Na Bahia, candidato ao governo do estado alfineta petista: “Escolhido de forma autoritária”

0

23_07_14_Paulo Souto_Comite_foto Valter Pontes_CoperphotoNa dianteira pela preferência do eleitorado baiano ao governo do estado, o candidato da chapa majoritária de oposição, Paulo Souto (DEM), não perdeu a chance de alfinetar o nome apoiado pelo governador Jaques Wagner (PT), Rui Costa (PT) – e nem o próprio Wagner.

A declaração de Souto foi dada durante inauguração do comitê de campanha da coligação ‘Unidos Pela Bahia’. O Democrata citou a pesquisa Ibope/TV Bahia, na qual ele aparece com 42% das intenções de voto, seguido por Lídice da Mata (PSB) com 11% e Costa com 8%.

“A sondagem evidencia, pelo baixo desempenho alcançado, que o candidato petista, escolhido de forma autoritária pelo governador, não tem a aprovação da Bahia. Não adiantou a propaganda exagerada, nem a ameaça aos prefeitos para apoiá-lo, muito menos o uso da máquina pública”, provocou Souto. (Foto: Valter Pontes/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome