

    Deveria se envergonhar de fazer uma declaração dessas. Há um ano venho denunciando a ocupação irregular de uma praça pública por um bar e até agora, com base em política, nada fez. A verdade Secretário é que o dono da sucata esteja errado, não tem ninguém por trás ( geralmente um vereador) para dar o suporte ilegal. O serviço 153 não funciona. Você denuncia o Secretário ao prefeito e quem decide é o próprio Secretário. A denúncia não chega aos seu superiores. Uma vergonha essa secretaria que elege quem será alcançado pela lei, ou seja, o Código de Postura só tem valor para quem não é um apadrinhado. O DONO DO SUCATAO, pergunte ao secretário por que o Código de Postura Vale no Ouro Preto e não tem valor na Areia Branca?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.