Empresa pede que população evite fogueiras próximos ao Aeroporto de Petrolina

por Carlos Britto // 22 de junho de 2022 às 14:30

Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

Empresa que administra aeroportos no Brasil, a CCR emitiu alerta para que a população de Petrolina não cause problemas para as operações de voo por conta dos festejos juninos. As tradicionais fogueiras, montadas nesta época do ano na cidade, por exemplo, não devem ser acesas nas proximidades do Aeroporto Internacional Senador Nilo Coelho.

O responsável pela área de Segurança Operacional, Luís Spanner, explicou que uma faísca que se desprende e é levada pelo vento pode provocar incêndios no sítio aeroportuário, causando sérios danos à operação e segurança das pessoas que utilizam o aeroporto ou moram na região.

Não temos histórico de acidentes envolvendo balões no Aeroporto de Petrolina. No entanto, essa é uma prática tradicional que potencializa o risco de incêndios e coloca em risco a segurança da aviação. Além disso, é importante ressaltar que o ato de soltar balões se trata de prática ilegal, prevista em lei”, ressaltou.

Além disso, de acordo com o Artigo 42 da Lei de Crimes Ambientais (Lei Nº 9.605), “fabricar, vender, transportar ou soltar balões que possam provocar incêndios, tanto florestais quanto urbanos, tem pena de um a três anos de prisão ou multa”.

Empresa pede que população evite fogueiras próximos ao Aeroporto de Petrolina

  1. Fulano disse:

    Kkkkk… E quem é a CCR pra vir lá de longe dizer onde as fogueiras de Petrolina devem ou não ser acesas?
    Nunca existiu problema aqui nos anos de Infraero.
    As taxas de embarque e a brigada de incêndio estão aí pra isso, ele que redobre a atenção e reforce seus plantões.
    Mas vir querer dar ordem aqui eu já acho muita ousadia!!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.