Sobre falta de professores na rede municipal de Petrolina, Aero tacha Valgueiro de “fazer carnaval” e garante que problema não chega a 1% das escolas

0
Foto: Ascom CMP/divulgação

Líder da bancada governista na Casa Plínio Amorim, o vereador Aero Cruz (PSB) rebateu veementemente na sessão plenária desta terça-feira (20) as críticas feitas pelo líder da oposição, Paulo Valgueiro (MDB), acerca de recentes denúncias relacionadas à falta de professores em escolas da rede municipal. Segundo Aero, Petrolina tem 82 estabelecimentos de ensino da rede e em apenas cinco o problema foi constatado.

O vereador explicou que a ausência dos professores deve-se a motivos de saúde. “O que aconteceu é que o professor, que é lotado naquela escola, está doente, e ninguém pede para adoecer. A prova disso é que o professor apresentou atestado médico”, refutou.

Aero ressaltou já ter conversado com a secretária de Educação, Margareth Costa, para substituir os educadores adoentados. “Ela me disse que já está corrigindo, e nenhum aluno vai deixar de ter seus 200 dias/aula porque vai haver reposições”. O líder governista reforçou ainda que o problema não corresponde nem a 1% da rede. “Temos hoje 2.066 professores, entre contratados e efetivos. E nesses dois anos e seis meses, já colocamos quase mil professores. Isso é um avanço na educação”, pontuou.

Tachando a atitude do vereador Valgueiro de “carnaval”, Aero lembrou que até o momento a gestão do prefeito Miguel Coelho (sem partido) já realizou a revitalização de quase 50 escolas– o que, segundo ele, deixou de ser feito na gestão passada. “Isso o vereador esqueceu de dizer”, cutucou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome