Prefeito de Sento-Sé é afastado do cargo e posse do vice pode acontecer nesta terça

3

oficio sento sé_360x480O atual prefeito de Sento-Sé (BA), Ednaldo dos Santos Barros (PSDB), foi afastado novamente do cargo. A decisão, por unanimidade, partiu da Segunda Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Bahia (TJBA), em sessão na última quinta-feira (26).

Coube à desembargadora Ivete Caldas Silva Freitas Muniz, através do ofício nº177/2014 (foto), comunicar a decisão do TJBA ao presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Moacir Martins dos Santos.

A Ação Penal Originária é a de nº 0013521-85.2009.8.05.0000. Segundo informações repassadas ao Blog, é possível que o vice-prefeito, Manoel da Paixão, possa ser empossado nesta terça-feira (1° de julho), em sessão extraordinária na Casa Legislativa.

Na cidade, os aliados de Ednaldo ainda não estariam convictos da decisão, uma vez que o prefeito já reverteu a seu favor outras decisões judiciais contra ele.

3 COMENTÁRIOS

  1. O Ex-Prefeito Ednaldo dos Santos Barros está em Salvador com os seus advogados, procurando mais uma vez a obtenção dessa vez da QUINTA LIMINAR junto ao TJ/BA a fim de que a execução do julgado seja suspensa a fim de que o mesmo continue no cargo, prática adotada desde o seu primeiro mandato sempre apoiado e beneficiado por LIMINARES do TJ/BA. Possa ser que estejamos enganados, mas o sempre beneficiado Ednaldo Barros não logrará êxito. Ora, dois presidentes do TJ/BA foram afastados dos cargos pelo CNJ face denúncias comprovadas de superfaturamentos em precatórios. Não acreditamos que surja, nesta oportunidade, um desembargador(a) que tenha a coragem de DEFERIR A QUINTA LIMINAR DO TJ/BA em favor do Ednaldo Barros, diante do conhecimento das denúncias existentes junto ao CNJ sobre as QUATRO (O4) LIMINARES conseguidas pelo ex-gestor Ednaldo Barros que lhes ajudaram de forma decisiva para exercer os seus mandatos como Prefeito de Sento Sé, aliado ao grande número de processos 50 (cinquenta) que responde o famoso Prefeito das Liminares na Justiça Estadual, Justiça Federal, MP/E e MP/F.

  2. Como era de se esperar o ex-prefeito Ednaldo Barros de Sento Sé viu dessa vez que a sua pretensão de continuar auferindo LIMINAR perante ao TJ/BA, que completaria, agora, a QUINTA LIMINAR, diante da grande repercussão e denúncias perante ao CNJ das insólitas e discutíveis liminares que o Ednaldo Barros recebia do TJ/BA, as portas para êle, fecharam-se, neste particular, ao contrário, de receber a Liminar, ele foi eliminado na sua costumeira e ilícita postulação. Com está previsto que o TJ/BA deverá determinar a sua PRISÃO, em decorrência dos julgados das ações de improbidades administrativas em grande número em fase de execuções, o ex-prefeito Ednaldo Barros em que pese afastado do cargo, utilizando do erário público com o consentimento e a anuência do vice-prefeito Manoel da Paixão do Pirí que já tinha sido empossado como Prefeito de Sento Sé para que o mesmo deslocasse para Brasília e ingressasse no STJ no dia 02 de julho de 2014,com o pedido de HABEAS CORPUS número 298002/BA, tendo como Impetrado o Tribunal de Justiça da Bahia, sorteada a Ministra Regina Helena Costa. Vai sofrer mais outra derrota o Ednaldo Barros, ora se os mensaleiros foram condenados e encontram-se na cadeia, por que não o ex-prefeito Ednaldo Barros, que praticou mais de 50 (cinquenta) crimes, é só consultar os sites dos poderes judiciários!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome