Projeto em Petrolina propõe uso da horticultura como terapia ocupacional

0
(Foto: Divulgação)

Utilizar a horticultura como terapia ocupacional, beneficiando a saúde mental e física de pessoas em tratamento de dependência química. Este é um dos objetivos do projeto de Extensão “Hortoterapia: cuidando do corpo e da alma”, desenvolvido pelo IF Sertão-PE/Campus Zona Rural de Petrolina.

Em parceria com instituições da cidade com a Associação Ágape, o Centro de Recuperação de Evangélicos Livres para Servir (CRELPS) e a Casa de Acolhimento para Mulheres, o projeto realizará atividades de instalação de horta medicinal, envolvendo desde a preparação de canteiros de produção, aquisição e seleção das espécies de plantas que serão coletadas no Horto Medicinal Orgânico do Campus Zona Rural, plantio, até a colheita e o beneficiamento.

A nossa expectativa é atuar como promotores da reinserção social, por meio de ações que envolvam o resgate familiar, o trabalho, a geração de renda e a autonomia. O projeto visa também a estimular a valorização pessoal, com a ocupação do tempo, tomada de decisões ao planejar e executar as atividades na horta medicinal terapêutica“, afirmou a coordenadora Flávia Cartaxo. O projeto conta ainda com as orientações dos professores Adelmo Santana, Leopoldina Amorim e Patrícia Pereira, além do estudante de Agronomia José Pedro Dias.

As atividades incluem ainda a promoção de oficinas, com orientações sobre uso correto das plantas medicinais e elaboração de fitoterápicos. A primeira ação foi realizada esta semana, na Associação Ágape, com a apresentação do projeto e realização de palestra. No próximo dia 12 de fevereiro, será instalada a horta medicinal na instituição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome