Petrolinenses que tomaram primeira dose da CoronaVac apreensivos com falta do imunizante; SMS esclarece

por Carlos Britto // 14 de junho de 2021 às 08:40

A apreensão vem tomando conta dos petrolinenses que receberam a primeira dose da vacina CoronaVac. O problema é que o imunizante está em falta não apenas no município, como também no país.

Segundo informações repassadas ao Blog, há pessoas aguardando há mais de 60 dias pela segunda dose da CoronaVac para completar o processo de imunização contra a Covid-19.

A reportagem procurou a assessoria de comunicação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), que enviou o seguinte esclarecimento: “Sobre a aplicação da segunda dose da vacina CoronaVac, a Secretaria de Saúde de Petrolina informa que está aguardando um novo repasse de vacinas para concluir a imunização. A previsão do Governo Federal é a partir do dia 15 deste mês”.

Petrolinenses que tomaram primeira dose da CoronaVac apreensivos com falta do imunizante; SMS esclarece

  1. JOSELITA JULIA COELHO DE CASTRO E SILVA disse:

    Bom dia!!
    Eu estou nessa situação. A primeira dose da coronavac foi aplicada dia 13/04/2021 e a segunda dose estava prevista para dia 10/05/2021 e até hoje não se tem previsão de chegada de mais vacinas Coronavac.
    A pergunta que faço é a seguinte: como fica a eficácia da vacina coronavac sendo aplicada após o prazo de 28 dias se o próprio Butantã divulga que o prazo deve ser de 21 dias para garantir o efeito de imunização? Vai haver uma terceira dose? Não seria justo aplicar a vacina astrazeneca-oxford que tem garantia de uma segunda dose?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *