5º BPM reconhece equívoco em resenha e ressalta que não houve homicídio ontem no João de Deus

0

O 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) reconheceu um equívoco na resenha diária enviada à imprensa no final da noite de quarta-feira (14), em que constava a informação de que um ex-presidiário tinha sido assassinado com 16 tiros no Bairro João de Deus, zona oeste de Petrolina.

De acordo com o comando do 5º BPM, esse homicídio aconteceu no mês de janeiro, e não ontem, como foi destacado. O problema ocorreu porque o documento errado foi enviado em anexo, na noite de ontem. Portanto, o 5º BPM e o Blog ressaltam que não foi registrado homicídio no Bairro João de Deus.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

dois × 2 =