Com mais 59 infectados, Petrolina passa para 1.844 casos positivos do novo coronavírus; curas clínicas já são 679

0
Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

Mais 354 pessoas foram testadas para o novo coronavírus (Covid-19) em Petrolina, nesta sexta-feira (17). Desse total, 50 tiveram o diagnóstico positivo: são 32 pessoas do sexo feminino com idades entre 1 ano (uma bebê) e 67 anos, e 18 do sexo masculino, entre 2 e 73 anos. Conforme o boletim da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), outros 9 foram confirmados por meio de exames laboratoriais. São 6 pacientes do sexo feminino, entre 21 a 49 anos, e 3 do sexo masculino, entre 37 e 49 anos. Com esses 59 infectados, Petrolina chegou ao total de 1.844 casos de Covid-19; destes, 168 são detentos da Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes (PDEG).

Até agora foram 1.426 foram confirmados por testes rápidos da prefeitura e 418 diagnosticados através de exames laboratoriais. As curas clínicas aumentaram para 679.

Petrolina registrou mais dois óbitos por Covid-19: um deles ocorreu no último dia 15 e o exame do Laboratório Central de Pernambuco (Lacen-PE) confirmando a doença só chegou nesta sexta. Era uma mulher de 53 anos, com histórico de comorbidades. O outro óbito ocorreu hoje, em um hospital da rede pública. O paciente – um homem de 55 anos – também tinha histórico de doença crônica. Com isso, o número de mortes aumentou para 43.

Também foram notificados três óbitos por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) – todos na rede pública de saúde. Dois ocorreram na noite de ontem (16) – uma adolescente de 12 anos e um idoso de 80. O terceiro registro aconteceu hoje.  Era um homem de 55 anos. O material biológico coletado dos pacientes foi enviado para o Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen), no Recife. A prefeitura aguarda os resultados.

Internamentos

A taxa de ocupação geral dos leitos de UTI da rede pública é de 55%. Dos 40 leitos disponíveis, 22 estão ocupados, sendo 7 por pacientes de Petrolina e 15 de outras cidades da região. Os dados completos podem ser acessados no link.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome