Crise na saúde de Petrolina: hospitais podem paralisar atividades

por Carlos Britto // 17 de abril de 2009 às 13:22

O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) já deixou seu recado à Prefeitura de Petrolina, mas que serve também para as outras duas esferas do Governo: Se a atual conjuntura da saúde pública no município não melhorar, quem vai sofrer é a população.

A ausência de um acordo consensual com os médicos, que cobram melhores salários e condições de trabalho, já pode afetar diretamente os serviços nos Hospitais Dom Malan (HDM) e Traumas. As duas unidades podem paralisar suas atividades por falta de financiamento e de acordo com a classe médica.

Conforme informações do presidente do Simepe, Antonio Jordão, o aviso prévio dos anestesistas do HDM encerra-se no dia 1º de maio. Já os cirurgiões, ortopedistas, clínicos e bucomaxilofaciais, no dia 24 deste mês. Em seguida são os obstetras a entrarem de aviso prévio.

Os médicos cobram uma participação mais efetiva do município com investimentos para saúde na ordem de pelo menos 15%, já que muitos municípios investem 25% e até 30%. As críticas também se direcionam ao governo de Pernambuco. Para o Simepe, o HDM tem de ser assumido pelo Governo por se tratar de uma unidade regional – e a única em Pernambuco que não é subsidiada pelo Estado.

Quanto ao Ministério da Saúde, os médicos pedem às lideranças políticas regionais que se mobilizem no sentido de capitanear mais recursos federais para a saúde. Na visão do sindicato, esses recursos são proporcionalmente menores para os estados nordestinos do que para o Sul e Sudeste do país.

Mesmo achando insuficiente o financiamento para a saúde de Petrolina, o Simepe discorda das decisões tomadas pela secretaria municipal, começando pelo fechamento da Clínica da Dor, além da redução dos salários dos médicos, medicamentos e alimentação dos funcionários de saúde.

O Simepe cobra também que os contratos temporários de trabalho sejam feitos diretamente entre o Executivo Municipal e os médicos, sem a participação de entidades representativas. Segundo dr. Jordão, os contratos feitos até hoje são “de boca”, sem nada formalizado. A categoria esperar mudar essa situação com a realização de concurso público, outro item cobrado na pauta de reivindicações.

Além da secretaria municipal de Saúde, o sindicato enviou essa mesma pauta para as pastas em nível estadual e federal, e também para a Promotoria de Justiça.

Crise na saúde de Petrolina: hospitais podem paralisar atividades

  1. Francisco disse:

    Já sei que vai paralisar porquê esse administração só tem conversa. E eles querem é dinheiro.

  2. Cássio Petrolina disse:

    Essa é a Nova Petrolina? Quanta vergonha!! Kdê o Prefeito da Saúde! O povo tem o governo que mereçe!!

  3. Armando disse:

    E a turma do contra só comentando no Blog…
    Pra esse povinho quanto pior melhor.

    Pelo amor de Deus, uma coisa é ameaçar, outra é PARALISAR. Julio Lossio é um homem de diálogo e não impõe sua verdade diante das situações.

    Deixo aqui um desafio: Dr. Julio irá surpreender a todos. É para o bem de Petrolina e não pelos interesses da minoria que está sentindo falta do peito que mamaram durante os ultimos 8 anos

  4. Cadê???? disse:

    Caro amigo ARMANDO, vc sabe que conversa não põe comida na mesa, então descarte esta possibilidade do prefeito consegui acordo, os funcionários querem é DINHEIRO, nós estamos num barco furado e vamos afundar, porque o primeiro a nos abandonar foi o comandante Julio Lost que correu nas primeiras chuvas e foi pegar o remendo pra o barco de madeira com o Sr Fogueira “jarbas”; então devemos esperar que além do barco afundar, antes ele vai pegar fogo.kkkk

  5. Mãe Diná disse:

    Paguem o IPTU! São as cobranças em 1º lugar.

  6. Mãe Diná disse:

    E a nova Petrolina? Essa é só para os novos secretários.
    Nova casa, Novo emprego … Tudo NOVO.

  7. ATENTO disse:

    Não sei não… mas qdo até os médico que, quase na sua totalidade, apoiaram Julio Lost começam a falar mal e a fazer cobranças… Nem o prefeito indo atender de dentro do HDM, como prometeu e até hj sequer passou na porta, vai dar jeito. Primeiro, foi Dedé (vereador da bancada do prefeito), agora os médicos (99,9% votaram em Lost). Cada dia pior a nossa Petrolina… Deus tenha piedade!

  8. Opara disse:

    Engraçado… essa mesma ameaça fizeram no governo de Odacy. Odacy, grande adminsitrador que é, e com grande responsabilidade disse que aceitava a demissão coletiva, pois tinha um plano B a ser implementado caso os pedidos fosse efetivados. A maioria aqui certamente apoiou Odacy… agora, antes de iniciar as negociações, o terrorismo já é lançado. Júlio deve ter a mesma postura de Odacy… quem quiser sair que saia.

  9. falador disse:

    Que saia o opara então , que comentário infundado provavelmente não depende do SUS pois imaginem o caos que se formaria

  10. Interessada disse:

    Aos olhos de quem puder ver, essa é anossa situação, médicos de menos para pacientes d+, e põe d+ nisso!!!!
    Gente ou Petrolina reage pra fazer os postos funcionarem e colocar o HDM e o Traumas funcionando em sua plenitude ou triste será o nosso fim…
    AS pessoas estão lotando o IMIP- DOM MALAN porque não tem pra onde correr e o secretário acha normal a atenção básica continuar deficitária do jeito que tá e vem com zumbido falando que vai melhorar, mas quando???
    Petrolina isso não é o que queriamos!!!!
    O Traumas era pra ser da Univasf e nossos estudantes de medicina estão tendo que ir pro Recife fazer a residencia!
    Que vergonhaaaaaaaaaa!!!!
    Olha sinceramente Dr. Julio parece que não entendeu que as necessidades de Petrolian são urgentes! e não há tempo pra esperar!!!!
    Acorda são 4meses de governo e nadaaaaaaaaa!!!!
    Nada para a infra-estrutura, a cidade tá parecendo uma praça de guerra,nada pra saude, nada pra nada!
    Não queriamos Gonzaguinha na prefeitura, mas parece que o tiro saiu pela culatra!!!!!

  11. Cadê???? disse:

    ai eu pergunto, onde tem tanto médico disponível para substituir caso todos pedissem demissão, vai enganar outro Prefeito Julio Lost, falta médico pros PSF, vai ter médico pra substituir

  12. Opara disse:

    Falador…. verdade… eu não dependo do SUS não… isso não quer dizer que eu não enxergue a realidade.

  13. Pedro disse:

    pois é, se fosse a oposição tava todos batendo dizendo que era a oposição, e os médicos hein que apoiaram e cairam de cabeça na campanha, estão inventando opara, como não precisa do SUS, todo cargo comissionado precisa

  14. ABROLHOS disse:

    Tô esperando a SMS de Petrolina conseguir mais de 100 médicos especialistas para trabalharem em Petrolina com esse salário e ssas condições de trabalho!
    Se conseguir, acreditem, o fim do mundo está perto!!

  15. Danilo disse:

    A CRISE NA SAÚDE NÃO É POR FALTA SOMENTE DE COMPETÊNCIA ADMNISTRATIVA É CAUSADA TAMBÉM POR UM SUBFINANCIAMENTO DO SUS, FALTA DINHEIRO PARA MANTER TODA A ESTRUTURA, DESDE O PSF ATÉ UM LEITO DE UTI. O GOVERNO ESTADUAL E FEDERAL VIRARAM AS COSTAS PARA PETROLINA, NÃO É DE HOJE, DESDE A ÉPOCA DE FHC E JARBAS, NINGUÉM SE ESFORÇA PARA TENTAR MELHORAR AS CONDIÇÕES DO SUS, SOBRANDO APENAS PARA A POPULAÇÃO SOFRIDA E QUE DEPENDE 100% DO SERVIÇO PÚBLICO.A MINHA MAIOR REVOLTA É QUE PRESENCIAMOS TODOS OS DIAS NOS JORNAIS DESVIO DE DINHEIRO, AUMENTO DE SALÁRIO DE DEPUTADOS, CAIXA 2, AUMENTO NO NÚMERO DE VEREADORES, AUXÍLIO PALITÓ, FUNCIONÁRIOS FANTASMAS, NEPOTISMO, VERBA DE GABINETE USADA PARA OUTROS FINS….E MUITO MAIS, SE TODO ESSE DINHEIRO FOSSE USADO PARA INVESTIMENTOS NA ÁREA DE SAÚDE , OS HOSPITAIS PARTICULARES SERIAM OBRIGADOS A FECHAREM SUAS PORTAS, POIS TERÍAMOS UMA EXCELÊNCIA NA SAÚDE PÚBLICA, SÓ QUE ISSO NÃO PASSA DE UTOPIA, COM ESSES POLÍTICOS QUE TEMOS ATUALMENTE NÃO PODEMOS ESPERAR NADA, É SE ACOSTUMAR NO SOFRIMENTO E PEDIR A DEUS POR DIAS MELHORES.

  16. epaminondas disse:

    toda hota elles tem uma desculpa.
    na epoca de dr ayugusto coelho ohospiytal funcionava direitinho.
    essa turma precisa se aconselhar com quem sabe das coisas.sao imaturos…verdes por assim dizer!
    na campanha pediram ajuda e dr augusto foi la.
    agor a perderam a humildade!

    chama ele ju…. chama,que fbc vem junto!.

  17. De dentro disse:

    É o prefeito da saúde…
    Muito me interessa informar-me sobre essa sitação caótica em que se encontra a saúde de Petrolina. Falar em campanha política com lágrimas nos olhos é uma coisa, mas AGIR depois de eleito, heim, Sr. prefeito???
    O que se sabe é que em épocas de CRISE tem que valorizar o que temos mas o Sr. Dr. Júlio prefere contratar médicos, diretores para o Hospital de Traumas, empresa para fornecer alimentos para os funcionários de fora (Salvador, Minas Gerais…). Putz Dr…. QUEM te ELEGEU foi o POVO DAQUI!!! E, como se não fosse só quem te elegeu… são profissionais COMPETENTÍSSIMOS qeu, a sua pessoa conhece melhor do que nós, leigos, pq trazer TANTA gente não sei de onde?! Se a finalidade for fazer do Hospital de Traumas a TORRE DE BABEL, PARABÉNS! O Sr. Dr. Está conseguimdo. Só peço que fale com esses forasteiros que mantenham o diálogo aberto aos funcionários da saúde e não se enclausurem eu suas salas confortabilíssimas e respondam aos seus funcionários; ” estamos estudando”. Se é pra estudar, que estudem, mas só DIRIJAM o hospital com a tarefa de casa BEM feita, pois de estudante o TRAUMAS já está CHEIO (de estudantes competentes – UNIVASF) e não de pessoas que dizem que a sáude DEVE reduzir os gastos a 30% e dão aumento de salário a pessoinhas com cargo de confiança de 200%. QUe matemática é ess? ACORDA Dr. Júlio! Quem te elegeu foi o povo competente de Petrolina!!! Visite as unidades de saúde, converse, dialogue com os profissionais da área e veja que estaõ todos decepcionados com suas atitudes sulreais. Valorize os profissionais. Boa sorte!

  18. De dentro disse:

    É o prefeito da saúde…
    Muito me interessa informar-me sobre essa sitação caótica em que se encontra a saúde de Petrolina. Falar em campanha política com lágrimas nos olhos é uma coisa, mas AGIR depois de eleito, heim, Sr. prefeito???
    O que se sabe é que em épocas de CRISE tem que valorizar o que temos mas o Sr. Dr. Júlio prefere contratar médicos, diretores para o Hospital de Traumas, empresa para fornecer alimentos para os funcionários, outras cidades, de outros estados. Putz Dr…. QUEM te ELEGEU foi o POVO DAQUI!!! E, como se não fosse só quem te elegeu… são profissionais COMPETENTÍSSIMOS que, a sua pessoa conhece melhor do que nós, leigos, pq trazer TANTA gente não sei de onde?! Se a finalidade for fazer do Hospital de Traumas a TORRE DE BABEL, PARABÉNS! O Sr. Dr. Está conseguindo. Só peço que fale com esses forasteiros que mantenham o diálogo aberto aos funcionários da saúde e não se enclausurem em suas salas confortabilíssimas e respondam aos seus funcionários: ” estamos estudando”. Se é pra estudar, que estudem, mas só DIRIJAM o hospital com a tarefa de casa BEM feita, pois de estudante o TRAUMAS já está CHEIO (de estudantes competentes – UNIVASF) e não de pessoas que dizem que a sáude DEVE reduzir os gastos a 30% e dão aumento de salário de 150%. QUe matemática é ess? ACORDA Dr. Júlio! Quem te elegeu foi o povo competente de Petrolina!!! Visite as unidades de saúde, converse, dialogue com os profissionais da área e veja que estão todos decepcionados com suas atitudes surreais. Valorize os profissionais. Boa sorte!

  19. ENFA LÚ disse:

    O caos é realmente grande. Falam muito dos médicos que são importantes…sim e os enfermeiros que conduzem em tempo integral na cabeçeira do paciente esse sim está tb muito indignado. Redução salarial pra essa categoria é para rir e rir muito. O salário já não é essa coisa toda e agora com a ameaça de redução… E até agora não deu pra engolir essa questão de tirar a administração do Trauma e entregar para pessoas de fora que nem se quer conhece a realidade da nossa cidade. CAÍRAM DE PARAQUEDAS MESMO…PRA QUE??????????????????

  20. De dentro disse:

    Pois foi!!!
    E o Hospital de Traumas agora é uma INSTITUIÇÃO FAMILIAR! A comitiva chega de TÁXI, o Diretor de enfermagem além de ser recém formado, está trabalhando pela 1ª vez e ainda truxe sua noiva para ser ENFERMEIRA CHEFE DA EMERGÊNCIA, o diretor médico trouxe seu esposa para ser a ÚNICA buco-maxilo-facial, e, o diretor administrarivo trouxe sua noiva para ser a CHEFE DE NUTRIÇÃO do hospital!!! Acreditem!!!!E esse povo veio e NEM FIZERA SELEÇÃO, enquanto quem fez a seleção aguarda ser chamado. Dr. Júlio, cadê vc?
    Clamo pra uqe o Estado entre nessa luta, pq desse jeito não pode ficar. Esse hospital tem que ser auditad, pq além de tudo há muito NEPOTISMO, salários diferenciados… tanta coisa… alguém por favor tome uma proviedência! Estão gastando nosso dineiro com pessoas desconhecidas! Estão DESVALORIZANDO nossos profissionais! Os enfermeiro trabalham sobre grande estresse. Estão adoecendo!
    Aguardamos uma atitude!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *