Compesa afirma que esgoto despejado diretamente no Rio São Francisco pode ser clandestino

2

Em nota enviada pela assessoria, a gerência regional da Compesa esclareceu sobre a denúncia feita por um leitor do Blog referente ao despejo de esgoto in natura no Rio São Francisco. Segundo a Companhia, todo esgoto coletado nas áreas de sua responsabilidade é devidamente tratado, e que os dejetos mostrados pelo leitor provavelmente são jogados no rio de forma irregular por virem de sistema clandestino.

Confiram:

A Compesa informa que todo esgoto regularmente coletado, nas áreas operadas pela Companhia, é devidamente tratado e o lançamento dos seus efluentes segue rigorosamente a legislação em vigor. O efluente mostrado no vídeo é proveniente do sistema de drenagem pluvial que não é operado pela Compesa e que, provavelmente, está recebendo indevidamente esgotos clandestinos e/ou despejos irregulares.

A Compesa reafirma que tem investido forte na ampliação da cobertura do saneamento na cidade de Petrolina e que atualmente esse índice é de 83%. Somente nos últimos meses, cerca de R$ 2 milhões foram investidos pela Companhia em diversos bairros, a exemplo de Cidade Universitária e Alto do Cocar II, e até o início do segundo semestre deste ano este índice de cobertura chegará a 85%, com a finalização da obra no bairro Parque Massangano, que está em execução.

Compesa/Ascom

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome