TSE cria Núcleo de Inteligência para combater violência política

por Carlos Britto // 04 de setembro de 2022 às 12:10

Foto: Foto: Rafael Furtado

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) instituiu o Núcleo de Inteligência voltado ao enfrentamento da violência política nas Eleições 2022. A ação é fruto de uma parceria firmada entre o TSE e o Conselho Nacional de Comandantes-Gerais das Polícias Militares (CNCG). A forma de atuação ainda será definida pelo presidente do Tribunal, ministro Alexandre de Moraes, que também exercerá a presidência do núcleo especializado.

O núcleo será formado por representantes do TSE e também do CNCG, que atuarão em conjunto para coletar dados e processar informações de interesse da segurança pública durante o período eleitoral.

Por parte da Corte Eleitoral, além do ministro Alexandre de Moraes, o grupo contará com a participação do juiz auxiliar Marco Antonio Martin Vargas, que ficará responsável pela Secretaria-Executiva; o assessor-chefe da Assessoria Especial de Enfrentamento à Desinformação (AEED) Eduardo de Oliveira Tagliaferro; e Roberto Allegretti.

Já o CNCG será representado pelo tenente-coronel da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), Waldicharbel Gomes Moreira; pelo tenente-coronel da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), Lázaro Tavares de Melo da Silva; e pelo tenente-coronel da PM da Bahia (PMBA), José Luís Santos Silva. (Fonte: Folha/PE)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.