Depois de comunitário, vereador de Sento Sé reforça denúncia de falta de tratamento na água que abastece população

1

julliano afonsoApós o comunitário Lourenço Aguiar enviar a este Blog uma denúncia sobre a falta de tratamento na água que abastece a população de Sento Sé, no Norte da Bahia, o fato ganhou reforço de uma autoridade local. O vereador Julliano Afonso (PT) foi à Tribuna da Câmara Municipal na sessão plenária de quinta-feira (3) para denunciar a forma “desrespeitosa” com que o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Sento Sé tem tratado a população.

Em sua fala, o vereador relatou que esteve no último dia 2 na Estação de Tratamento de Água (ETA), onde foi informado que há mais de um mês a água está sendo distribuída à população sem a adição do cloro, componente químico utilizado para combater bactérias e outros microrganismos presentes na água. “Além de ser um descaso com o povo, se constitui um grave atentado à saúde das pessoas que consomem diariamente esse líquido indispensável à vida”, afirmou.

ETASegundo a assessoria de Julliano, ele solicitou do presidente da Casa que seja remetido ao SAAE ofício cobrando explicações do por quê a situação chegou a esse ponto. Disse ainda que os consumidores precisam ser respeitados, pois pagam uma tarifa elevada na conta de água, que teve um aumento de mais de 30% no ultimo ano.

Modernização

O vereador reconhece que o município necessita de uma estação de tratamento mais moderna e que corresponda ao tamanho da cidade, mas isso não impede a autarquia de buscar soluções que minimizem o sofrimento da população. Ele afirmou que fará um levantamento mais aprofundado da situação e que poderá levar o caso ao Ministério Público para que sejam tomadas as medidas cabíveis. “O que não podemos mais é permanecer inertes, enquanto o erro e o desrespeito ao povo avançam em nossa cidade”, disse.

Julliano concluiu afirmando que seus últimos atos não são pautados somente no fato de ser oposição ao governo, mas “por ter um compromisso firmado com o povo: o de ser a sua voz na Câmara”. (fotos: Assessoria/divulgação)

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome