Atleta de Jaguarari conquista medalha inédita para a Bahia nos Jogos Escolares da Juventude 2015

0

alessandroUm atleta do município de Jaguarari, no Norte da Bahia, conquistou uma medalha inédita para o Estado durante os Jogos Escolares da Juventude 2015, realizado no último final de semana em Fortaleza (CE).

Com o tempo de 2min44s70, Alessandro da Silva Souza, de 14 anos, conquistou o terceiro lugar, ficando com a medalha de bronze – feito inédito para a Bahia.

Aluno do 8º ano da Escola Municipal de Produção, em Jaguarari, Alessandro participou dos Jogos Escolares da Juventude pela segunda vez. Ele e mais 18 meninos e meninas com faixa etária de 12 a 14 anos  de Jaguarari, Juazeiro e Salvador representaram o atletismo baiano em Fortaleza.

Desse grupo, dez são de cidade do norte baiano. Junto com outros 130 jovens, eles praticam o atletismo no Instituto Internacional do Esporte, Atenção e Formação, chamada em Jaguarari e região como Escolinha de Esporte do Flamengo ou, simplesmente, ‘Escola do Ferreirinha’ – como é conhecido Antônio Ferreira Bonfim Filho, diretor do projeto de atletismo desenvolvido há 10 anos na localidade. Quarto filho de Ferreirinha, Alessandro não esconde o orgulho de ter o pai como treinador. “É muito bom”, respondeu ele, emocionado e com poucas palavras.

Campeonato Mirim

Neste domingo (13), Alessandro volta à pista para disputar novamente os 1.000 metros rasos pelo Campeonato Baiano Mirim, que acontece em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS) – nessa competição, irão participar 40 jovens de Jaguarari. Quando voltar à sua cidade, retomará o treinamento para o Campeonato Norte/Nordeste de sua categoria, que acontece no início de outubro, em São Luís, no Maranhão. Há ainda o campeonato brasileiro interclubes, que será realizado de 16 a 18 do mesmo mês, em São Paulo, e está na mira de Alessandro e de Ferreirinha.

Natação

A natação baiana também voltou a fazer bonito na competição, com Thiago da Silva conquistando a terceira medalha de prata na competição (duas em provas de 200 metros livres e uma no revezamento 4 x 100). Ao todo, a Bahia conquistou um total de oito medalhas – quatro pratas para natação, duas pratas para o judô e duas bronze (judô feminino e atletismo). (foto: Setre/divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome