Governo de PE mobiliza jovens em todo o Estado para encontro que discutirá problemática do trabalho infantil

0

O trabalho infantil, a aprendizagem profissional e as políticas públicas para o enfrentamento da violação de direitos de crianças e adolescentes serão temas de discussão no próximo dia 10/12, durante o 1º Encontro ‘Pernambuco-Adolescentes contra o Trabalho Infantil’, promovido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) com apoio da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), por meio da Secretaria Executiva de Assistência Social (SEASS). O evento será virtual, por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), e terá transmissão pela plataforma Zoom, com duração de 6h – das 9h às 12h e das 14h às 17h.

Trabalhamos em todo o estado para o fortalecimento das políticas públicas de assistência social por meio de ações articuladas com outros órgãos públicos e a sociedade civil organizada, garantindo a inclusão social de segmentos em situação de vulnerabilidade. Precisamos oferecer qualidade de vida para crianças e jovens, que devem ter acesso a o que garante a Constituição, a exemplo da educação. Lugar de crianças e de adolescentes é na escola”, alerta Sileno Guedes, secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude.

O combate ao trabalho infantil é uma pauta permanente da SDSCJ. “Precisamos garantir os  direitos, a melhoria da qualidade de vida e a proteção social, prioritariamente, à população em situação de vulnerabilidade e risco, como é o caso de crianças e adolescentes. Contamos com a colaboração da sociedade que, por meio do Disque 100, pode denunciar a ilegalidade do trabalho infantil“, lembra o secretário executivo de Assistência Social da SDSCJ, Joelson Rodrigues.

Para garantir a efetiva participação dos jovens no encontro, a equipe da SEASS está responsável pela mobilização e articulação junto aos municípios. As inscrições podem ser feitas pelo link do evento e estão abertas a qualquer jovem que tenha interesse na troca de experiência. Caso ele necessite, pode contar com o apoio das equipes dos CREAS/CRAS nos municípios que poderão auxiliá-lo por meio da cessão do espaço e de equipamentos (notebook, PC, webcam, entre outros).

Apoio

O encontro tem o apoio também da Rede Peteca, do Comitê Nacional de Adolescentes pela Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Conapeti), da SDSCJ/SEASS; do Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil de Pernambuco  (Fepetipe), do Fórum Pernambucano Aprendizagem Profissional (Forap), entre outras instituições no Estado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome