Começa hoje em Salgueiro 8ª edição do Festival da Sanfona

0

chambinho do acordeon

O fole vai ‘roncar’ literalmente em Salgueiro (PE), no Sertão Central, a partir desta quinta-feira (28), no que depender dos 28 músicos que vão mostrar seu talento em uma das maiores competições do gênero do interior do Nordeste que acontece até sábado (30), no espaço  Casa do Sanfoneiro, dentro da programação do  Festival da Sanfona, que chega à sua 8ª  edição. Os convidados especiais deste ano são Chambinho do Acordeon (foto), que se destacou no papel de Luiz Gonzaga ainda jovem no filme “Gonzaga – de Pai pra Filho”, e o sanfoneiro potiguar Amazan.

Organizado pela prefeitura através da Secretaria de Cultura e Esportes, o evento conceder além de troféus, prêmios em dinheiro entre R$ 3 mil e R$ 1 mil para os três primeiros lugares na categoria Sanfona Livre; no segmento Sanfona de 8 baixos, o primeiro e segundo lugares levam, respectivamente, R$ 1,5 mil e R$ 1 mil. Os mesmos valores serão pagos aos dois vencedores na categoria Infanto-juvenil.

De acordo com os organizadores, se inscreveram sanfoneiros, de várias  municípios  do interior de Pernambuco, Ceará, Piauí e Paraíba,  para as três categorias. Eles  vão se revezar em duas eliminatórias que começa na quinta-feira (28) quando se apresentam 14 concorrentes e na sexta-feira(21), mais 14 disputam uma vaga para  final que levará apenas dez músicos ao palco em busca dos prêmios.

Consolidação

Idealizador do festival e defensor da cultura nordestina de raiz,  o prefeito Marcones Libório aponta que o  evento já se consolidou no calendário cultural  da região e faz parte das festividades do aniversário de emancipação política, que se comemora no dia 30. “Além de revelar jovens talentos e os incentivar para a música, o festival também abre  a temporada de forró, que culmina com a chegada dos festejos  juninos na Estação do Forró. Salgueiro é hoje o maior celeiro de talentos no instrumento e tem atraído músicos de outras regiões, que se encontram o ano inteiro na Casa do Sanfoneiro, que promove shows com sanfoneiros nos fins de semana “, explica Marcones.

Para o sábado (30) está prevista, à partir das 19h30,  a exibição do documentário ‘Levando a vida na Sanfona’, produzido pelo jornalista e pesquisador Emanuel Andrade, que expõe  a arte e os ideais da nova geração de sanfoneiros em meios aos diálogos sobre a profissão, com depoimentos de nomes como Cezinha, Waldonys, Zenilton, Renato Borghetti – entre outros. (foto: assessoria PMS/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

13 − 10 =