Câmara de Juazeiro realiza audiência pública para discutir veto de Bolsonaro aos precatórios do antigo Fundef

1
Professor Gilmar Nery fala na tribuna da Câmara. Foto: Ascom

O presidente da Câmara de Vereadores de Juazeiro (BA), Alex Tanuri, convocou uma audiência pública para esta terça-feira (15), às 9h. O objetivo é discutir com a APLB/Sindicato e Procuradoria do município o veto do presidente Jair Bolsonaro ao parágrafo único do artigo 7º da Lei 14057/2020, que trata da destinação dos precatórios do antigo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef). 

O parágrafo vetado garantia pelo menos 60% do seu montante para os profissionais do magistério ativos, inativos e pensionista. Revoltados com a decisão de Bolsonaro, professores de todo o Brasil que começam a se mobilizar para pressionar os deputados e senadores a derrubarem o veto. 

Na manhã desta segunda-feira (14) o presidente da APLB/Sindicato em Juazeiro, Gilmar Nery, participou da sessão ordinária da Câmara de Vereadores e esclareceu dúvidas sobre os precatórios e os direitos dos professores. Alex Tanuri reforçou a necessidade de ampla mobilização e colocou a Câmara à disposição dos docentes. 

Por causa da pandemia e em obediência às regras ditadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), governo estadual e decretos municipais, a audiência não contará com participantes no plenário da Casa Aprígio Duarte, sendo transmitida pelas redes sociais da Câmara e site institucional.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome