No primeiro dia de mutirão para dose final CoronaVac, mais de 2 mil petrolinenses são imunizados contra Covid-19

por Carlos Britto // 20 de junho de 2021 às 09:37

Foto: Ascom PMP/SMS divulgação

Mais de 2 mil petrolinenses atenderam à convocação da Prefeitura de Petrolina, ontem (19), para receber a dose final da vacina CoronaVac, que estava em falta no país. Durante o primeiro dia do mutirão de imunização contra a Covid-19, apenas para a CoronaVac, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) aplicou quase 2.730 doses.

A pasta imunizou, com a segunda dose da vacina, mais de 2.308 idosos a partir de 60 anos e 422 profissionais de saúde. As doses foram aplicadas em seis pontos espalhados pela cidade. além disso, na zona rural uma equipe vacinou, in loco, as comunidades do Perímetro Maria Tereza (KM 25), Caititu, Izacolândia e N5, N-4 I e II, no Perímetro Senador Nilo Coelho.

A professora aposentada Gildete Magalhães destacou o momento como histórico. “Primeiro eu agradeço a Deus, por me dar essa oportunidade de tomar a vacina. Pra mim é um momento histórico, pois já tive coronavírus e sei como essa doença é cruel. Espero que a vacina chegue para todo mundo, pois, apenas com a imunização de todos  podemos ter a certeza de que dias melhores virão“, afirmou.

A imunização continua neste domingo (20). Idosos com 64 anos vão poder se dirigir à Escola Municipal 21 de Setembro, no bairro José e Maria; idosos com 63 anos serão imunizados no Sesi, Vila Mocó; já os de 60, 61 e 62 anos devem procurar o polo do Centro do Idoso Vó Pulú, na Vila Eduardo. Por meio de drive-thru, que está localizado na Avenida Principal da Vila Eulália, todas as faixas etárias de pessoas idosas poderão ser imunizadas. Para os profissionais de saúde, estão reservadas as salas 16, 17, 23 e 25 do bloco de aulas da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf).

Documentação

Para ser vacinado é necessário apresentar documento de identificação com foto e o cartão de vacina. Em caso de perda do cartão, é necessário registrar um Boletim de Ocorrência (BO) e apresentá-lo no ato da vacinação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *