Ausência de representante do HDM/Imip em audiência pública é criticada: “faltou respeito”

1

GEDC0283A audiência pública realizada ontem (16) na Casa Plínio Amorim seria uma ótima oportunidade para esclarecer as recentes denúncias contra o Hospital Dom Malan (HDM)/Imip, não fosse por um detalhe: nenhum representante da unidade médica compareceu à reunião.

A ausência incomodou o presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Odacy Amorim  e também o vereador Ronaldo Cancão (PSB), que repudiaram o não comparecimento de representantes.

Eu repudio esta ausência do Imip, a falta de compromisso com a sociedade. São mais de seis processos instaurados sobre mortes de crianças, e não marcar presença para dar esclarecimento é, no mínimo, uma falta de respeito. O representante do governador, o secretário Iran [Saúde] estava no Estado. Faltou respeito, até porque tem um contrato do Imip com o Dom Malan, e as informações são de que este contrato é de cerca de R$ 4 milhões”, disse.

Durante a reunião, o governo do Estado foi representado pelo diretor geral do grupo de assistências, Dr. Thiago César. Aborrecido, o vereador também voltou a fazer críticas ao Governo Paulo Câmara. “O governador precisa tomar uma providência. Sou amigo do governador, mas sou amigo do povo. Precisamos parar com estes relatórios e dados fictícios, a secretária Lúcia (Giesta) veio aqui mostrando um relatório dizendo que tudo estava perfeito, mas todo dia chegam dezenas de pessoas atrás de exame  e remédios, mas não tem”, disse.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome