Cliente se revolta por ter cartão de crédito com sobrenome “vagabunda”; banco explica

por Carlos Britto // 05 de julho de 2022 às 17:19

Foto: arquivo pessoal

Uma cliente do C6 Bank não escondeu a revolta devido a um equívoco do banco virtual, que enviou um cartão de crédito para ela com o sobrenome de “vagabunda”. O banco inicialmente justificou que a própria usuária do banco virtual trocou o sobrenome por “vagabunda” ao pedir um cartão de crédito. No entanto a mulher, de 29 anos, nega que tenha pedido o cartão com o xingamento.

Em nota, o C6 Bank detalhou que a mulher fez o acesso no aplicativo, solicitou o novo cartão e autenticou a transação com senha, “sem interferência de nenhuma pessoa no processo“.

Por outro lado, a cliente do banco virtual não vê o “porquê” de ter pedido o próprio cartão com o sobrenome trocado por um xingamento. “Fiquei revoltada, não entendi a situação. Jamais eu pediria meu próprio cartão com esse nome. Tinha gente em casa, fiquei constrangida. Me senti humilhada, fiquei sem jeito e sem saber o que estava acontecendo. Será que eles [banco virtual] não viram que isso é uma ofensa?“, questiona a mulher.

Em conversa com o g1, a mulher detalha que possui conta no C6 Bank há mais de um ano. Segundo ela, o cartão foi recusado por duas vezes, mesmo com dinheiro na conta. Após as tentativas de compras frustradas, a mulher decidiu emitir outro cartão.

Fiz o pedido pelo aplicativo. Entrei na aba para pedir um novo cartão e solicitei, o aplicativo não pediu alteração de dados em nenhum momento, apenas solicitei. Jamais faria isso. O meu primeiro cartão estava normal, não fiz nada além de pedir o cartão normalmente“, finaliza a cliente.

O que diz o banco

Em nota, o C6 Bank, banco que enviou o cartão, disse que acompanha o processo e que se coloca à disposição para reemitir o cartão.

Leia o posicionamento abaixo:

Checamos os logs de acesso ao nosso app e, segundo os registros, o pedido do cartão com o nome foi feito pelo aplicativo da usuária, em transação autenticada por senha, sem interferência de nenhuma pessoa no processo. A cliente poderá fazer a reemissão do cartão sem nenhum custo“. (Fonte: g1-MS)

Cliente se revolta por ter cartão de crédito com sobrenome “vagabunda”; banco explica

  1. Irineu disse:

    Bom investigar, mais nesse caso eu acredito mais no banco! Devido poder colocar qualquer nome ou apelido no cartão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.