Mototaxistas terão regras e tabela de preços em Juazeiro

por Carlos Britto // 15 de junho de 2009 às 18:10

acordo-mototaxistas-juazO acordo público firmado no dia 10 de junho que pretende disciplinar as condições dos mototaxistas de Juazeiro e proporcionar mais segurança aos passageiros suscitou algumas dúvidas sobre como a regulamentação seria estabelecida.

O vereador e presidente da Associação de Mototaxistas de Juazeiro, Mitonho Vargas, esclareceu como a fiscalização será feita e as regras que a Associação definiu para que o acordo seja cumprido.

O preço ficou estabelecido no valor de R$ 3 nas corridas de até 5 km, independente do destino. A partir daí a tarifa ficará em torno de R$ 5. O vereador justificou o preço mais caro do que a tarifa de transporte coletivo, que sempre foi uma das vantagens oferecidas pelo serviço, como sendo o acordado com a Setranvasf para que a concorrência seja mais equilibrada. “O que nós queremos suprir é a falta de linhas de ônibus, a rapidez e a comodidade que não é possível ser realizada pelo ônibus”, esclareceu o vereador.

Ainda segundo Mitonho, um modelo de farda e a padronização das motocicletas também serão adotados. As fardas dos condutores terão o brasão e as cores do município (azul e amarelo). Os capacetes dos condutores e passageiros serão identificados por números.

Além disso, a população contará com um serviço de telefonia gratuito para reclamações  e  casos de desrespeito as leis de trânsito. A velocidade permitida no perímetro urbano será de 40 km por hora.

O  prazo é de 40 dias para que essas novas regras passem a vigorar no município.

Mototaxistas terão regras e tabela de preços em Juazeiro

  1. Roberto Guedes disse:

    É necessário criar uma Lei regulamentando os requisitos que terão de ser atendidos pelos mototaxistas para atuar legalmente na cidade. Como por exemplo: inspeções anuais das motos onde será conferido funcionamento dos sistemas elétricos (farois, laternas, buzinas…), sistema de freio, condições de uso da moto (estado de conservação do estofamento e componentes externos da moto),índice de emissão de gás carbônico e manutenção dos capacetes (limpeza e estado de conservação).
    Lembrando ainda que os capacetes são grande foco de infestações de micoses e piolhos entre outros.
    Outro ponto a ser visto é em relação a situação dos mototaxistas frente ao INSS (eles irão se aposentar pela idade sem pagar contribuição?).

  2. Champs de Mars disse:

    Prezado Guedes,

    Isso é ato político meu caro! Que micose que nada! Esses se acidentam a torto e à direita e ninguém diz é nada…Quanto mais pensar em micose?

  3. Padilha disse:

    Quem nunca andou de mototaxi em Juazeiro levante a mão. Sou a favor da legalização (apesar de que a atividade é proibida por lei federal e me estranha o fato da Polícia e da Procuradoria do município fazer parte de uma reunião desta). Mas, tão logo regulariza e já vem aumentando os preços, pelo bem de quem. É melhor ficar como está, cada um escolhe seu motoqueiro de confiança, liga e pronto. E o melhor , só pago 2 reais.

  4. benne disse:

    NÃO DOU 06 MESES. P A SOCIEDADE PEDIR ATÉ PELO AMOR DE DEUS Q TIREM ESSES CARAS DAS RUAS…INFELISMENTE SOMOS ASSIM. SÓ PQ TEMOS UM PROBLEMINHA JÁ QUEREMOS RADICALIZAR, E QUEREMOS SOLUCIONAR ADQUIRINDO OUTRO. ORA!! NÃO É MAIS FÁCIL EXIGIR DAS EMPRESAS DE ÕNIBUS, MELHORIAS…ABRIR CONCEÇÃO P OUTRAS EMPRESAS. NÃO, O PREFEITO TEM Q ATENDER Á CONVENIENCIAS POLÍTICAS. UM ADERE A BADERNA P SE REELEGER, PROMETE E QUER CUMPRIR RETROCEDENDO A UMA FORMA ARCAICA DE TRANSPORTE PÚBLICO. O TRANSITO DE JUAZEIRO JÁ É UMA BADERNA. AGORA MELHORA!!!!

  5. Feeling disse:

    Na hora do atraso são eles que estão a nossa disposição… se depender dos onibus, prefiro nem comentar. Que legalize agora é claro com organização até porque se brincar a cidade vai lotar de mototáxi inclusive da vizinha Petrolina!

  6. Feeling disse:

    Caro “Champs de Mars” achei muito infeliz esta sua colocação em chamar os mototaxista de marginais! Cuidado com suas palavras até porque todo trabalho é digno se um gari varre a rua, se um mototaxista presta serviço, se um empregado cumpre ordens… é porque todos eles tem dignidade para isso. O sR. pode expor seu ponto de vista da maneira que bem entender pois o blog é para isso, mas não denomine pessoas com trocadilhos tão chulos as quais você nem conhece. Tenha mais respeito, não sei porque seu comentário não foi restrito!

  7. Champs de Mars disse:

    Feeling, pelo visto você não tem nenhum um pouco de “feeling” para tratar do assunto.
    Marginais sim! Infratores e malfeitores, isso sim, são aqueles que prestam o mal serviço chamado de moto-táxi.
    Não me reportei a garis ou àqueles que cumprem ordens. Pelo contrário, me refiro aos bandidos que são desordeiros e não sabem o que é respeito à lei e à sociedade.
    A atividade do moto-táxi pode levar esse infratores se sujeitarem ao disposto no art. 47 do Decreto-lei nº 3.688/41, art. 65 da Lei nº 8.078/90, art. 359 do Código Penal e art. 231 da Lei nº 9.503/97, sem
    prejuízo do disposto no art. 330 do Código Penal.
    Gostou? Quer mais?
    Falta de respeito termina tendo você, que, me ofende por sua ignorância.

  8. Feeling disse:

    Meu caro em nenhum momento eu lhe ofendi, pelo contrário até fiz a colocação de que você tem todo o direito de manifestar seu ponto de vista. Ingnorancia foi essa sua colocação estupida e desnecessária. São pelas palavras ditas que sabemos o tipo de pessoa que és. Um dia quando estiver passando necessidade sem nenhum meio de transporte acessivel verá um “marginal” a sua disposição para socorre – lo, não se esqueça de que tudo é possivel nesse mundo.
    Passar Bem

  9. dinhozão disse:

    moro em sobrdinho, mais dependo mt de juazeiro ,acho muito bom o transporte de moto tax por que espera pelo onibus não merecemos mais. precisamos resolve agora A linha sobradinho a juazeiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *