Músicos petrolinenses farão manifestação pela retomada de suas atividades

4

Músicos que trabalham em Petrolina planejam para a manhã desta quarta-feira (24), a partir das 9h, uma manifestação pacífica cujo objetivo é reivindicar o direito de exercer suas atividades. O encontro está marcado para acontecer na Praça Dom Malan, próximo à Igreja Catedral, Centro da cidade.

Por conta do avanço da pandemia de Covid-19, a categoria ficou proibida de realizar shows em bares e restaurantes da cidade, a exemplo do que acontece em Juazeiro. De acordo com uma das organizadoras da mobilização, Rosy Gomes – mais conhecida como a ‘Rainha da Sofrência’ –, a situação dos músicos petrolinenses é dramática.

“Estamos amordaçados, entregues à sorte. Nem podemos trabalhar, nem temos como manter nossa sobrevida. Na verdade, estamos sendo tratados como foras da lei. Só queremos nosso direito”, desabafa. A este Blog, Rosy afirmou que a categoria tentará conversar com algum representante da prefeitura sobre a questão. “Nossa intenção é resolver o problema, e a prefeitura tem cacife pra isso”, completou.

4 COMENTÁRIOS

  1. A prefeitura não tem cacife para isso, o estado sim.
    Entretanto quem mais tem cacife é o povo. Que começa a ter medo do vírus, as mortes aumentando, as UTIS lotando e a possibilidade de fila para não morrer.
    A possibilidade da manifestação nesse momento resultar em algo, é zero!

  2. Por motivo de honestidade para com os seus eleitores. Peço que retire esta foto desta matéria pois ela está totalmente descontextualizada. Pois o evento em que esta foto foi tirada tinha a intenção de cobrar do governo municipal, à época, investimentos em políticas públicas de cultura. Principalmente para o seguimento de música. Que por sinal, segue sem investimentos por parte da atual gestão municipal (Petrolina). Embora compreenda e sinta na pele a situação atual por não poder realizar shows com público, acho importante que as medidas sanitárias e de controle da pandemia sejam adotadas para que vidas sejam poupadas. E é responsabilidade do governo municipal criar criar formas de mitigar o sofrimento dos músicos e suas famílias. Reitero o meu pedido, substitua esta foto, senhor Carlos Brito!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome