Promotora Ana Rúbia: população não pode ser vítima da ‘briga’ entre médicos e Prefeitura de Petrolina

por Carlos Britto // 06 de maio de 2009 às 16:00

A promotora Ana Rúbia Carvalho, representante do Ministério Público na audiência que tratou da crise na saúde de Petrolina, na última segunda-feira (04), foi bastante incisiva sobre a situação.

Segundo ela, “Petrolina cobra impostos de países de Primeiro Mundo e oferece serviços de saúde de Terceiro”.

Ana Rúbia disse também que a população não pode ser vítima dessa “queda-de-braço” entre os médicos cooperados e a Prefeitura Municipal.

Para a promotora, “existem erros dos dois lados”.  

  

Promotora Ana Rúbia: população não pode ser vítima da ‘briga’ entre médicos e Prefeitura de Petrolina

  1. Opara disse:

    Desafio a Promotora e dizer o nome de uma cidade que preste um serviço de saúde público sem o repasse de qualidade de verbas federais. Não é Petrolina que cobra impostos de primeiro mundo; é o Brasil.

  2. didi da celpe disse:

    A Dra.Ana Rúbia tem tido um comportamento exemplar no que tange o zelo pela coisa pública.Seus posicionamentes tem sido polemicos,porém com muita coerencia e sabedoria,simplesmente aplicando a lei.Parabens!

  3. antoi disse:

    Ela está cumprindo seu papel e muito bem. Só espero que continue assim. Ela aparecer ou não na mídia, aí é outra estória.

  4. epaminondas disse:

    cobram impostos demais em petrolina … ou e fazem de menos…
    vamos ter que aguentar essa tchurma na prefeitura mais um tempinho…
    fica tranquilo que essa “nova petrolina” passa logo!
    se tiverem alguem doente ,em casa,manda pra juazeiro que a administraçao de la ta dando de dez em julio e cia ltda.
    alias cada dia mais ltda…ne ju?
    precisa agora, e o ministerio publico, ajudar a fiscalizar mais de perto as açoes da prefeitura de petrolina.saber onde ta indo o “dinheirao” que a dra falou que ta sendo “mal gerido”?foi isso num foi?!
    fiscalizaçao nelles!

  5. ATENTO disse:

    Eita que a lua de mel entre médicos e prefeito já acabou. Então quer dizer que não são apenas os que votaram no vermelho que tão achando q a coisa tá é feia

  6. Sara disse:

    pressão? que pressaão? ali´s vc é bastante preconceituoso ou preconceituosa, a dra ana rúbia não tem nada a ver com as ações do seu marido ela responde pelas delas, agora so faltava isso, aliás quem se esconde em pseudonimo não merece credito, arma dos covardes

  7. Sara disse:

    Parabens dra ana rubia, está cumprindo a sua parte e muito bem, doa a quem doer os incomodados que se retirem

  8. Anzol disse:

    Sra. Promotora, expor sua opnião não vai mudar a situação caótica que ora passa a saúde púclica em nossa cidade. Isso qualquer cidadão comum pode fazer. O difícil é transformar nossas opniões em gestos concretos que amenizem ou solucionem essa situação. Creio que como Promotora de Justiça a Sra. pode fazer muito mais que isso.

  9. Isca disse:

    Anzol, gostei do seu comentário.

  10. Sydbarret disse:

    Talibã Petrolinense e Anzol ótimos comentários.

    Carlos Britto, espero que meu comentário passe dessa vez.

  11. observador disse:

    Promotora, os médicos também são vítimas assim como o povo! A diferença é que a profissão de médico dribla melhor os problemas que o restante da população! E se há uma queda de braço entre os médicos e o governo, tenha certeza que a luta dos médicos é em defesa da população e do povo. Os médicos estão cumprindo com o código de ética e tentando fazer o estado cumprir com sua obrigação!
    A constituição defende: “saúde é direito de todos e dever do estado”!
    Os médicos tentam fazer e estado cumprir seu dever! Como promotora, acredito que seu dever é promover esse cumprimento constitucional e executar o estado, e não realizar discursos políticos emitindo opiniões pessoais, tirando o foco da solução dos problemas.
    .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *