União Brasil e as contradições de Bivar

por Carlos Britto // 23 de setembro de 2022 às 13:30

Luciano Bivar, presidente nacional do União Brasil. (Foto: Blog do Carlos Britto)

Não é fácil a vida no União Brasil. O partido volta ao olho do furacão com a notícia de que a candidata da legenda a presidência Soraya Thronicke, tomou a decisão de paralisar a campanha devido à falta de dinheiro. A Folha de São Paulo informou que Soraya estaria passando por uma crise interna junto à alta cúpula do União Brasil. A sigla não estaria repassando os recursos prometidos para financiar a campanha.

Paralelo a isso, há um vídeo circulando que acusa o radialista Dílson Oliveira de ter recebido dinheiro do partido para trocar a candidatura a estadual pela de federal para ajudar o deputado federal e candidato à reeleição, Luciano Bivar (União). Agora, o candidato Raffiê Dellon (UB) anunciou apoio à candidatura de Marília Arraes ao Governo de Pernambuco.

Raffiê não tinha engolido a confirmação da candidatura de Dílson Oliveira, que concorreria com ele, mas migrou para federal. Ainda assim, Raffiê mantém a dobradinha com Bivar, e garantiu mais de R$ 1 milhão para sua a campanha. “Agradeço ao deputado Luciano Bivar de pensar a política com grandeza e por cumprir tudo o que acertamos”, disse ele. Bivar não deu uma palavra sobre isso.

O União Brasil recebeu R$ 757.970.221,27 do Fundo Eleitoral para a campanha de cargos majoritários e proporcionais em 2022. A maior fatia do fundo nacional, diga-se de passagem. Outros R$ 250 milhões estariam nos cofres do partido, fruto de eleições passadas.

União Brasil e as contradições de Bivar

  1. Thiaro disse:

    Só tem artista!!!!

  2. Fas disse:

    E a roubalheira continua, sempre assim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.