Mais de um terço dos municípios baianos não tem delegados

por Carlos Britto // 06 de maio de 2009 às 20:45

Não existe delegado de Polícia Civil em mais de um terço dos municípios da Bahia de acordo com levantamento oficial fornecido pela Secretaria de Segurança Pública. Ao todo, dos 417 municípios do território, 135 não tem quem coordene as investigações de crimes.

A situação faz com que os policiais que trabalham nestas unidades espalhadas pelo estado convivam com situações quase esdrúxulas, como coordenadores que aparecem nos municípios uma vez por semana, delegacias sem sequer identificação nos imóveis e funcionários contratados como oficiais de Justiça e sem nenhum conhecimento sobre a prática policial fazendo as vezes de investigadores.

De acordo com o secretário César Nunes, há recomposição dos quadros, mas que um delegado não é um profissional que se forma da noite para o dia, pois o concurso para a profissão envolve diversas etapas. Ele também afirma que as cidades que já foram contempladas com a chefia de investigação rapidamente reduziram os índices de violência.

Fonte: Bahia Notícias

Mais de um terço dos municípios baianos não tem delegados

  1. walter jose da silva disse:

    ficamos até com pena do povo nos municipios onde tem um grande aparato policial, imagine, totalmente desprotegidos, ainda vem um servidor pública que atua na area da segurança publica, alegar que demanda de muito tempo e de muitas etapas para preparar um profissional . pergunto , quando esse governo vai assumir ? pois no site da APLB, faltam apenas, DEZ MIL PROFESSORES para suprir as necessidades das escolas e milhares de alunos não perder o ano letivo.

  2. amanda tavares disse:

    Enquanto isso, há hoje na Bahia, 100 delegados já formados pela Acadepol/Ba, aguardando nomeação e o governador, Jaques Wagner, ignora tal situação de caos que o interior enfrenta.
    Mesmo tendo sido gasto 6 milhoes na formação desses profissionais o governo não se pronuncia nem contrta ninguem.
    Que horror, terra sem lei, sem administrador

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *