Suposto assédio sexual em escola municipal de Petrolina abala comunidade do Alto do Cocar

por Carlos Britto // 03 de agosto de 2022 às 10:24

Foto: ilustração internet

Petrolina foi sacudida, na manhã desta quarta-feira (3), pela denúncia de um suposto caso de assédio sexual em uma unidade escolar da rede municipal de ensino. O fato foi registrado na Escola Júlia Elisa Coelho, localizada no Bairro Alto do Cocar (zona oeste).

De acordo com informações já repassadas à imprensa, o suspeito seria o próprio gestor da escola. Ele não teve o nome divulgado, assim como a estudante vítima do crime.

O Conselho Tutelar e a Polícia Civil (PC) foram acionados acerca da denúncia, que deverá ser apurada sob sigilo. Procurada pelo Blog, a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes (SEDUCE), por meio de sua assessoria de comunicação, informou que irá se manifestar sobre o caso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.