Lossio sai em defesa dos líderes comunitários comissionados na prefeitura e desafia vereadores a apresentarem os seus

4

lossioO prefeito de Petrolina, Julio Lossio (PMDB), saiu em defesa dos líderes comunitários apontados numa lista apresentada semana passada, na Casa Plínio Amorim, pelo vereador José Batista da Gama (PDT). Na lista, o vereador citou alguns desses líderes, que exercem cargo comissionado na administração municipal. Um deles é Milton Macedo, do bairro João de Deus, lotado como vigilante na Secretaria de Saúde.

Perguntado sobre o fato durante uma coletiva referente a ordens de serviço para reforma no Parque Josepha Coelho e pavimentação do Pátio de Eventos Ana das Carrancas, o prefeito desconversou.

Em relação a Milton, ele disse que apesar de estar na função de vigilante, o líder comunitário não bate ponto porque não é do quadro da prefeitura, e sim cargo de confiança, ou seja, um agente político. “Milton é lotado (na Secretaria de Saúde), mas está à disposição do gabinete”, afirmou Lossio.

Apesar disso, o prefeito justificou que Milton exerce sua função como comissionado, citando como exemplo o trabalho de acompanhamento que fez às obras da feira livre e a luta dele em prol da conclusão da Praça da Juventude.

Lossio também blindou outros dois líderes mencionados na lista de Zé Batista da Gama. Um deles é o comunitário Domingos Sávio Alencar, conhecido por ‘Domingos de Cristália’; o outro é o xará dele, Domingos Libório. Quanto ao primeiro, Lossio afirmou que atuou junto à administração para garantir obras à comunidade de Izacolândia, a exemplo de uma AME, de pavimentação de ruas e construção de casas. Já Domingos Libório, segundo o gestor, tem um trabalho importante na área do bairro Pedra Linda.

Desafio

Lossio disse não entender a lista do vereador, assegurando que nenhum dos citados ganha sem trabalhar. “Se ele (Zé Batista) me apresentar um servidor que não exerça sua atividade, eu demito na hora”, declarou. Também argumentou não ver problema em ser um líder comunitário e ter uma função gratificada na prefeitura. “Eu, mesmo, sou prefeito mas tenho orgulho da minha profissão de médico. Ainda ontem (10) fiz oito cirurgias”, disse.

O prefeito reforçou também que o fato de ter disponibilizado os nomes dos mais de 5 mil servidores da administração foi justamente para constatar quem de fato está trabalhando ou não. E aproveitou o ensejo para desafiar a Casa Plínio Amorim a fazer o mesmo. “Gostaria que os vereadores também apresentassem seus comissionados. Isso é muito importante para a população, porque são mais de R$ 1 milhão que se gasta na Câmara”, provocou.

Sobre as declarações de uma servidora da prefeitura, que utilizou seu perfil no Facebook para insinuar que alguns vereadores usam seus assessores para contrair empréstimos consignados, Lossio justificou que não pode se responsabilizar por comentários de foro particular dos mais de 5 mil servidores. “Se fosse um Face da prefeitura, eu seria corresponsável. Mas essa é uma questão de ordem pessoal. As pessoas têm de responder por aquilo que dizem”, finalizou. (com a colaboração de Marco Aurélio/para o Blog)

4 COMENTÁRIOS

  1. AGORA É COM VOCÊ VEREADOR ZÉ BATISTA!.
    COM ESTA REAÇÃO DO SENHOR PREFEITO…CHEGOU A HORA DA ONÇA BEBER ÁGUA!!!.
    NESTE EMBATE…VAMOS VER ONDE ESTÁ A VERDADE??
    OU É UMA REAÇÃO NATURAL DE QUEM ESTÁ CERCADO DE LAMA POR TODOS OS LADOS?
    NÓS..
    LEITORES E ELEITORES AGORA QUEREMOS QUE VC DESDIGA O SENHOR PREFEITO!!.
    TOU CERTO OU TOU ERRADO??

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome