Após clamor de petrolinenses, prefeitura deflagra Operação ‘Catedral’ na área da Praça Dom Malan

por Carlos Britto // 19 de maio de 2021 às 21:00

Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

Após tantas reclamações dos petrolinenses, inclusive divulgadas por este Blog, a Secretaria-Executiva de Segurança Pública da Prefeitura de Petrolina colocou em prática nesta quarta-feira (19), no Centro da cidade, a Operação ‘Catedral’. O trabalho, que começou pela Praça Dom Malan, tem como objetivo restabelecer a ordem pública, coibir a criminalidade, o tráfico de drogas e atividades irregulares. Ultimamente a área tem sido palco para brigas de flanelinhas e de usuários de crack, entre outros problemas alertados por quem mora próximo ou é frequentador da praça.

De acordo com o secretário-executivo Cícero Dirceu, a ação é apenas o início do que está sendo planejado pela prefeitura para melhorar a segurança e devolver a tranquilidade às pessoas que circulam pelo local. “Estamos trabalhando para garantir a segurança e proteção de todos os petrolinenses“, pontuou.

Dirceu lembrou ainda que os agentes atuarão todos os dias e utilizarão os veículos da Guarda Civil Municipal (GCM). Além disso, vão receber também o suporte de um ônibus da corporação, que auxiliará nas operações e realizará o monitoramento de vídeo de toda a área.

Durante abordagem, nesta quarta, a equipe da GCM conduziu uma mulher à delegacia de plantão. Ela estava com 30 gramas de maconha. A população pode acionar a Secretaria Executiva de Segurança Pública através da Central de Atendimentos, no telefone 153 ou pelo WhatsApp (87) 9 8106-7310.

Após clamor de petrolinenses, prefeitura deflagra Operação ‘Catedral’ na área da Praça Dom Malan

  1. Sempre Atento disse:

    Finalmente depois de 1000 anos,como aquele velho ditado antes tarde do que nunca, só espero que depois de 2 dias estejam todos de volta .

  2. Mislene Correia disse:

    E eu pergunto pra onde vao levar esse povo? Vão continuar nas ruas, em outros locais, tirando o sossego de outras pessoas?

    1. Ana disse:

      Petrolina não tem abrigo, não tem um programa para promover a reinserção dessas pessoas no mercado de trabalho. Basta tirar daqui que eles migram para ali. Simples assim. Colocar viaturas hoje não garante que amanhã outra área ser a explorada por eles. Agora deveriam olhar para o Beco da Cultura, a rua Padre Fraga e a rodoviária. Criminalizar a pobreza, a vulnerabilidade social não resolve a longo prazo.

  3. Josefa Maria disse:

    Graças a Deus! Até que enfim temos uma maravilhosa notícia. Amo essa praça, mas nem sei quando sentei
    e passei por lá. Muito medo e até vergonha de vir uma praça tão linda se acabando desse jeito. Viva Petrolina linda e amada!

  4. Concordo disse:

    Tem que fazer a limpeza geral. Droga é uma droga.

  5. Francisco Luiz da Silva Neto disse:

    De passagem por este instrumento de Comunicação, aproveito para Parabenizar o Secretário CICERO DIRCEU, que com seus Projetos de faxina da Praça Dom Malam, devolve aos transeuntes daquela área,a Paz e a Certeza de não ser explorado; aproveito para lembrar que o Vereador José de Alencar ( recém Eleito), fez um requerimento para que o 5º B.P.M-PE, também para que seja feito algumas ações no entorno do Hospital Memorial, Hospital Neuro cardio e INSS, para melhorar o Contingente de Flanelinhas naquela área, e também Secretario, à Rua Castro Alves, Centro, nas aproximações do Banco SANTANDER e Rua POLÔNIA, estão precisando de alguma atenção do Poder Público. ( o lugar certo para lavar veículos, continua sendo em Posto de lavagem ).

  6. JOCA disse:

    PARABÉNS! Petrolinenses não podem ficar reféns de usuários de drogas, que tristemente para os pais de família, há partidos de Esquerda conseguindo descriminalizar essas porcarias tão nocivas à sociedade!

  7. Snoop disse:

    Antes restrita à rodoviária, agora a cracolândia migrou para o centro, e pelo visto vai virar a matriz. É difícil andar por lá sem ser abordado por um drogado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *