Alunos de escola pública de Santa Maria da Boa Vista integram estudo sobre Bioma Caatinga

Os alunos do Erempem – Escola de Referência do Ensino Médio Professora Edite Matos em Santa Maria da Boa Vista, no sertão do São Francisco, puderam conhecer os resultados de uma pesquisa que está sendo desenvolvida na Univasf (Universidade Federal do Vale do São Francisco) com apoio da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e Sudene – Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste. Trata-se de um estudo profundo sobre o potencial das plantas encontradas no Bioma Caatinga.

“Inicialmente visitamos as comunidades tradicionais das cidades de Lagoa Grande e Santa Maria e Buíque e conhecemos as plantas para a partir daí elaborar uma lista das que tem maior potencial medicinal. Levamos para a Universidade e estudamos. Agora estamos trazendo os resultados para a população do que encontramos”, disse a professora Márcia Vanusa, do Departamento de Bioquímica da UFPE, que encabeça a pesquisa.

“Além do potencial medicinal, as plantas encontradas na caatinga em nosso município foram analisados também os potenciais cosméticos e alimentares dessas ervas. O objetivo é que futuramente isso possa mobilizar e impulsionar o desenvolvimento dessa região, quem sabe com a produção de um repelente natural”, afirmou Vanusa.

A pesquisadora afirma que Bioma Caatinga é o único desse tipo no mundo e por isso guarda muitas riquezas ainda desconhecidas, em meio aos galhos secos e pequenos arbustos. “Embora muita gente não perceba que a caatinga conserva em seu solo seco e árido vidas diferentes – fauna e flora diversificadas e exclusivas mundialmente. Por isso, a Univasf, também com o apoio da Prefeitura Municipal, vem se debruçando nos estudos detalhados desse Bioma”, finalizou a professora.

Petrolina lança projeto Orla Nossa de preservação do Rio São Francisco

O prefeito Miguel Coelho (PSB) acompanha, nesta segunda-feira (20), às 10h, o lançamento do projeto Orla Nossa. A iniciativa agrega uma série de atividades para preservar o Rio São Francisco e envolver a população na defesa do maior patrimônio natural do Vale.

A primeira etapa do projeto foi destinada a estudos técnicos sobre a situação da orla fluvial. Agora, as equipes da Prefeitura irão retirar baronesas e lixo nas margens do Velho Chico. Também será realizada, em parceria com a Compesa, uma operação para identificar ligações clandestinas e fechar tubulações que despejam esgoto no rio.

O projeto Orla Nossa é uma iniciativa da Prefeitura de Petrolina coordenada pela Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA). O trabalho envolve diversas secretarias, Governo do Estado e IF Sertão na defesa do Rio São Francisco. (Foto: Ascom)

Vereador Aero Cruz acompanha equipes da Prefeitura em limpeza de baronesas no Rio São Francisco

A Prefeitura de Petrolina iniciou nesta sexta-feira, 17, a limpeza das baronesas do Rio São Francisco. Quem acompanhou o serviço de perto, no início da tarde foi o vereador Aero Cruz (PSB). O trabalho vem sendo desempenhado pela secretaria de Habitação e Infraestrutura e pela Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA). Aero que é um ribeirinho apaixonado pelo Velho Chico, elogiou a postura do prefeito Miguel Coelho (PSB) em olhar para uma ação tão importante como é a proteção do rio.

“Como um petrolinense nascido e criado na beira do rio, fico feliz em ver que o prefeito Miguel tem a preocupação em cuidar e proteger o nosso Rio São Francisco. Agora vamos atuar firme junto ao prefeito para que as obras de saneamento compartilhadas entre a Prefeitura e a Compesa, sejam concluídas o quanto antes para que os esgotos deixem de ser uma realidade dura e cruel nesse que é o nosso maior patrimônio”, concluiu Aero Cruz.

Iniciado hoje em Petrolina projeto audiovisual que busca sensibilizar a população sobre as tradições pernambucanas

O Projeto “O Sertão Vai Virar Mar” estará em expedição por Pernambuco entre hoje (17) e o próximo dia 26, produzindo material audiovisual que resgata tradição, cultura, arte, belezas naturais, folclore e depoimentos sobre a temática Água. A ação visa a sensibilizar a população sobre as tradições locais. Assim como sugere o nome, a iniciativa começa pelo sertão pernambucano e vai até o litoral do Estado.

Iniciado hoje em Petrolina, o projeto passará em sua primeira fase por Salgueiro, Serra Talhada, Floresta, Itacuruba, Petrolândia, Tacaratu, Garanhuns, Caruaru, Bezerros, Ponta de Pedras, chegando a Olinda e Recife.

Haverá mais 2 fases, com passagem por outras Regiões de Desenvolvimento do Estado. Idealizadora e curadora do projeto, a premiada fotógrafa Patrícia Patriota ficará responsável pelos registros em vídeo e fotografia. A expedição, que se trata de um projeto independente, conta também com a presença de Patrícia Xavier, gestora ambiental, além do acolhimento de importantes atores locais das comunidades a serem visitadas.

Prefeitura de Juazeiro mantém parceria com a Moscamed para pesquisa de controle do Aedes aegypti

Prefeitura de Juazeiro (BA) manterá a parceria com a Moscamed Brasil para pesquisa de controle do Aedes aegypti. O prefeito Paulo Bomfim se reuniu com o diretor da Moscamed, Jair Fernandes Virginio, para tratar do início das atividades de monitoramento e controle do mosquito no Distrito de Carnaíba do Sertão, zona rural do município. O Secretário da Saúde, Plínio Amorim, participou do encontro e colocou a estrutura da pasta à disposição, assim como o Chefe de Gabinete, Vilmar Ferreira.

A preocupação com o Aedes, vetor de mais de 24 doenças, é mundial, o que torna este projeto pioneiro não somente no país, mas no mundo. “Nós estamos colocando Juazeiro numa posição de destaque no campo da ciência e da tecnologia que hoje está sendo desenvolvida aqui. O prefeito hipotecou apoio ao projeto e se comprometeu em nos auxiliar, juntamente com o secretário da Saúde. Estamos somando esforços para que a gente o mais rápido possível possa aportar uma solução para o controle desse vetor“, declarou Jair Fernandes, diretor da Moscamed.

Para Plínio Amorim, esta é uma parceria importante, pois consolida com o trabalho já realizado pela secretaria da Saúde no controle de doenças como dengue, Zika e Chikungunya. Já Paulo Bomfim garantiu que o município vai continuar colocando a estrutura necessária para que as pesquisas de controle do mosquito Aedes continuem sendo exitosas em Juazeiro.

Operação Sossego fiscaliza novas áreas e estabelecimentos em Petrolina

A Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA) realizou neste final de semana, mais uma edição da “Operação Sossego nos Bairros”, com o apoio da Guarda Municipal e da Ordem Pública para coibir irregularidades. Na ação, que aconteceu nos bairros Jardim São Paulo, Quati, João de Deus, Cosme e Damião, São Gonçalo e na Rua do Cajueiro, no bairro Areia Branca, foram realizadas notificações por uso abusivo de som automotivo e um  bar que encerrou suas atividades por realizar evento sem autorização dos órgãos competentes.

Conforme informações do agente Jilmar Barros, gerente de educação no trânsito, a Operação vai ocorrer de forma contínua e objetiva realizar fiscalizações de trânsito e abordagens de pessoas visando coibir a prática da perturbação da tranquilidade e do sossego público provocada pelos altos volumes de som.

“A Operação Sossego nos Bairros acontece todo final de semana. Estaremos nas ruas para combater a criminalidade e manter a ordem pública, inibindo, principalmente, o uso de som alto”, comentou Jilmar. Quem quiser denunciar casos desse tipo pode acionar a ouvidoria da Ammpla, através do número 156. (Foto: Ascom)

Campanha alerta para a exploração indevida de árvores nativas na BR-235/BA

A Gestão Ambiental da BR-235/BA, executada pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), e o Consórcio EMPA/CCM/CCL, responsável pela obra no Lote 1 – que fica entre a divisa dos Estados Sergipe e Bahia até Jeremoabo – da rodovia, trabalham juntos para evitar o corte indevido da flora local. Estão sendo realizadas orientações aos moradores e proprietários de terra para que não cortem árvores nativas que ficam na faixa de domínio.

O que acontece é que, após a construtora demarcar a área da rodovia com cerca de arrame, alguns moradores, sem nenhum consentimento, começam a cortar as árvores que ficam na faixa de domínio, no pensamento de que toda aquela flora será suprimida. Porém, na verdade, não é isso que é feito. Com o compromisso de conservação da natureza, a Implantação e Pavimentação da BR-235/BA mantem algumas plantas nativas que não comprometam o traçado da estrada.

Equipes já presenciaram alguns proprietários realizando o corte de árvores que estão dentro da faixa de domínio da rodovia. Além das atividades da Gestão Ambiental da BR-235/BA e do respeito ambiental do Consórcio EMPA/CCM/CCL, é preciso a colaboração da comunidade para manter vivas árvores locais, como Aroeira, Baraúna, Barriguda, Juazeiro, Mandacaru, Mulungu e Umbuzeiro.

A Gestão Ambiental da BR-235/BA, por meio do Subprograma de Supressão de Vegetação (SSV), já realiza a marcação de árvores com grande importância na região com o intuito da construtora avaliar a real necessidade de cortá-las. Os serviços em execução obedecem aos preceitos do desenvolvimento sustentável estabelecidos na Política Ambiental do Ministério dos Transportes, bem como à legislação e às normas ambientais vigentes. (foto/divulgação)

Petrolina tem novo processo simplificado de licenciamento ambiental

Com o objetivo de tornar mais ágil o processo para se obter uma licença ambiental em Petrolina, a Agência Municipal do Meio Ambiente (AMMA) passou a adotar novas regras no procedimento. O novo protocolo, denominado de Licenciamento Ambiental Simplificado (LAS), contempla as unidades residenciais com até 04 banheiros, independente da área construída, desde que estejam em ambientes urbanos e fora de Área de Preservação Permanente.

Os casos de pequenas reformas ou ampliações de imóveis, além da regularização das intervenções que não tenham sido devidamente autorizadas, também podem ser submetidos ao mesmo procedimento de licenciamento. Agora, os documentos requeridos são apresentados junto com o formulário de inscrição e declaração de responsabilidade para a obtenção de uma licença única. Antes existia o trâmite da Licença Prévia, Licença de Instalação e Licença de Operação, com tempo médio de 90 dias para liberação.

O LAS e a declaração de responsabilidade, por parte do requerente, foram regulamentados através da Instrução Normativa Nº 001/2017, e está em vigor desde a publicação, no dia 07 de março de 2017. O valor da taxa a ser paga, assim como os documentos exigidos variam de acordo com o porte e as dimensões do empreendimento. A iniciativa visa uma adequação à Instrução Normativa Nº 002/2014 e consiste em um sistema onde os empreendimentos de baixo potencial poluidor podem obter seu licenciamento ambiental de maneira simplificada.

Atendimento  

Por se tratar de um novo procedimento, algumas pessoas ainda estão com dúvidas sobre como e onde obter o licenciamento ambiental de empreendimentos. De acordo com a AMMA, todo o processo deve ser realizado junto à agência e não na Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), responsável pela emissão de outras licenças urbanas. Nenhum processo é protocolado sem que esteja com a documentação completa. A AMMA funciona na rua Crispim Amorim Coelho, 303, no Centro de Petrolina. O atendimento ao público começa às 7h e vai até às 13h. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (87) 3866-2779.

Parceria entre Prefeitura e IF Sertão-PE resultará em manutenção da vegetação das praças em Petrolina

A Prefeitura de Petrolina e o Instituto federal do Sertão de Pernambuco (IF Sertão-PE) firmaram parceria para manutenção da vegetação das praças da cidade. Através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (SEDURBS), a ideia é qualificar as equipes de manutenção de praças e jardins a fim de que a vegetação desses espaços públicos possam receber a devida atenção para que se desenvolvam de forma adequada.

Dentro dessa proposta, um curso teórico/prático será ministrado pelo corpo docente do IF Sertão-PE. As aulas começam no dia 25 deste mês, com duas abordagens diferentes: jardinagem e poda. A primeira, com ênfase na importância das plantas para a paisagem urbana, manejo de solo e água, além da produção de defensivos agrícolas atóxicos para o meio ambiente. Enquanto que a segunda possui foco nos cuidados com o manuseio das ferramentas, tipos de plantas e suas estruturas.

Viveiro

Dentro da proposta da parceria, também está incluído o resgate do Viveiro de Mudas do IF Sertão-PE. A ideia é que o espaço possa servir como fonte de plantas ornamentais, árvores e arbustos que vão ser inseridos nas praças e jardins da cidade. Dessa forma, a revitalização dos locais – como o Parque Municipal Josepha Coelho, por exemplo – vai poder ocorrer de forma mais ágil e eficaz.

Senador FBC comemora chegada das águas do São Francisco à Paraíba

O senador Fernando Bezerra Coelho (PSB-PE), que integrou ontem (10) a comitiva presidencial nas solenidades de inauguração de estruturas do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf), comemorou, no início desta tarde, a chegada das águas do “Velho Chico” ao município de Monteiro (PB). “É mais que a concretização de um grande projeto. É a chegada de esperança ao povo nordestino”, destacou Fernando Bezerra, que foi ministro da Integração Nacional e um dos gestores do Pisf.

Juntamente com o presidente Michel Temer, o líder do PSB no Senado participou, ainda ontem, da visita ao Complexo Multimodal Aluízio Campos e da assinatura de ordem de serviço para a adequação da capacidade da BR-230 – trecho Cabedelo-Oitizeiro – em Campina Grande (PB). Na sequência, eles estiverem em Sertânia (PE) para a abertura da comporta do Reservatório de Campos.

Também participaram da comitiva presidencial, os ministros da Integração Nacional, Helder Barbalho, e dos Transportes, Maurício Quintella; e os ministros pernambucanos de Minas e Energia, Fernando Filho; da Educação, Mendonça Filho; e das Cidades, Bruno Araújo, além de outras autoridades do Executivo e do Legislativo. (foto/divulgação)

(c) 2015 Blog do Carlos Britto | produzido por proximavenda.com.br