Unimed VSF apresenta em assembleia relatório de gestão, prestação de contas e plano de ação para 2020

1
Foto: divulgação

Uma organização confiável, moderna e sólida que vem aprimorando os programas de promoção à saúde e prevenção de doenças, buscando tecnologias para transformar desafios em oportunidades. Está foi a sensação que ficou na noite da última quinta-feira (20), na sede da Unimed Vale do São Francisco (VSF), após realização da Assembleia Geral Ordinária (AGO).

O encontro foi aberto pelo diretor presidente da entidade, médico Francisco Otaviano, que apresentou os resultados obtidos no ano 2019 e o plano de trabalho para 2020. “O ano de 2019 foi marcante para nossa cooperativa, colocamos em operação o Hospital Unimed em Petrolina, o maior hospital privado da região, e em resposta às mais diversas inovações fomos reconhecidos nacionalmente com o Prêmio SomosCoop Excelência em Gestão, promovido pelo Sescoop Nacional em parceria com a Fundação Nacional de Qualidade”, avaliou. Ele projetou ainda para este ano um cenário de otimismo com a dinamização da economia e geração de mais empregos e renda. “Estamos com uma expectativa positiva e uma agenda bastante diversificada para a execução das diretrizes do nosso planejamento estratégico”, completou.

Na sequência, os demais diretores e médicos, Francisco Aires, Luiz Gustavo Mendes e Carlos Tadeu se revezaram demonstrando os fluxos de entradas e saídas de capitais e prestando contas do relatório de gestão de 2019 e das ações desenvolvidas nas áreas médica, administrativa, financeira e comercial.

A cada item apresentado, os cooperados tiravam as dúvidas e, após os esclarecimentos, a assembleia seguia com os pontos aprovados em votações abertas e democráticas – uma prática comum no cooperativismo -, a exemplo da escolha do novo Conselho Fiscal, que foi eleito por unanimidade com os nomes dos médicos Itamar Santos, Gabriel Alves de Oliveira Júnior e Anderson Armstrong.

Foto: reprodução

História

Às vésperas de completar três décadas e contando com 508 médicos cooperados e 66.087 clientes, a Unimed VSF se reinventa continuamente, inovando e atualizando seus conceitos sem jamais se afastar dos princípios cooperativistas. Uma estrutura assistencial que é referência em todo país.

1 COMENTÁRIO

  1. Seguradora Unimed /SA de são Paulo inserir dados falso no sistema da ANS e faz tribunal condenar paciente sem ter usufruindo do plano de saúde .endenta o caso o autor tinha o plano de saúde (VITAE) que foi bloqueado indevidamente sem impugnação ao débito sem pedido de reembolso sem descriminação dos valores pagos precisando do plano de saúde de caráter de urgência para comprar de remédio.consultas.exames médico de uso continuo interruptor procurou a ( ANS para solucionar seu problemas que foi pego de surpresa que tinha plano da Unimed de São Paulo sem portabilidade.sem contrato assinado e sem ter a carteirinha para fazer consulta médicas constava que o autor tinha 497 dia no uso do plano de saúde Unimed sem nunca fazer uma consulta com o médico da Unimed inclusive em São Paulo que Nao conhece e nunca esteve lá e constava 497 dia no uso do plano da Unimed de São Paulo vendo que era fraude por parte das operadoras procurar o MPF que encaminhou para o MPMG que mandou procurar a justiça de Timóteo mg e relatar o acontecido que procurou um advogado especialista em direito do consumidor que deu entrada no processo relatando o acontecido ao invés da justiça procurar saber o acontecido condenou o autor a pagar para Unimed de São Paulo os 497 dia de uso no plano de saúde da Unimed sem ter pelo menos ter entrado num consultório ou fazer exames com médico da Unimed o fato como eles conseguiram induzir a secretária.o juiz e o tribunal de justiça ao errario fazendo acredita que o autor tinha o plano de saúde da Unimed causando danos irreparável ao autor sem ter usufruindo do plano no qual nunca teve acesso e nunca ter feito uma consulta numa clínica porque para fazer a consulta tinha que ter o plano de saúde e depois o contrato assinado e por último ter a carteirinha do plano estão violando o preceito basse da constituição federal no artigo 5* inciso xxxv e todos os diploma legal começando pelo código do consumidor o autor requer que devolver os $ 3.156.00 pago indevidamente a operadora do plano de Saúde da Unimed . processo 5001587.52.2016.8.13.0687 PJe Timóteo/MG

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome