Assinados contrato e ordem de serviço para obras do Centro Gastronômico de Juazeiro; equipamento deve ficar pronto no início de 2020

3
(Foto: Divulgação)

O prefeito de Juazeiro (BA), Paulo Bomfim, e representantes da empresa Donkey Beer – Hemerson Castro, Ubiratan Rios e Ubiratan Filho – oficializaram nesta quinta-feira (28/02) a assinatura do contrato de concessão de uso de bem público, a título oneroso, destinado a implantação do Centro Gastronômico, Cultural e Lazer, bem como a Ordem de Serviço autorizando início imediato das obras de requalificação dos espaços dos antigos galpões da Franave, na Orla II da cidade baiana.

O ato aconteceu em solenidade no gabinete do prefeito, no Paço Municipal, e contou com a participação do assistente especial da Casa Civil, Isaac Carvalho, que esteve representando o governador Rui Costa, além dos dos deputados estaduais Roberto Carlos e Crisóstomo Lima (Zó), o presidente da Câmara Municipal de Juazeiro Alex Tanuri, secretários de governo, vereadores, autoridades locais, comunidade – entre outros. Após a assinatura, o prefeito, empresários e equipe de governo visitaram os galpões para acompanhar o início das obras. De acordo com o contrato assinado, o prazo estabelecido para execução dos serviços de requalificação do imóvel, é de 12 meses, a partir da data da assinatura da Ordem de Serviço.

Bomfim aproveitou para agradecer o apoio e o comprometimento do Governo do Estado em ajudar o município a concretizar essa ação, ao ceder o uso do espaço aos empresários que acreditaram no potencial de crescimento de Juazeiro para investir, e à população, que apóia e confia na sua gestão.

Hoje posso dizer que já nasceu uma nova Juazeiro. A Juazeiro de hoje com certeza não é a que recebemos em 2009, que o juazeirense precisava atravessar a ponte para ir ao shopping, ou para fazer as compras mensais de sua casa, pois hoje dispomos de todos esses empreendimentos em nossa cidade. Agora vamos concretizar a chegada de mais um, que é o Centro Gastronômico, e com certeza refletirá na valorização desse espaço histórico da nossa Juazeiro. Além de ponto turístico, vai gerar mais de 400 empregos. Agradeço a todos os parceiros que colaboraram para chegarmos até aqui, aos empresários, ao Governo do Estado através da CAR e Conder, à Câmara de Vereadores e a todos que apoiam ou colaboram com o nosso governo”, declarou o gestor.

(Foto: Divulgação)

Centro Gastronômico

O equipamento, que será construído na Orla 2 de Juazeiro, contará com ambientes diferenciados com cardápios variados e comidas típicas regionais, além de churrascaria, pizzaria, restaurante, frutos do mar, sushi bar, e espaço kids. O local terá espaço para seis ou dez restaurantes e dois ou três bares, além do Empório da Agricultura Familiar, que terá diversos espaços integrados – entre eles supermercados, restaurantes, lanchonetes, feira de produtos orgânicos e auditório para capacitação.

De acordo com o secretário Hemerson Guimarães, que também participou da cerimônia, o Centro Gastronômico tem como objetivo oferecer serviços de alimentação, integração das pessoas, aproveitamento seu potencial turístico. A Obra beneficia uma área de aproximadamente 2.350 metros quadrados (m²), com requalificação e reforma do prédio, que deverá obedecer necessariamente o projeto arquitetônico, observando critérios e diretrizes de intervenção para projetos de restauração e reurbanização do entorno.

A proposta contempla a implantação completa do Centro Gastronômico, especificamente com a implantação de uma cervejaria artesanal e diversas modalidades culinárias, cafeteria, um espaço destinado a brinquedos, parque infantil, espaços para os artesanatos locais e souvenirs diversos, sendo um lote indivisível. Será um centro com arquitetura arrojada, localizada às margens do Velho Chico, combinando sua beleza natural e culinária regional com um amplo espaço de atendimento a todos”, explicou o titular da Secretaria de Obras e Desenvolvimento Urbano (Sedur).

Compromisso

Para o empresário Hemerson Castro, representante da Donkey Beer, é uma grande responsabilidade e um compromisso a ser honrado junto ao povo de Juazeiro, que é resgatar a estrutura dos Casarões. “Fico muito feliz em fazer parte dessa conquista da gestão do prefeito Paulo Bomfim, que lutou para viabilizar a concessão do uso desse espaço, e o mesmo deixe de ser um referencial de abandono. Na hora que o prefeito abriu as portas hoje aqui, ele deixou para trás esse abandono e, a partir desse, passamos a construir uma nova história para os casarões, que muito em breve serão transformados em Centro Gastronômico”, destacou o empresário.

3 COMENTÁRIOS

  1. Um grade ganho para todos nós de Juazeiro e região, mais um espaço de turismo e lazer, além disso serão gerado mais emprego para nosso povo. Não tenho duvidas que valorizará mais nossa orla e agradará aos juazeirenses e turista.

  2. Parabéns aos juazeirenses, o Vale ganha mais um espaço de laser para os turistas, somos cidades irmãs, e siamesas, unidas pelo Velho Chico, o resto é futrica de gente desocupada, de um petrolinense apaixonado por Juazeiro.

  3. Houve concorrência pública para escolher os permissionários? Pois eu não fiquei sabendo, e adoraria “ganhar” da prefeitura uma área nesse local que é público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome