Salgueiro sem água

por Carlos Britto // 08 de março de 2009 às 10:25

Os moradores de Salgueiro e de outras cidades vizinhas continuam sofrendo constantemente com a falta d´água. A pedido de usuários da COMPESA – Companhia Pernambucana de Saneamento.

O chefe de distribuição, João Matias, afirmou que está sendo realizada uma reforma na estação de tratamento. “Estamos ampliando a capacidade de 350 m³ para 850 m³. Nosso objetivo é dividir a cidade em três setores, até então, só existem dois, isso fará com que o volume de água que passam pelas bombas seja maior”, explicou.

A Compesa já anunciou que faltará água de segunda à quarta-feira da próxima semana. “Estaremos dando mais essa pausa na distribuição, para que o volume de água venha em maior quantidade e chegue às torneiras mais limpa e potável após esta manutenção na ETA (Estação de Tratamento de Água)”, argumentou João Matias.

A expectativa é de que na quinta-feira (12) a distribuição já possa estar normalizada ou pelo menos regularizada nos locais mais altos. A Compesa afirmou que um novo calendário estará sendo formado em breve e não divulgou quando será finalizada a obra na ETA, enquanto isso a água continuará a faltar nas torneiras da população, fica a pergunta: Até quando?

Salgueiro sem água

  1. Carlos Estefanio disse:

    já vi esse filme de falta d água antes e não me lembro onde……
    Cadê o governador que não demite logo todos os digientes da compesa e bota gente COMPETENTE E QUE TRABALHE REALMENTE no órgão para que ele de uma vez por todas resolva esses problemas?
    Essa turma só é competente para mandar as contas pra gente todo mês. Deixe de pagar pra ver se não vem multa ou mandam cortar rapidinho sua água.
    Dudu, seja corajoso e conserte a compesa!!!!

  2. Lucas disse:

    Em Orocó as margens do Rio São Francisco o problema é constante. A compesa tem que mudar os operadores das BOMBAS os funcionmários são de uma empleiteira e todos são indicações do ex-prefeitos DIDI.O problema só aumentou depois das eleições.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *