PRF divulga balanço da Operação Natal em PE com grave acidente em Arcoverde

0

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Pernambuco intensificou a fiscalização nas rodovias federais durante o final de ano a partir da Operação Integrada Rodovida, que reúne órgãos da União, do Estado e dos municípios. Entre os dias 22 e 25 dezembro, foram registrados 71 acidentes, que deixaram 51 feridos e 6 pessoas mortas.

O acidente mais grave ocorreu na tarde do sábado (23), na BR-232, em Arcoverde, Sertão do Moxotó. Uma colisão frontal causou a morte de um homem e deixou quatro pessoas gravemente feridas. O conjunto de roda dianteira desprendeu-se do veículo, vindo o motorista a perder o controle da direção e colidir frontalmente com o carro que vinha na direção oposta.

Durante esse período, 714 pessoas e 756 veículos foram fiscalizados, sendo emitidas 793 autuações por diversas infrações ao Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre elas, destacam-se 53 por ultrapassagens em local proibido, 36 pelo não uso do cinto de segurança, 4 pela falta da cadeirinha e 4 por conduzir motocicleta sem capacete.

Além das autuações registradas, também foram capturadas 173 imagens de radar, com 36 autuações por excesso de velocidade. Quem dirige com a velocidade 50% acima do permitido para a via está sujeito a uma multa de R$ 880,41, perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e suspensão do direito de dirigir.

No combate à alcoolemia, foram realizados 468 testes com o bafômetro, inclusive com o apoio das equipes da Operação Lei Seca, sendo emitidas 28 autuações e presas três pessoas por dirigir sob efeito de álcool. Ressalta-se que a prisão ocorre quando o índice verificado no aparelho é superior a 0,3 mg/l.

Irregularidades

Durante as fiscalizações, também foram recolhidos 35 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e 22 CNHs por diversas irregularidades. Registrou-se, ainda, 43.43 toneladas de excesso de peso em veículos de transporte de cargas. O excesso de peso danifica a rodovia e dificulta a fluidez do tráfego.

Ainda foram realizadas ações de educação para o trânsito. O combate à criminalidade contou com o apoio do Núcleo de Operações Especiais, dos Grupos de Policiamento Tático e de Motociclismo da PRF, sendo presas seis pessoas por diversos crimes. Destas, três foram por alcoolemia, duas por mandado de prisão em aberto e uma por crime de trânsito. (foto/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

15 − dez =