Palco rachou e Eduardo Campos caiu em Afogados da Ingazeira

por Carlos Britto // 10 de março de 2009 às 14:00

O governador Eduardo Campos em sua maratona pelo  interior do estado sofreu um pequeno acidente na passagem por Afogados da Ingazeira. O palco abriu e Campos caiu. No acidente, a primeira dama conseguiu safar-se ao pular pela frente do palco.

O governador e sua comitiva estão na cidade do Sertão do Pajeú, ao lado do prefeito do município, Totonho Valadares (PSB), para lançar a pedra fundamental do Instituto Federal de Pernambuco – IFPE, antigo Cefet, alé da inauguração de uma Academia das Cidades.

Para a construção da Academia, o Governo do Estado investiu R$ 290.500,37, enquanto o Governo Municipal aportou R$ 32.277,82, e mais R$ 319.956,60 do contrato municipal. Já o terreno do Instituto Federal de Pernambuco encontra-se em trabalho de terraplanagem.

Fonte: Blog do Jamildo

Palco rachou e Eduardo Campos caiu em Afogados da Ingazeira

  1. Opara disse:

    Deve ser a consciência pesada…

  2. ATENTO disse:

    Segundo o Secretário Executivo de Imprensa do Governo Estadual, Sr. Evaldo Costa, “tudo não passou de um susto”. O Governador Eduardo Campos não chegou a cair.

  3. Mano Menezes disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    É hilário a situação. Ter visto essa situação. Osvaldo Rabbit estaria no palco também?

  4. O calculista disse:

    Isto é que é um candidato de peso, ou então pesado eram seus cabos eleitorais do município, Totonho e Gonzaga?

  5. KABEÇÃO DODOI. disse:

    Caiu foi ?
    Foi assim mesmo ?
    Então, tão.

  6. Ele não caiu. ESCORREGOU NA BABA.

  7. Harisson, Juazeiro BA disse:

    kakakkkaakakkka

  8. cuca fresca disse:

    Então realmente tinha muito babão neste palanque. Gostei Elaine você deduziu com muita presença de espírito.

  9. David nomero De Macedo disse:

    ISSO QUER DIZER O COMERÇO DO FIM, FOI ASSÍM COM O ACM, UMA QUEDA DO PALAQUE DEU INICIO AO FIM SEU PODER, RESPOTAS DO CÉU.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *