Apesar de estrutura própria, prefeitura abastece em posto particular e vereadora cobra o motivo

por Carlos Britto // 28 de maio de 2009 às 07:00

A vereadora Maria Elena (PSB) entrou ontem (27) com requerimento (veja abaixo) e interpelou o líder do governo, Pérsio Antunes (PMDB), solicitando explicações do motivo pelo qual a Prefeitura de Petrolina, que tem sua própria central de abastecimento (funciona na Central de Transportes, na avenida da Integração) e sempre comprou combustível direto da distribuidora, está abastecendo sua frota no Posto Orla.

Ela perguntou ainda se a decisão de abastecer em posto particular passou por licitação.

Em conversa com a nossa reportagem, o vereador Pérsio Antunes disse que foi informado pelo assessor especial Orlando Tolentino que existe um certo problema com a licença ambiental e que também acredita que desta forma o combustível fique mais barato. Ele não soube precisar se para a prefeitura abastecer no Posto Orla aconteceu alguma licitação.

Comentário meu:

A Central de Transportes nunca foi mesmo um exemplo de ética ou lisura pelas administrações anteriores. Contudo, deixar de comprar combustível direto na distribuidora para comprar em posto particular (que já coloca sua margem de lucro) é no mínimo estranho.
Como estranho é se isso não passou por uma licitação, princípio básico e obrigatório do serviço público.

A Câmara prestará um grande serviço à comunidade se fizer menos audiência pública desnecessária e fiscalizar o Executivo Municipal, cumprindo seu papel institucional.

A prefeitura fará também a sua parte esclarecendo essas dúvidas. O Blog está aberto às respostas do executivo, mas vamos enviar a pergunta à assessoria de imprensa para que tenhamos conhecimento dessa verdade, informando aos nossos leitores.

Leia abaixo o requerimento da vereadora e veja fotos do abastecimento no posto:

100_1479

100_1475maria1

Apesar de estrutura própria, prefeitura abastece em posto particular e vereadora cobra o motivo

  1. PETROLINA NÃO PODE ESPERAR! disse:

    Boa VEREADORA.

    São estas coisas aparentemente pequeninas que se tornam um grande DESFALQUE, pode até parecer picuinha, mas é de grande relevância. O PAPEL DO VEREADOR é este mesmo, se parecer estranho que peça para ser esclarecido, pois é o dinheiro do CONTRIBUINTE que está em jogo e é direito de todo CIDADÃO saber onde está sendo empregado o seu dinheiro, mesmo já sabendo para onde ele está indo. PARABÉNS VEREADORA.

  2. Cláudia Amorim disse:

    Faz vergonha esse tipo de acontecimento.!

    Tenho em minha mente que DIRETO DA FONTE é melhor e mais barato, seja em produtos ou serviços.

    Por que motivos a ” Prefeitura ” acha mais conveniente abastecer em um Posto de Gasolina, mesmo tendo sua própria Central de Abastecimento.?

    Para mim isso se chama “Favorecimento” e/ou “Superfaturamento”.!

  3. Zefinha Alves disse:

    Queremos EXPLICAÇÕES prefeito!

    Foi ou não foi feito licitação?

    Por que não usar a sua própria central?

    A Prefeitura questionando falta de verba para Educação, Saúde, Infra-estrutura (que estão tapando buraco com lixo), e não falta verba para abastecer em posto particular?

  4. SOBREVIVENDO disse:

    Dois pontos:
    1) As audiencias publicas são necessárias. Socializa as informações, a população toma conhecimento melhor dos fatos;
    2) Será que o Posto Orla doou recursos para a camapanha?

  5. Cecilia Alencarc disse:

    Parabéns, vereadora! Você está aí pra fiscalisar mesmo ,é o dinheiro do
    povo que está em jogo, não podemos ficar calado. ACHO QUE NÃO HOUVE LICITAÇÃO, ISSO É PROTEÇÃO MESMO. CONTINUE ASSIM, NÃO É A TOA QUE VOCÊ É A MAIS VOTADA.

