Diretora do Prodecon de Petrolina diz que Celpe não cobrou contas em duplicidade

por Carlos Britto // 11 de maio de 2009 às 21:16

A diretora do Prodecon de Petrolina, Geraldini Cavalcante Lins, explicou durante a audiência pública que não houve contas em duplicidade cobradas pela Celpe, como alegam os usuários.

O que aconteceu, segundo ela, foi a cobrança de duas contas no mesmo mês com valores diferentes, o que é completamente distinto de contas com valores duplos.

Um especialista em direitos do consumidor, presente à audiência, informou que o segundo valor cobrado, na verdade refere-se ao percentual de reajuste reivindicado na justiça pela Celpe e que deveria ser fracionado numa conta só, em meses distintos, de acordo com a resolução nº 256/2000 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).          

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *