Política educacional para 2009 é discutida com professores e gestores de Juazero

por Carlos Britto // 27 de janeiro de 2009 às 22:30

Secretário de Educação Plínio Amorim

Secretário de Educação Plínio Amorim

De 2 a 5 de fevereiro, a Secretaria de Educação de Juazeiro, reúne professores, coordenadores pedagógicos e gestores da rede municipal para o I Encontro de formação Continuada 2009. Com o tema – ‘O direito de aprender na cidade educadora’, o evento objetiva discutir sobre a importância do letramento como política de educação para o município. Na programação, a Secretaria realiza no dia 2 de fevereiro uma grande conferência de abertura, contando com a participação do professor pernambucano Arthur Gomes de Morais que ministrará palestra sobre Alfabetização e Letramento. A Conferência será realizada na I Igreja Batista de Juazeiro (ao lado da Coelba), às 7h30. Nos dias 3, 4 e 5 de fevereiro, professores, coordenadores e gestores se reúnem em suas escolas para discutir sobre o planejamento anual e a política educacional a ser trabalhada na rede municipal de ensino em Juazeiro.

Fonte: Secom/Jua

Política educacional para 2009 é discutida com professores e gestores de Juazero

  1. Esse é o antigo super secretário de educação de Petrolina??? Estive na Secretaria de Educação, antigo colégio motiva, no dia 02 de janeiro. Um abandono total. Cadeiras quebradas inutilizadas, piscina com altos focos de proliferação do mosquito da dengue… Quem não cuida da própria casa cuidará da casa dos outros? Ilusão total. Esse secretário fez bem em ir para Juazeiro. Na hora da reposição da verdade, ele estará se fazendo de bom do outro lado da ponte.

  2. Batista disse:

    Caro JOSE NUNES, se você viu tudo isto no dia 02, se você chegou até a detectar a alta proliferação do mosquito. Uma pergunta: Você chamou a VIGILÂNCIA SANITÁRIA? Se não o vez, para que querer manchar o que este batalhador da educação vez. Por quê? Contra fatos não ar argumento o PROFESSOR PLINIO foi o melhor secretario de educação que Petrolina já teve e tenho certeza que irá também acertar em Juazeiro, olhe eu não tenho emprego dado por ele não, nem procuração para defendê-lo, mas mim acho no direito de não deixar ou tentar, mesmo que seja como manifestação como esta que alguém tente apagar uma imagem de um bom cidadão.

  3. PAULO JOSÉ disse:

    Ele não aceitou ficar em Petrolina e foi pra Juazeiro?

    Porque?

  4. aero disse:

    caro Paulo José Plinio não ficou em Petrolina por motivos politicos,mais pra você que não sabe quem ganhou na verdade foi a administração de juazeiro, porque a competencia em educação o homem que tem ta é ai…

  5. Opara disse:

    Em Petrolina foi só marketing…

  6. Roberto Carvalho disse:

    Se plínio não ficou em petrolina, n foi por falta de convite, mas sim por conveniência política, afinal convite foi o q n faltou, toda a cidade ouviu Julio convidá-lo em todos os meios de comunicação. O que se tem q reconhecer é o trabalho bem feito do prof. Plínio, independente de lado político e saber q a educação de Petrolina não é perfeita, mas cresceu muito em sua gestão e ainda tem muito o q continuar melhorando.
    Se o trabalho dele foi só marketing, pq será q o prof. plinio ganhou prêmio nacional concedido pelo Ministério da Educação (não foi por qq outro institutozinho n), como uma das 10 melhores gestão em educação do Brasil. Acima de tudo e todos os prêmios, Plínio goza do amplo reconhecimento da classe de professores e isto marketing n compra.

  7. PAULO JOSÉ disse:

    Amigo Aero, eu particulamente acho que Plinio foi o melhor secretário de Odacy.

  8. Conveniência política a parte, os servidores municipais de Petrolina nunca tiveram uma gestão tão participativa e democrática. Esse carinho e admiração são fruto de um trabalho competente de um gestor, que em primeiro lugar, se preocupava com as dependências físicas das escolas, que são onde os alunos – comunidade a quem de fato servimos – estavam. Para o prof. Plínio de que adiantaria uma bela secretaria se não houvesse pagamento em dia para os professores, formação continada, carteiras e merenda para os alunos? Nada. O bom gestor, cuida primeiro do seu povo e garantimos que nos sentimos um tanto órfãos com a sua saída para a vizinha cidade, mas temos nossos corações felizes, no desejo de que brilhe tanto quanto ou mais e que volte, pois o bom filho a casa torna e ele já faz parte das melhores páginas da história da educação de Petrolina.

    DÚVIDAS, ACESSE: http://laboratorio.inep.gov.br

  9. Dicionélio Barbosa disse:

    Ei Zé Nunes.

    Tu tá é com inveja…
    Tu faz o que na vida?

    Quer aprender alguma coisa? Fale com o PLINIO…

  10. antonio carlos disse:

    amigos calma, que Plinio fez um bom trabalho na secretária de educação de Petrolina, tudo bem. agora que muito coisa foi maquiada e que estava em baixo da tapete isso ninguem pode negar, pois isto e fato e só pecorrer a rede escolar e comprovar. agora dizer que a educação em petrolina melhorou tudo bem, agora que estar muito longe de ser o modelo que se dizia estar, isto e uma verdade. não plinio, mais muita gente fala algumas coisas que até parece que não falta nada para fazer na educação em Petrolina e isto não e verdade. o novo secretário de educação tem de mudar algumas coisas e manter o que estar certo. mais deve haver algumas mudanças para que ele possa implantar sua farma de trabalho para concertar o que estar errado seja no transporte escolar, na sala de aula,na estrutura das escolas, e em outros setores. o importante e fazer com que a educação que e prioridade em todo o mundo melhore cada vez mais em nossa cidade.

  11. Jeferson disse:

    Sou pai de aluno da rede municipal de ensino e lhes digo caros leitores, a educação que aos poucos estava avançando estacionou ou pior terminou de ser enterrada com um secretário que nem sequer atende ao público e uma secretária que está só para aumentar as despesas do municipios com cargos de confiança pois não resolve NADA, EXCLUSIVAMENTE NADA.
    A EQUIPE TODA FORMADA DE FILHOS DE VEREADORES KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    EDUCAÇÃO E MERDA P O SR PREFEITO É A MESMA COISA!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *