Detentos em grupo de risco para coronavírus são encaminhados para prisão domiciliar em Pernambuco

0
FOTO: Bobby Fabisak/JC

Duzentos e dois detentos que integram o sistema prisional de Pernambuco, entre grávidas, pessoas com mais de 60 anos, diagnosticadas com doenças que representam risco para o novo coronavírus, ou que têm previsão para migrar para o regime aberto até 31 de julho de 2020, estão sendo encaminhados, provisoriamente, para cumprimento de prisão domiciliar. A informação é da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres).

“Ao todo, 202 detentos, entre idosos (acima de 60 anos), presos com comorbidades, e aqueles com previsão para migrar para o regime aberto até 31 de julho de 2020, tiveram suas decisões cumpridas”, disse a Secretaria, por meio de nota.

Até a quinta-feira (26), não foi confirmado nenhum caso da covid-19 nas 23 unidades prisionais do Estado, mas 78 presos estão mantidos em isolamento por apresentarem gripe, por recomendação do Ministério da Saúde.

“Não temos casos de coronavírus nas unidades prisionais de Pernambuco. Nós temos presos que estão isolados, mas não estão com coronavírus, estão com influenza, a gripe, [doença comum] em comunidades prisionais”, disse o secretário de Justiça e Direitos Humanos do Estado, Pedro Eurico. (Fonte: JC Online)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome