Atual cenário do Matadouro de Afrânio é alvo de críticas

6

matadouro afrânio

As condições vistas atualmente no Matadouro de Afrânio (PE), no Sertão do São Francisco, mereceram duras críticas por parte do comunitário José Francisco Fernandes, que fez um desabafo contundente ao Blog.

Confiram:

Carlos Britto, é impressionante como vivemos o tempo da inversão de valores, principalmente quando se aproxima o ano eleitoral. Embora tenhamos conhecimentos das mazelas que assolam a nossa sociedade, alguns, de forma ambiciosa, observam outras comunidades e esquecem a sua.

Afrânio hoje é uma cidade esquecida, apesar de ter representantes sumariamente eleitos pelo seu povo. Lamentavelmente observamos constantemente deputados federais fazendo comentários de municípios próximos somente porque se intitulam pré-candidatos a algo. Puro furdunço eleitoreiro, a fim de se colocar em evidência.

Recentemente um desses postou um vídeo referente ao matadouro de Petrolina, prédio este que o mesmo nunca colocou os pés dentro, mas no que se reporta sua cidade do coração (ou propriedade), sabe das condições precárias e desumanas que os serviços são oferecidos e nada faz.

matadouro afrânio2Estou aqui indignado porque, enquanto membro da comunidade de Afrânio, percebo o comércio de produtos de origem animal de forma clandestina, principalmente a carne oriunda do matadouro público, cujas fotos por si só dispensam comentários.

Infelizmente uma cidade em que a população é obrigada a colocar bandeira exposta na frente da casa para informar em quem vota, não tem vez e voz.

Os produtos que saem dali não são carnes, são proliferações de coliformes que serão posteriormente consumidas pela população. Deixo aqui a minha fala revoltada pois quem não tem competência não promete o que não pode.

José Francisco Fernandes/Comunitário

6 COMENTÁRIOS

  1. Caros leitores desse blog, venho aqui dizer a todos vocês que sou dessa terrinha do doce de leite e conheço muito bem o trabalho da Prefeita Lúcia Mariano e do Deputado federal Adalberto Cavalcanti, e segundo essa matéria o Sr. José Francisco Fernandes mostra um tanto indignado. Pois bem senhores, percebam as palavras do nosso amigo. Até parece que foi um dos assessores da oposição, que usou apenas mais uma vítima para tentar confundir os leitores Petrolinenses. O produto em questão que está indo até os consumidores, é altamente inspecionado por profissionais formados e qualificados. Já vi inúmeras vezes o trabalho. Posso lhes garantir que não é bem essa a verdade (proliferações de coliformes). É fácil pegar algumas fotos em ângulos ruins e tentar persuadir o povo em geral, difícil seria colocar fotos dos pontos positivos, isso sim… Sabemos que isso é o reflexo da política. Nada é perfeito, mas o que difere o Deputado Federal Adalberto dos demais políticos, é a sua persistência em está sempre melhorando, ajudando o seu povo. A oposição sabe que a única forma de atacá-lo é criticando o trabalho dele. Quero finalizar minhas palavras dizendo-lhes que falo por muitos que não conseguem chegar até aqui e expressar o trabalho dessa equipe. Abraços a todos

  2. É importante observar que alem da situação triste do matadouro, tem uma caixa sem a tampa há muito tempo que serve de criadouro para o mosquito da dengue zika e outros. Outra grrandiooooosa obra de 2007, gestão do Deputado, ” A lagoa azul,ou melhor do mosquito, há não me enganei, À lAGOA DE SANEAMNETO que até hoje não recebeu sequer 1 metro cubíco de dejeto. PARABENS Jose Francisco pela denuncia. Afranio precisa de força, coragem e atitude para dar não a esse slogan que há alegria com essa adiministraçao que so tem propaganda.

  3. Esse deputado tá achando que a população de Petrolina é igual a de Afrânio, o povo de Petrolina já lhe conheci deputado, conheci sua grosseria e estupidez, não vão entregar a administração de uma cidade nacionalmente conhecida pra analfabeto como você, Vai estudar animal.

  4. A questão não é a formação, isso ele até tem. o problema dele é genético mesmo, a grosseria, a estupides e a arrogância está no sangue. Todos os Cavalcanti Rodrigues são assim! O povo de Afrânio suporta ele assim, porque dependem de Prefeitura para tudo na vida, até uma pomada de R$ 5,00 eles pedem à Prefeitura, isso faz com que Adalberto tenha todos em suas mãos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

cinco × 4 =