  6. Valéria Dias da Silva disse:

    Sempre acompanho seu blog, no entanto até o momento nunca tinha me sentido motivada a participar, comentar…
    Boa notícia esta que vc coloca aqui, o Prefeito terá de se explicar! Mas o seguinte, é dever do vereador fiscalizar, porém quando você diz que os vereadores deveriam fazer menos audiências públicas deixa bem claro qual é o seu lugar, ou seja sua opinião sobre as audiências. De fato, dos anos que moro aqui nunca vi tanta audiência como agora. Mas não se esqueça, Britto (você que e bem entendido de política, pois já tem vários anos de bastidores como assessor) que audiência é dever do Legislativo também. Se tiver alguma dúvida experimente acompanhar as pautas da Câmara e do Senado e verá como a audiência pública é uma atividade permanente do poder legislativo.
    Discordo de cada linha de seu “comentário meu”
    Um abraço

  7. ANZOL disse:

    A 10informação e o 10conhecimento são marcas fortes no governo Lóssio. Resta-nos a dúvida se realmente o vereador Pérsio está falando a verdade quando diz 10conhecer a informação se houve ou não licitação, que é o primeiro passo para qualquer prestação de serviço por terceiro a qualquer repartição pública.Como lider governo ele não pode ter sido pego de calça curta em relação a esse acontecimento. Se foi é porque eu estou certo, essa administração é mesmo 10sorganizada e 10sarticulada.

  8. ATENTO disse:

    Já teve o caso da coleta de lixo, que de repente saiu a Sanepav e entrou a Venâncio; agora, abastecimento em rede particular, que nem o líder do governo municipal (vereador Pérsi(m)o Antunes) sabe se foi feita licitação. O Ministério Público tb precisa investigar. Ou seria o caso de uma CPI?

  9. Tabareo disse:

    Tem coisa aí
    É a nova Petrolina com cara de velha.
    Será que até os politicos novos tem um discurso para
    a eleição e no poder esquecem tudo????????
    PETROLINA ESTÁ PERDIDA.

  10. Kabeção com K disse:

    Valeu “ANZOL”Vc pescou tudo e acabou dando 10 em tudo pra Júlio Lóssio,ele tá agradecido.

  11. Carlos Andre disse:

    Bom dia

    Brito sou leitor assiduo de seu blog, mas dessa vez acho que você no minimo colocou um comentario preconceituso a respeito das audiencias publicas fetias na Casa Plinio Amorim, nem eu nem a moir parte dos colegas que converso considera as audiencias desnecessarias e acho que é uma prerrogativa sim da camara realizar as audiencias publicas em cima de assuntos de interesse da população visando aumentar o debate e esclarecer pontos obscuros. A camara a meu ver está de parabens com a realização das audiencias publicas.
    Quanto ao fato de abastecer em um posto particular isso é despedicio de dinheiro publico , já que a prefeitura comprando diretamente da Petrobas tem descosto dos impostos sobre a gasolina e o desconto do lucro que os postos tem que colocar em seu preço. outro fato importante de observar é que central de tranporte mesmo em situação precaria não permite que carro de particulares sejam abastecido pela Prefeitura , intimida e coibe essa pratica ja que tem muita gente no local que perceberia caso ocorra esse fato. Já em posto particular esse controle é impossivel´, dependeria unicamente dos dono do posto beneficiado fazer a denuncia.

    um abraço

  12. Sofia disse:

    Se dúvidas essa notícia tem ‘panos para manga’!
    1º lugar gostaria de Parabenizar a vereadora por tal iniciativa, não se coagindo de retaliações que poderá sofrer com tal denúncia, desde dos tempos do PRODECON, onde ela ‘enfrentou’ o Cartel existente na nossa cidade das empresas de combustíveis, tiro meu chapéu para sua coragem e ações destemidas.
    2º Espero que as pessoas entendam, que também é papel do vereador fiscalizar a gestão, obras e gastos públicos, prestando conta sempre a sociedade, não levando como picuinha o ato de Mª Elena (existe sempre os dedos pobres aqui no blog);
    3º Entendo qdo Britto fala das audiências, muitas vezes vejo esses eventos só como Marketing do vereador querendo se aparecer e sem acreditar na causa discutida, sendo apenas meio de polemizar e está na mídia;
    4º Concordo com os leitores qdo dizem que a administração da Prefeitura desconhece muitas coisas, está não é a primeira notícia do blog, que alguém relacionado ao governo, tomou alguma medida por desconhecer coisas já existentes (seria despreparo?);
    5º Espero que exista uma boa explicativa para o favorecimento de tal empresa, não ficando como a questão di lixo (hj de maneira desorganizada, e colocando em risco os trabalhadores, sem ‘licitação’, e por redução de custos ((houve??)))
    6º Aguardamos explicações e torcemos pelo o sucesso da administração da Prefeitura!

  13. Solange Rios disse:

    Se Carlos Britto fala que as audiências são neste sentido colocado pela leitora assima, então que ele diga quem são os vereadores que se promovem com as audiências. Isto aqui é um blog, exprime a opinião do autor, então não tem porque insunuar. Blog é espaço do autor se colocar, pontuar suas opiniões! Promover audiências públicas também é dever do legislativo.

  14. Caline Morais disse:

    Essa historia de que nas legislaturas anteriores não existiram grandes audiencias publicas não procede. Os blogueiros não se lembram outros desconhecem, mas Quirino , Pedro Norberto Rui Wanderley, a propria Maria Elena entre outros , levaram debates atraves de audiencias como o taxa de iluminação pública, abastecimento dàgua,violencia contra mulher , Distrito de Irrigação que eu me lembre. Quanto a Vereadora Maria Elena, parabens pela iniciativa e gostaria que a resposta a esse importante assunto fosse posta na midia para acompanharmos até o fim esse assunto. Peço também Vereadora que dê uma fiscalizada no PRODECON . Sera que ele vem mantendo o nivel que a senhora deixou. Parabens Calos Brito.

  15. Alves disse:

    Quero discordar do sr. Carlos Brito quando ele diz que a Central de Transporte nas administrações anteriores não funcionava com etica, etc… pelo contrario, além de um controle rígido ( feito por um funcionario que é mudo, perdoi-me, esqueci o nome), que não transgredia uma virgula, ela trazia para os cofres públicos uma economia muito grande, pois o combustivel era adquirido diretamente na fonte. Hoje vemos esse absurdo da administração J. Locio mudar o sistema e ainda vir com essa vaga explicação de o CPRH proibiu o seu funcionamento do geito que estava. Nos poupe Senhor Prefeito. Essa explicação não nos convence assim como não convenceu a dada para suspender os serviços da SANEPAV, nem para suspenção dos pagamentos feitos pelo pRrefeito anterior. Avante Maria Elena.

  16. Leila Tatiane disse:

    Tudo virá polemica nesse blog. Pelo que entendi a Vereadora apenas pediu esclarecimento ao governo municipal acerca do abastecimento dos veículos da Prefeitura. Ela esta cumprindo o papel dela de Vereadora. Agora vocês não acham que antes de critica o gov. Julio Locio, devemos esperar a sua resposta a Vereadora?não é mais justo?

  17. IRRITADO SCUMUNGADO disse:

    Carlos Britto pode ate moderar por um todo o meu comentário, mais doa em quem doer, a aqui cito a verdade:
    Na central se fazia coisas que ate o diabo duvida, lá se abastecia carros da prefeitura e principalmente carros de particulares, onde eram colocados nos recibos as placas de carros quebrados para substituir as de particulares. Onibus de empresas de turismo da cidade não faltavam. Trocava-se combustiveis por votos. Se duvidarem do que estou dizendo, eu vou mandar todas as fotos que tirei ate o ultimo dia. Era uma verdadeira esculhanbação. Agora ficam acusando o atual prefeito disso e daquilo tendo todos o rabo preso na mão. Esta certo Dr. Julio o senhor como prefeito tomar essa atitude. meus parabens, o sr. esta correto. vamos acabar com estes crapulas e aproveitadores das coisas publicas.
    Quero afirmar que isso não é nenhum ato de revolta e sim de verdade.
    Numca fui e nem pretendo ter emprego em orgãos publicos, pois sou um pequeno autonomo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *