Piso de professor subirá de R$ 950 para R$ 1.132,40

por Carlos Britto // 13 de março de 2009 às 21:34

O piso salarial dos professores, que é questionado no Supremo Tribunal Federal (STF) por cinco governos estaduais e enfrenta resistências nas prefeituras, vai subir de R$ 950 para R$ 1.132,40 – aumento de 19,2%, retroativo a janeiro.

Pelo menos é o que está previsto na lei do piso, que contém uma fórmula de reajuste atrelada à elevação do valor mínimo por aluno/ano do Fundeb, o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores na Educação (CNTE) já ameaça fazer greve nacional, em abril ou maio, para reivindicar a aplicação do piso, com reajuste ou sem.

Informações de O Globo.

Piso de professor subirá de R$ 950 para R$ 1.132,40

  1. LIGADO NA EDUCAÇÃO disse:

    É MUITO ENGRAÇADO, CERTOS GOVERNADORES FAZEM FARRA COM O DINHEIRO PÚBLICO E NÃO ACHAM NADA DEMAIS, QUANDO É PARA PAGAR UM SALÁRIO MENOS MISERÁVEL AO PROFESSOR, ENTRAM NA JUSTIÇA PARA NÃO CUMPRIR A LEI.
    CARLOS BRITO SERIA BOM QUE TODOS OS PROFESSORES E SEUS FAMILIARES SOUBESSEM QUEM SÃO ESTES POLÍTICOS, E FIZESSEM UM MOVIMENTO PARA QUE NENHUM PROFESSOR OU FAMILIAR DESTE, JAMAIS VOTASSEM NELES.

  2. Maninho disse:

    Carlos:

    Realmente espero que esse piso salarial seja implantado em todos os Estados do País, especialmente no nosso que tem ainda o pior piso salarial do Brasil; Só que não é o suficiente: É importante estimular uma valorização real, profunda e contínua no profissional de educação, responsável pela formação de todos os realmente fazem a diferença em nosso país no que se refere à melhoria das condições de vida e educação de nosso povo.

    É um primeiro passo, mas falta muita caminhada ainda.

  3. É do PSDB! disse:

    É muito fácil saber!
    O principal opositor é A GOVERNADORA DO PSDB DO RIO GRANDE DO SUL YEDA CRUSIS aquela mesma que tá enrrolada com meio mundo de corrupção em sua administração!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *