Mototaxistas querem “bandeirar” valor da corrida em Petrolina

por Carlos Britto // 17 de janeiro de 2012 às 16:39

Desde quando foi regulamentada a tarifa fixa do serviço de mtotáxi em Petrolina, no valor de R$ 4 para o perímetro urbano, os profissionais do setor reclamam de prejuízos financeiros. De acordo com o presidente do Sindicato do moticilistas profissionais de Petrolina (Simpropet) José Vicente Barbosa (foto), houve uma redução de corridas por causa do preço.

“Quem fazia trajetos curtos deixou de utilizar o serviço por achar caro, e a gente reconhece que o preço é, de fato, salgado. Como um percurso do shopping a Catedral, por exemplo. Com isso a gente fica uma hora parado e quando sai pega uma corrida para o Rio Corrente, é prejuízo” admitiu Barbosa, em entrevista nesta terça (17) ao programa Conexão Verdade (A Voz do São Francisco/Emisssora Rural).

E o líder dos mototaxistas não é o único insatisfeito. Do outro lado da questão, os usuários também solam o verbo. Ednália Barros, por exemplo, critica a atitude de alguns mototaxistas. “Eu chego a um ponto do Centro para ir ao Cosme e Damião (zona oeste) e fica um jogando para o outro porque ninguém quer ir para longe. Isso é um constrigemento. O serviço é pago, não é favor”, desabafa.

Para Barbosa, a solução seria a implantação do motoxímetro, equipamento semelhante ao utilizados em táxis para determinar o valor conforme a distância percorrida – as famosas ‘bandeira’ 1 e 2. ” Nosso projeto é que a taxa mínima cobrada seja de R$ 2, o que dá direito a um percurso de até quatro quilômetros. A partir daí a cada quilômetro percorrido seja cobrado o valor de R$ 1. Isso, sim, seria justo” argumenta. O projeto foi apresentado à EPTTC há oito meses, mas ainda está em fase de análise, segundo o sindicato da categoria.

Mototaxistas querem “bandeirar” valor da corrida em Petrolina

  1. verdao disse:

    vc presidente e mototaxista deveriam esta preocupado com cidadaos que pegam essse veiculo todos os dias pq quase todos os mototaxista so andam bebados ariscando a vida dos outros, nao ficar brigando por preço de passagem.

  2. egnaldo disse:

    senhor presidente sabe porque o pessoal anda pouco de moto taxi porque e pirigoso muito inmundo sao capacetes sem condicoes de uso veja este lado e tudo melhora

  3. Carla Camila disse:

    Sem falar nos ultrapassam pela direita, em faixa contínua, e tantas outras infrações de trânsito, quanta imprudência e agora querem bandeirar as corridas, ” NINGUÉM MERECE”
    Quero salientar que não são todos que cometem tais infrações.

  4. Tô fora! disse:

    Mototaxistas que só ultrapassam pela direita. Bando de irresponsáveis. Tô fora! Não quero morrer agora e nem ficar aleijado.

  5. Marcos disse:

    Todos os dias fico abismado com a irresponsabilidade de muitos mototaxistas, ultrapassagens pela direita, ultrapassagens com faixa continua, avança sinal vermelho. Creio que todos tenham feito um curso de direção defensiva, infelizmente não estão colocando em prática…………

  6. messias disse:

    este cara q se diz preside tá bom de se preocupar e com um serviço de qualidade a ser pretado e não com quantidade de valor tá muito bom . Quando a jente ganha 4 reais para ir do centro ao shoop e o valor q cobre uma corrida para o Cosme Damiaõ etc. nós mototaxista temos e q prestar um seviço de qualidade sem correria usar os capacetes limpos para deixar o cliente satisfeito pelo serviço prestado. Quanto os caras q estão rodando bebado segundo verdão anotem o numero deles e entreguem a EPTTC..

  7. mariana disse:

    nao sou contra os mototaxistas mais vejo que os enteresses deles é só a questão de custos ganhos(R$) para eles,antes de quererem almento na taxa cobrada por eles,é bem melhor eles fornecerem um melhor trabalho, não só andam bebados como tbém sujos,com cheiro de suor forte,fardas rasgadas,cabelos e baras por fazer,com capacetes sujos e fedidos,unhas sujas,e groceiros quando tentamos negociar uma corrida,alguns podem achar essas citações absurdas,mas não é pois guando trabalhamos interno devemos estar sempre aciados e bem limpos,se preocupem com essa questões tbém

  8. mariana disse:

    acabei comprando uma moto exatamente por essas falta de cuidados dos mototaxistas que precisei pegar e hoje gasto 30R$ por mês rodando todos os dias 4 quilometros e meios,sem contar que minha mãe,irmãos,sobrinhos e filhos não pagam mais mototaxistas pois quando precisam eu os levo,há sim! meu irmão tbém comprou uma

  9. milinha disse:

    Hum, da zona oeste para a faculdade vai dar em torno de dez reais. Pensando bem, e melhor pegar um taxi. Se bora que tem vaga pa mais tres. rsrsrsrsrs

  10. PETROLINENSE disse:

    Para uma viagem areia branca/ shopping tudo bem R$ 2,00, se for usar este criterio de bandeiradas, imagina ai quem for para o João de Deus, cohab 6, vai ficar mais ou menos em R$ 10,00, acho que antes de ver estes preços estes representantes dos mototaxistas deveriam ver a qualidade, quanto a capacetes imundos, mototaxista irresponsaveis, pois na opinião de muitos 95% dos mototaxistas são irresponsaveis, veja bem e pra ser bonzinho pois acho que é mais que isto. cortam pela direita, se tem 2 carros e uma brexa no meio eles mesmo com passageiros, entram no meio, são um bocado de doidos, só visam dinheiro, motos sujas, roupas sujas. olhe este lado ao inves de visar bandeira 1 e 2

  11. Cidadão disse:

    A questão de preço das corridas, deve ser um valor justo, na verdade a maioria do mototaxistas exploram no preço cobrado. Além do serviço prestado ser ruim, pois os capacetes são muito sujos, andam sem nenhuma segurança, uma certa vez peguei um mototaxista no centro de Petrolina até o bairro Areia Branca, o cara saiu paracendo um maluco a toda velocidade, pedi para o mesmo diminuir a velocidade pois queria chegar em casa inteiro, mesmo assim contei quantas infrações o mesmo cometeu no percuso, foram no total 28 infrações de trânsito, desde ultrapassagens pela direita, passar por lombada eletrônica acima da velocidade, vira a esquerda e a diretia sem acionar o pisca. Quando cheguei Graças a Deus vivo ao meu destino, paguei 5 reais quando a corrida deveria ser 4 reais, porém para me ver livre do maluco paguei para evitar problema, mais informei ao mesmo das 28 infrações que ele havia feito durante o trajeto, e memorizei bem a sua identificação para não mais passar por esse perigo, pois não nenhum suicida. Venho aqui também informar que existe mototaxistas que prestam um bom serviço, porém é fato esse são uma pequena minoria. O Governo Municipal deve cobrar da categoria melhorias na segurança, preço justo, higiêne.

    1. LUCIVANIA disse:

      E QUANTO A QUESTÃO DE HIGIENE, OS CLIENTES PODEM COBRAR OS SEUS DIREITOS. PODEM PEDIR UMA “TOUQUINHA” E PODEM AINDA SE RECUSAR A FAZER UM PERCUSO COM UM MOTOTAXISTA SEM HIGIENE. NINGUEM É OBRIGADO A ACEITAR UMA CORRIDA COM UM MOTOTAXI SEM HIGIENE!!!!!!!!

  12. Renan disse:

    Apesar de não ser usuário, darei o meu palpite. Primeiramente, antes de qualquer tipo de mudança em valores, o Sr José Vicente deveria se preocupar mais com a segurança dos passageiros, pois o que vemos no trânsito de Petrolina são mototaxistas IRRESPONSÁVEIS, que não respeitam o trânsito e muito menos a sinalização. Estou cansado de ver imprudências praticadas por esses “profissionais”, cortam pela direita, costuram, cortam em faixa contínua e já vi até avanço de sinal. E aí fica a pergunta: você que anda de transporte público, tem coragem de arriscar a sua ÚNICA vida que Deus te deu, andando com esses irresponsáveis?

  13. Manoel Malaquias disse:

    Uma moto de 150cc faz uma média de 23Km/l

    1L de gasolina custa = R$1,99

    Se para rodar 23Km eu gasto R$1,99 então o Km rodado sai no
    valor de R$0,086 centavos por Km.

    Então a cada Km que a moto roda, ela gasta apenas R$0,086 centavos.

    Por que querem cobrar R$1,00 a cada Km adicional?

    Isso é algo em torno de 800% mais caro.

    Mesmo colocando depreciação da moto, que se caracteriza pelo uso e gastos como pneu, motor, troca de oleo, é abuso.

    Se você colocar R$0,25 por cada Km adicional, vocês ainda sairiam no lucro.

    O segredo de um transporte de sucesso é a sua massificação e não sua inflação.

    1. Dreda disse:

      Não conheço gasolina de 1,99 em Petrolina, nosso preço padrão é 3 reais, o que dá em média 0,13 R$/km. Além da depreciação da moto, você tem que incluir na conta o tempo gasto pelo motorista, o stress, o risco de acidente, que não é baixo, a disponibilidade do motorista nos intervalos em que não há corridas, etc.

      O preço justo é determinado pelo mercado. Se eles cobrarem 20 reais e a população quiser pagar, bom para eles. A melhor forma de protesto é evitar esse tipo de transporte, o que nem sempre é possível.

  14. zezinho mototaxista disse:

    Primeiramente queria deixa essa depoimento bem claro,.algunhas coisas concordo, tem moto-taxista responsáveis, mais nao todos, menoria trabalhar pra sustentar familias, e outros, pq nao tem falta de opcao.-

  15. LUCIVANIA disse:

    EU SOU A FAVOR DA JUSTIÇA! EXISTEM MOTOTAXISTAS IRRESPONSÁVEIS, MAS NÃO SÃO TODOS, GRANDE PARTE DELES TRABALHAM COM RESPONSABILIDADE PARA SUSTENTAR A FAMILIA E TEM ESSA FUNÇÃO COMO ÚNICO MEIO DE RENDA. QUANTO A QUESTÃO DE AUMENTO DE VALORES EXISTEM MUITOS FATORES A SEREM LEVADOS EM CONSIDERAÇÃO, MAS NO FINAL DE TUDO QUEM DECIDE PELO AUMENTO OU NÃO DAS TARIFAS É A POPULAÇÃO. SE AS PESSOAS FOREM CONTRA, A DEMANDA DE CLIENTES CAIRÁ, COM ISSO A CLASSE DOS MOTOTAXIS IRÃO REVER OS VALORES.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *